LOGAN NO INOMINATA 616

Um podcast para se despedir de Hugh Jackman no papel de Wolverine

50 ANOS DE MARVEL

Um podcast com toda história da Marvel no Brasil! Imperdível!

A VOLTA DOS GUARDIÕES

Acompanhe as novidades do segundo filme dos Guardiões da Galáxia

PANINI EM 2017

A editora aracno-mutante Carol Pimentel conversou com o Mutação em Debate a respeito das primeiras novidades da Marvel pela Panini em 2017. Confira!

UMA GAROTA CHAMADA LAURA

Conheça mais sobre quem é a X-23 nos quadrinhos!

FIM DA GUERRA CIVIL II

Depois de muita espera, o que já tem sido corriqueiro quando se trata de um trabalho de Brian M. Bendis, finalmente a Guerra Civil II foi concluída

Cabeça de Teia nos cinemas

Homem-Aranha de volta a Marvel

DEFENSORES

Saiba as novidades da série do ano pelo Netflix

Conheça os Inumanos

Os seres mais misteriosos do universo ganham um seriado de luxo

PUNHO DE FERRO

Confira tudo sobre a mais nova série do Netflix

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Quarteto Fantástico: Viver Não é Preciso

Susan Richards está formando uma nova equipe beneficente de super-heroínas. Johnny Storm tem um novo apartamento, uma banda e um reality show começando em breve. Ben Grimm, um encontro com uma professora de sua antiga escola na Rua Yancy. Já Reed Richards, presencia algo muito maior que qualquer outra coisa: O Neomundo, o lugar para onde a humanidade vai quando a Terra morrer. Isso é o que já aconteceu, o que vem a seguir, Mark Millar e Bryan Hitch continuam nos mostrando nas edições 45 e 46 de Universo Marvel.

Capa

A segunda parte do arco que abre a nova fase do Quarteto Fantástico começa com um flashback de vinte anos atrás, quando Alyssa Moy explica ao seu colega de classe da Universidade de Viena Reed Richards por que eles não devem nem começar um caso: ambos são tão brilhantes, que devem espalhar seus genes o máximo possível, sendo um verdadeiro egoísmo com o futuro da humanidade deixar as pessoas ignorantes reproduzirem-se entre si e guardar sua genialidade mútua para uma prole em comum. Isso, hoje. Amanhã é outra história, segundo ela.

Eis que voltamos nossa atenção para esse amanhã, nosso presente. Enquanto guiam Reed num tour pelo Neomundo, Alyssa e seu marido Ted revelam mais sobre o projeto. O Cartel da Terra foi formado pelos homens mais ricos do mundo, ao perceberem que os dias da Terra estavam contados. Mas não se trata de uma ameaça estilo Galactus, e sim do colapso global que conhecemos; porém, segundo a doutora, os números são bem piores do que o divulgado: o planeta se tornará inóspito em menos de dez anos. Não é mais nem mesmo possível solucionar o problema, o mundo está condenado de qualquer forma.

O planeta está sendo replicado detalhadamente, mas algumas coisas serão diferentes. A mais importante delas é o fato de que armas não serão aceitas. A polícia existirá como apoio social apenas, e nenhuma organização militar poderá existir; quem portar armas será considerado fora-da-lei. Para que as regras sejam mantidas, haverá apenas um vigilante: CAP – sigla para “Conservar, Amparar e Proteger”. Por fim, o casal solicita a ajuda de Richards como cientista, deixando claro que não há o que possa fazer como super-herói.

Imagem1

De volta ao Edifício Baxter, porém já de saída novamente, Reed trava uma curta conversa com Ben, tendo que pegar um buraco de minhoca que logo se fechará, destinado ao outro extremo do universo. Ele afirma a urgência quando lembrado pelo amigo de que nem falara com a esposa e os filhos desde sua recente volta. Grimm acredita que o motivo seja Alyssa, teorizando que ela deve ter lido a respeito dos recentes problemas conjugais do casal fantástico, sobre a nova equipe de Sue e resolveu “cair matando” no Sr. Fantástico. Ele julga a hipótese ridícula, e o Coisa relembra que a doutora é um Reed Richards de saia, e que Susan acredita que o marido só casou com ela porque Moy não o quis. Reed considera aquilo insano e parte dizendo a Ben que todos os seus problemas com Sue estão resolvidos.

Em seu novo apartamento, Johnny é acordado - às seis da tarde - por seu agente Miguel, que o avisa que está atrasado para o ensaio de sua banda. O Tocha Humana se apressa, mas, no caminho, se depara com um assalto a um caminhão de diamantes que precisa impedir. Logo após começar a confrontar a nova vilã, a luta é levada para um depósito e acaba de forma inusitada, com a atração física que partilham um pelo outro superando a situação herói/vilão.

Imagem2

Enquanto isso, no QG do Cartel da Terra, no Pólo Norte, Ted teoriza que uma parte de sua esposa ainda ame Reed Richards, e ela responde que não, eles são parecidos demais e nunca daria certo nada entre eles. Mas ele continua, dizendo que talvez isso seja apenas o que ela diz a si mesma, tendo acreditado que Reed sempre estaria lá e se irritando ao ver alguém mais com o seu brinquedinho. Ela despreza a tese, afirmando que o marido não deve ser tão esperto quanto pensa. Uma emergência interrompe a conversa: CAP escapou. O membro da equipe que relata o ocorrido acredita que ele tenha ouvido o dr. Richards citar os soldados da Terra e tenha ido atrás deles. Ainda afirma que o robô havia desativado sua trava de segurança, se tornando impossível detê-lo. Usando o monitoramento da base, Alyssa nota que ele se dirige para o sul, a procura de soldados.

Os primeiros soldados encontrados são membros da Força Aérea do Alasca que atendem um chamado. CAP os aniquila e ainda neutraliza a base de onde vieram, ambos com facilidade ímpar. Acompanhando os passos da máquina, Alyssa diz que devem se concentrar nas suas próximas ações. Há uma base nuclear próxima dali e ela programou CAP para caçar a destruir as maiores armas primeiro. Ela diz que é um golpe de sorte, mas acha que reunindo um grande número de super-humanos, será possível derrotar o robô. Sem perder tempo, Ted pede à SHIELD que envie cada superser em seu catálogo.

Imagem 3

Enquanto a equipe técnica instala as câmeras e microfones no apartamento de Johnny Storm, para seu futuro reality show, este se desculpa a Miguel, explicando que precisou deter uma supervilã e passou quase a noite toda lutando como ela. O empresário não nega que a situação é publicitariamente útil, mas o aconselha a levar a carreira musical mais a sério, dizendo ter fitas demo da metade dos Vingadores. Voltando ao seu quarto, no qual se encontra Psiônica, sua vilã amante, Johnny pede a ela para não contar o ocorrido a ninguém. Ela diz que guardará segredo, e precisa ir trabalhar agora; porque super-heróis não são os únicos com identidades secretas. Ainda diz para ele ficar calmo, ela vai ligar.

No Baxter, Sue procura pelo marido e é informada de que ele ainda não voltou. Mas ela só está revisando a lista de possíveis babás e queria pedir a opinião de Reed a respeito de contratar alguém do meio super-humano; talvez Wolverine, já que ele participa de tantas equipes hoje em dia. É aí que Alyssa chega, à procura de Reed. Ao ser informada da ausência do doutor, ela pede à Mulher Invisível para reunir os membros disponíveis da equipe e quem mais puder.

Imagem 4

Juntamente com o Tocha Humana e o Coisa, as duas se encontram no Alasca, perto do forte que seria alvo de CAP. Ted avisa a esposa de que este fora evacuado, e afirma que a SHIELD liberou quarenta de seus pesos pesados para auxiliá-los.Mas onde estariam eles? Lá mesmo, há oito minutos, segundo os informes. É então que Alyssa e os demais os contemplam, como podemos ver abaixo:

Imagem 5

CAP logo aparece, derrotando Ben e Johnny facilmente, assim como os campos de força que Sue erguera em torno de si mesma e Alyssa. A doutora faz CAP relembrar sua função mais básica, a primeira coisa que ela colocara em seu disco rígido: um mecanismo de defesa que impede o robô de atacar a ela e ao marido sob quaisquer circunstâncias. É neste momento que o Coisa e Tocha Humana o atacam novamente, sendo acompanhados pelos demais heróis presentes, já em melhor estado. *Nota: É curioso notar que vários heróis anti-registro estão presentes, incluindo quase todos os Novos Vingadores. Um tanto estranho que ele tenham sido enviados pela SHIELD.

Na base do Cartel da Terra, Ted Castle afirma que CAP encontrou seus teleportadores, derrotou o Quarteto Fantástico, adentrou o Forte Greely – seu alvo no Alasca -, e o está destruindo. Logo depois, diz que o robô está se teleportando para a Rússia, enquanto começa a se desesperar, junto de seus colegas, ao perceber que a crise está se tornando global. É então que a voz de Reed Richards ressoa através de um alto falante dentro da base, afirmando que está a caminho.

Photobucket

Será o Sr. Fantástico capaz de resolver toda a situação? A resposta vem no próximo mês, na conclusão do arco. Aguardemos, porque depois de pérolas como a formação do novo supercasal, piadas sobre demos musicais dos Vingadores e Wolverine babá, e o conjunto da obra em si, as expectativas de boas histórias só aumentam.

Léo

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Homem de Ferro: vivendo um dia e uma missão de cada vez

Mais um dia na vida de Tony Stark, diretor da SHIELD. Mais uma missão. Mais uma ameaça mundial e vidas em perigo. Mais um dia em que ele não sabe se volta. Mais um dia para confrontar seus erros passados e presentes. Assim são os dias do Homem de Ferro.

Photobucket


Deixando um pouco de lado toda a invasão Skrull, a quase demissão do cargo de diretor, as intrigas da SHIELD, Mandarim e extremis (vistos aqui), na edição 28 de Avante, Vingadores!, Tony Stark vive mais um dia como diretor da SHIELD. Nem só de extremos vive Anthony. O problema da vez é uma ameaça terrorista em território Russo, na verdade com o Kiriquistão, que não se dá lá muito bem com a Rússia. A equipe alfa de agentes da SHIELD é quem irá verificar a missão. Ela inclui diversos agentes em armaduras produzidas por Stark e o próprio Homem de Ferro como soldado, sendo que o comando da operação está com Hill.

Tony está aonde gosta, no campo, não em um gabinete. É só assim que ele supre a falta que sente da bebida, das inúmeras mulheres, da vida boêmia que levava no passado. Sempre agrada ver que os roteiristas não esqueceram quem o herói é, e que, algo assim, não se esquece do dia para a noite e, provavelmente, nem por toda a vida. Ele descreve as sensações que lhe fazem falta, descreve a constante coceira na garganta pela necessidade de álcool e que nada, nada resolve. Mas, como ele mesmo diz, “ainda bem que existem outros baratos”. E o barato de Tony é estar voando, em missão, a adrenalina de procurar uma bomba nuclear.

Photobucket

Uma das bombas explode enquanto um dos agentes a verificava. Ele é recuperado vivo e a radiação atmosférica gerada se dissipa, o que fica no ar é apenas a dúvida de como isso acontece? O Homem de Ferro encontra outro dispositivo, e ele não é muito comum. Uma “mini” bomba, feita com nanotecnologia. Com auxílio de sua nova aquisição na armadura: microscópios de força atômica (um microscópio eletrônico muuito potente), ele verifica o que acontece dentro da nanobomba. E, descrevendo todo um processo atômico bizarro que não vamos entrar em detalhes, ele a desarma. A pressão para fazer o delicado procedimento é enorme, e é nessas horas que a coceira volta, ele ouve os cubos de gelo tilintando em um copo, e a sede de álcool aumenta. Porém, mais uma vez, o barato de resolver o problema supera.

É então que a SHIELD recebe uma transmissão do terrorista. É uma ameaça de vingança contra o governo do Kiriquistão que matou e mutilou sua mulher. Tony o reconhece, ele era um antigo amigo, da época em que Tony cometia muitos erros e usava seu “antigo barato”. O nome dele é Nasim Rahimov e, anos atrás, fez um acordo com Stark de patrocínio e acesso à pesquisa de microcircuitos da indústria Stark. Através deste contato ele pode desenvolver nanobombas com capacidade de repressão da radiação (também por nanotecnologia...). Um apaixonado por miniaturização e ajudar nas injustiças de guerra, mas que foi preso e torturado por não gostarem de sua pesquisa no novo governo totalitário do Kiriquistão após a queda da união soviética. Mais uma vez, Tony sente que aquilo é culpa sua.

Photobucket

Dum Dum (que já sabemos que não é lá muito confiável) faz um comentário infeliz se referindo muito provavelmente a Nick Fury “É um saco quando colegas de birita da gente viram fugitivos procurados...” e a resposta de Anthony é “Não tenho colegas de birita, Dugan. Apenas erros antigos”, mostrando, mais uma vez, a desvinciliação (essa palavra existe?) que o herói tenta ter dessa vida.

Enquanto isso, no pentágono, um agente da SHIELD chamado Nicolas Weir (ou o “outro Nick”), alegando ter permissão de Jack Koonig (que, como sabemos morreu nas mãos de Mandarim na última edição) para ver uma arma chamada “trombeta arrasadora” (uma arma nunca mais usada de tão perigosa), tem um comportamento muito suspeito. Não é para menos, na menor possibilidade ele neutraliza o agente que o acompanha e libera o conteúdo de uma maleta misteriosa. Quando é atacado por outros agentes, Nick, como todo bom vilão, explica seu plano: Ele desenvolveu muita tecnologia bélica para SHIELD, tudo que a SHIELD usava até então, mas eis que surge o Homem de Ferro e sua “outra” tecnologia, e seus anos de dedicação vão para o espaço (coisa de irritar qualquer um, né?).

Ele usa “sua” nanotecnologia para formar uma “nuvem montadora nanomolecular” (nota da editora: já estou me acostumando com os termos estranhos de muitas sílabas das histórias do Homem de Ferro) que sai de sua pasta estranha em forma de névoa. A névoa contém milhões de robôs minúsculos, com informações inerentes com tarefas específicas que irão reconstruir a arma trombeta (reformulá-la). O problema é que algo sai errado, a reconstrução sai de controle. A arma, como viva, ataca os agentes e seu “criador” foge. Reforços chegam e são abatidos. A arma agora, possui certa inteligência, mas não consegue acessar um de seus comandos, recorrendo a seu construtor (como a maioria das máquinas inteligentes o faz).

Capturado dentro da estrutura da arma, ele explica que é uma salvaguarda para que a arma (que agora atende por “mente arrasadora” e tem a forma de em cérebro humano) só se ative com uma ordem humana. A máquina não é nada boba e quer forçá-lo a dar essa ordem, mas ocorre um pacto. Ele quer que a arma faça algo antes.

Photobucket

De volta ao Kiriquistão, Tony e seus alfas captam o local onde as bombas devem estar armazenadas e vão atrás delas. Eles rendem os mercenários que a guardavam e pedem por Rahimov. Surge então um “ex” mercenário, constado na folha de pagamento da SHIELD alegando ser um mensageiro, Paladino. Surge, então, uma mensagem de Nasim pedindo que o ex-amigo não interfira, mas paladino logo atira com uma arma que afeta a armadura do herói. E a armadura cada vez responde menos, não se recompõe. Tony se pergunta como um mercenário com poder de “arma atordoante” faria isso... a não ser que ele não fosse paladino, e sim, Rahimov.

Não há muito tempo para pensar. Tony está no chão, inabilitado. Hill e Dugan tentam contato em vão, mais uma ameaça aponta. A mente avassaladora vem na direção deles e rápido. Dentro dela um Nicolas totalmente assimilado à maquina que realizará seu desejo para que possa acessar seus comandos: “mostrar a Tony Stark o verdadeiro significado de armas especiais.”.

Photobucket

Cammy

terça-feira, 28 de abril de 2009

Onde esteve o Nick Fury?

Nicholas Fury

Uma coisa é inconstestável. Desde sua saída do comando da SHIELD, as coisas só ficaram cada vez mais estranhas e incontroláveis. Com a Queda dos Vingadores, o planeta perdeu a unidade de heróis que sempre garantiram a segurança dos mais diferentes tipos de ameaças, terrenas ou espaciais. Depois da Dinastia M, o número de mutantes reduziu para mais de um décimo e um novo cenário da distribuição de superseres foi desenhado no mundo. Com a Guerra Civil, os lados até então bem estabelecidos que separavam o bem do mal foram embaralhados. Agora, temos a Invasão Secreta de uma raça alienigena ameaçando nossa existência. As fundações do passado simplesmente caíram. Sem ele, o mundo certamente tornou-se um lugar inseguro. Daí, durante todo esse tempo, muitos questionavam o mesmo - Onde esta Nick Fury?

A resposta está na edição 28 de Avante, Vingadores! Nela, temos uma rápida sintese da última vez que Fury deu sinal de vida, no evento chamado Guerra Secreta, minissérie lançada aqui no Brasil alguns anos atrás. Nela, foi mostrada um ação cladestina da SHIELD em que Fury abusou de artifícios ilegais para convocar alguns heróis de diferentes grupos para uma força tarefa especial.

Esse time obscuro foi responsável por uma invasão não autorizada a Latvéria (num tempo em que Destino estava exilado no Inferno). Tal ato acabou tendo consequências gravíssimas na política internacional, gerou uma contra-ação que implicou num incidente delicado em território americano e Nick Fury foi responsabilizado por tudo. No entanto, Fury conseguiu escapar e deixou no seu lugar um MVA. Antes de ser destruído, o Modelo de Vida Artificial deixou uma última mensagem se despedindo e alertando os heróis ali presentes de que um dia iriam entender porque o coronel agiu daquela maneira.

Nicholas Fury

Pouco tempo depois, a história nos mostra que Nicholas estaria isolado em uma cidadezinha menor, provavelmente na América Latina. Lá, usando um disfarce com indutor de imagem (que lhe conferiu uma aparência bem parecida com o Nic Fury ultimate?), ele acabou recenbendo a visita de uma mulher difarçada - sua agente e amante Condessa Valentina Allegra.

Nicholas Fury

Foi o lance de uma só noite. Foi seu primeiro contato com alguém da SHIELD depois do incidente internacional. Ela acordou em seus braços, saiu prometendo trazer um café da manhã e rumou para bem longe do hotel onde Nic estava hospedado. Num dos becos, encontrou um desconhecido e prometeu-lhe estar conquistando a confiança do Coronel. Mal imaginava a mulher que estava sendo seguida pelo próprio Fury, com um disfarce de invisibilidade.

Nicholas Fury

A conversa entre os dois era bastante suspeita. Aquela que se passava pela Condessa sempre se referia a uma tal "Rainha", enquanto que o sujeito exigia que ela apressasse-se em sua missão e descobrisse logo as senhas de Fury. O encontro entre aqueles dois terminou breve, Fury decidiu voltar para o hotel e esperou a falsa Valentina com uma arma nas mãos.

"Quem é você de verdade?" exigiu o coronel Fury.

Nicholas Fury

Não tendo uma resposta convincente, Nicholas alvejou-a na testa. O corpo caiu sem vida no chão, mas não mais parecia humano. No lugar, estava um Skrull. Rapidamente, Nick decidiu deixar o lugar. Utilizou mais uma vez o modo de invisibilidade e registrou a conversa num dialeto estranho dos parceiros daquela skrull quando foram recoletar o corpo.

Duas semanas depois, Fury aparece nos aposentos de Maria Hill, sua substituta, coletando informações de um dos terminais de computador. Hill desperta e tem um papo nada amistoso com seu antecessor. Ambos parecem se testar na conversa e Fury a deixa com dois pequenos avisos:

Nicholas Fury

Primeiro, é que ela não está segura ali. Tem coisa errada na SHIELD e é bom ela se precaver. Aconselha que ela construa modelos artificiais de vida para ela e fique esperta. Bem esperta.

O segundo aviso é de que ele vai estar vigiando ela de perto. Caso insinue que ela não é quem diz ser e não está atuando pelo bem do planeta, ele vai atuar. E ela não vai ver o dia seguinte.

Então, Fury parte, saltando do aeroporta-aviões. O lugar entra em código branco, mas nada impede sua fuga. Nicholas entra em modo de camuflagem e nenhum saltador de para-quedas pode mais capturá-lo.

Dois meses depois, a próxima da lista de Fury é a agente Drew. Ela parece bem zangada pelo coronel tê-la abandonado, mas ainda assim o escuta quando esse a requisita para mais um favor. Agora, ao invés de ser apenas agente dupla, ele a quer também respondendo a ele. "O interesse é pelo bem da humanidade" diz Fury e então revela sobre suas descobertas meses atrás sobre os Skrulls.

Nicholas Fury

A suspeita de Fury de que existam skrulls já infiltrados na SHIELD enerva Jessica Drew e esta chega até mesmo a duvidar de que o coronel seja mesmo quem diz ser. Nicholas ironiza a situação concordando. Não há mesmo como saber quem é quem. No final, a agente Drew aceita, como bem descobrimos depois nas histórias dos Novos Vingadores. E, por fim, questiona o que Nick vai fazer enquanto isso.

Nicholas Fury

A resposta segue como um pensamento perdido. Nicholas diz que vai procurar entender tudo. Vai juntar todas as peças. Vai estar preparado quando as cartas forem postas na mesa. A edição termina com uma imagem do coronel no quarto visualizando imagens dos superseres da Terra. Alguns com círculos azuis. Outros, vermelhos. O que realmente significam, só o homem de um olho só sabe.

Coveiro

Overdose de X-Men Origins: Wolverine


X-Men Origins: Wolverine

Não tem como. Quem não vai com a cara do mutante canadense mais popular da Marvel deve estar apavorado nas últimas semanas, em que ele está mais onipresente do que nunca. E só tende a "piorar" nessa semana em que o longa metragem solo de Wolverine estréia. Porém, para quem curte, aí vão mais três TV-Spots do filme.

Você pode visualizá-los clicando aqui, aqui e aqui. E eu pensando que os spots tinham acabado.


João


* Quer mais informações? Confira nosso Destaque Multimídia.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Chá de cadeira em X-Men Origens: Wolverine?


Wolverine

Em Homem de Ferro, fomos surpreendidos pela presença de Nick Fury. Já no final de Hulk, encontramos Tony Stark conversando com Gen.Ross. E no polêmico X-Men 3, descobrimos o destino de Charles Xavier (embora a dúvida se Magneto mexeu ou não a "piça" nunca tenha sido solucionada). O que todas essas cenas têm em comum? Todas elas são pós-créditos (ou seriam, no caso do Hulk). E por que estou falando nelas? Porque no filme do mutante canadense teremos que esperar os créditos, pois termos mais uma cena marcante (ou não).

O diretor Gavin Hood afirmou que os fãs que forem curtir o filme, devem esperar todos os créditos, pois vamos ter cenas extras. A novidade é que, dessa vez, teremos duas cenas, em vez de apenas uma.

Cópias diferentes do filmes terão cenas pós-créditos diferentes, como uma forma de estimular as pessoas a irem mais de uma vez ao cinema.

Como estou fugindo dos spoilers, não sei do que se trata nenhuma das duas cenas. Torço para que o filme seja bom o suficiente para valer novas idas ao cinema. Outra questão que fica: se formos novamente, como saber se a cena pós-créditos será inédita?

X-Men Origins: Wolverine tem direção de Gavin Hood e é estrelado por Hugh Jackman, além de ter no elenco Liev Schreiber, Ryan Reynolds, Taylor Kitsch, Will.i.am, Danny Huston, Dominic Monaghan, Daniel Henney e Lynn Collins.


Eddie


* Quer mais informações? Confira nosso Destaque Multimídia.

Cable: Sina de ser Messias

Bem que poderiamos dizer que essa é uma história que Nathan Christopher Dayspring Summers conhece bem - Ser um Salvador. No seu caso, foi entregue a uma viajante do futuro para que pudesse ser salvo de um vírus tecnorgânico e tornar-se o soldado que combateria as forças de Apocalipse no futuro. A principal razão da sua viagem para nosso presente faz parte de um plano de combate para que a ascenção do vilão não aconteça, mas pelo visto suas diretrizes acabaram de tomar uma nova guinada.

Cable

Como mostrado no final do Complexo de Messias, Cable tornou-se o guardião da primeira bebê mutante nascida desde o dia M. Juntos, rumaram para um futuro de tempo ignorado pelos demais e tornaram-se a última esperança dos Mutantes.

O ano é 2043 depois de Cristo e o lugar é Nova Jersey. Faz já algumas semanas que Cable saiu da Ilha muir rumo a Nova York. Mal imaginava ele que seu destino fosse bem mais difícil de se chegar do que aparentava. No caminho, trilha uma cidade destruída por inundações e acaba por topar com alguns carniceiros em busca de pedágio.

Para um soldado experiente como ele, não é difícil perceber toda a armadilha ao seu redor. Muito menos, desarmá-la. Munido com uma faca apenas, consegue derrotar todos os bandidos que o cercavam. O combate não demora quase nada, mas ainda assim Nate tem seu braço alvejado por uma bala.

Cable

Quando o perigo imediato passa, ele puxa o manto que cobre seu corpo e confere a sua protegida. A bebê está bem. Bom, excetuando-se pelo fato de que sua fralda já estar mais que passada. E isso é coisa que um guerreiro do futuro como ele não está lá muito habituado a lidar.

Cable

Buscando um abrigo, Nate tenta acalmar a bebê que começa a chorar. Ele relembra que a pequenina não chegou nunca a chorar em todos os apuros que passaram durante a Saga do Messias e em suas memórias revive tudo pelo que passou. No final, se questina se o destino importante que lhe fora conferido quando também era criança não foi esse.

Cable

Não muito distante dali, Cable acha uma parada onde certamente devem servir lanches. Seria um ótimo ponto para encontrar alimento para a bebê. Todavia, mal sabia ele que ali estaria alguém lhe esperando. Entre os muitos clientes do bar, alguém que também portava um braço mecânico o aguardava e ao soar exatamente o horário de nove e quinze, esse sujeito sabia exatamente que Cable estava por vir.

Cable

Ele se levanta. Alveja o soldado do futuro com sua pistola e denuncia sua identidade. "Meu nome é Lucas Bishop e eu sou policial".

Cable

Com roteiros de Duane Swierczynski e desenhos do fabuloso Ariel Olivetti, a nova série de Cable dá uma completa reviravolta no destino do nosso insólito herói. Trata-se de uma série que vem sendo elogiadíssima nos EUA e que certamente terá muita coisa o que tratar sobre o destino da "Mutantidade". Certamente, é algo que veio para rechear com todos os louros, juntamente com a Nova X-force, as páginas de X-men Extra, a partir da edição 88.

Coveiro

Kate Mara e Clark Gregg nos Sets de Homem de Ferro 2


Homem de Ferro 2
Mais dois atores apareceram nos sets de filmagem localizados na California, nos quais já começaram as filmagens de Homem de Ferro 2. São eles Kate Mara e Clark Gregg.

Kate, uma jovem atriz de 26 anos, que deve ser reconhecida como a analista Shari Rothenberg da quinta temporada da série de TV 24 Horas, além de outras participações na TV e cinema, ainda não teve divulgada a natureza de sua participação. Porém, dada a sua aparência física, chuto que seja algo envolvido com a Viúva Negra, a ser interpretada por Scarlett Johansson, ou com Pepper Pots (Gwyneth Paltrow).

Homem de Ferro 2
Clark está de volta como o agente Phil Coulson, o primeiro integrante da SHIELD que vimos no primeiro filme, antes da aparição de Nick Fury na cena pós-créditos.
Homem de Ferro 2
Além dos dois, Homem de Ferro 2, cuja direção permanece nas mãos de John Favreau, tem no elenco Robert Downey Jr., Gwyneth Paltrow, Don Cheadle, Mickey Rourke, Sam Rockwell, Samuel L. Jackson, Scarlett Johansson, Garry Shandling e John Slattery, e tem estréia prevista para maio de 2010.


João

domingo, 26 de abril de 2009

Em Foco Especial - Invasão Secreta I

O Universo Marvel foi invadido e eles mal estavam preparados para tal acontecimento. Segundo os próprios skrulls, essa é uma batalha que eles já venceram. Qualquer um ao seu lado pode ser um deles. Com esse clima de medo e desconfiança começou a Invasão Secreta e nós do Universo Marvel 616 entramos de cabeça na história e montamos nosso primeiro Em Foco Especial do ano sobre essa maxissérie.


Skrulls

Assim, os editores João, Cammy e Coveiro convocaram seus fiéis redatores Léo, Felga e Brizola para tentar entender exatamente o que se passa nessa saga. Ou ao menos, achamos que de fato são eles. Mas deixemos a desconfiança um pouco de lado por alguns instantes e vamos direto pra discussão.

Kov´ero diz:
تبدأ مؤسسة ي السعودي اعتباراً من هذا الأ
ربيع الآخر ه هذا الأ ربيع الآخر شر ـ) نشر بيانات عرض النقو
د الأسبوعي (كل يوم أربعاء) على موقعها تبدأ العربي السعودي اعتباراً من هذا الأ ربيع الآخر شر بيانات عرض النقود الأسبوعي (كل يوم أربعاء) علا
...

K'mmy diz:
hahahahah

Kov'ero diz:
Ops... Linguagem errada

K'mmy diz:
Skrull árabe! Brimo!

Kov'ero diz:
Olá, caros membros da Equipe 616! Estamos mais uma vez voltando a se reunir aqui para um Em Foco, só que desta vez será um Especial, seguindo a mesma linha daquele que realizamos na Guerra Civil! Sem convidados, apenas a cúpula da 616, os Illuminatti da Marvel no Brasil, estará aqui para tentar entender esse evento que segundo o seu escritor Brian Michael Bendis, já vem sendo montado desde que assumiu como escritor dos Vingadores. Então, sentemo-nos e apresentemo-nos!

K'mmy diz:
Oi, eu sou a Cammy e não sou skrull, mas não confio nem na minha sombra. mentira! Eu sou a K'mmy! Não! Não sou! Não sei!!

Fl'Ga diz:
Ahahahaha Olá pessoal....

Le'o diz:
Não é skrull esse.

Fl'Ga diz:
Nós amamos vocês....

J'Aun diz:
Ele ama vocês.

K'mmy diz:
Site bêbado! "Nós amamos vocêeeees"! hum... todo Skrull é bêbado

J'Aun diz:
Eu sou um skrull, você precisa me amar. /Baby Skrull da Silva

K'mmy diz:
Hahahahahha

Le'o diz:
Eu sou Léo, ou não, skrull, ou não, bêbado, ou não. Nem sei mais.

Br'Zola diz:
Oi, sou o Br'Zola. Sou skruul e não escondo. Prazer!

Kov'ero diz:
Bom, estamos aqui com a maioria dos Editores e Redatores, com a exceção do Eddie certamente anda com atitudes bem suspeita e certamente é um maldito de um Kree... Ops.... eu falei kree? Eu queria dizer Skrull

K'mmy diz:
Isso é suspeito, caro Kov'ero

Skrulls

Capa de Novos Vingadores 1 e Invasão Secreta 1

Kov'ero diz:
Então, deixemos de enrolação e passemos para discutir a saga que invadiu o Brasil e a 616 em Abril - Invasão Secreta. Começando com o primeiro tópico! Como falei na minha introdução, a Invasão Secreta é apontada como um evento que vem sendo planejado desde os primórdios da chegada de Bendis como escritor dos Novos Vingadores da Marvel. Colocando desta maneira, a revelação da conspiração Skrull no ano passado teve sucesso em seu intento de concatenar fatos obscuros deixados para trás como as operações não autorizadas da SHIELD e HIDRA?

J'Aun diz:
Por enquanto não, né? Talvez com exceção de que é muito provável que os skrulls estejam entranhados nas duas organizações, nada de fato foi mostrado ainda. Mas pelo fato de vermos alguém como Dum Dum Dugan como um skrull desde a morte do Capitão América, explicaria bastante coisa. O que resta saber é até que ponto isso compromete as ações, principalmente da SHIELD.

K'mmy diz:
Olha, não que seja legal deixar coisas de lado por causa de um novo evento, mas, perto de grandiosidade que foi colocada esta saga, outras coisas ficam para trás. Mas, mais que isso, a hipótese de invasão Skrull, o mistério e todas as possibilidades que isso abre (de qualquer coisa ter sido manipulada por eles) é realmente uma jogada de mestre. Uma das poucas vezes que se torna aceitável colocar sagas a frente de eventos “mal resolvidos” e que, se bem feito, não deixa brechas pra furos e ainda torna a “resposta” dos eventos supostamente deixados de lados mais interessantes até.

Le'o diz:
Jogou uma luz sobre aquilo e sugeriu que os aliens sejam os responsáveis, mas de forma bem sutil, que ainda merece mais desenvolvimento, só para amarrar melhor as pontas.

Fl'Ga diz:
Acho que ele vem amarrando bem a seqüência de fatos que vem acontecendo. Eu pelo menos não detectei nenhum grave erro. Mas não sou um grande conhecedor da cronologia e posso ter deixado escapar alguma coisa. E explica algumas coisas importantes também.

Br'Zola diz:
Olha, acho que a nossa operação foi boa até agora. Claro, eu faria coisas diferentes no lugar da rainha, como matar algum herói importante antes de atacar, mas esse sou eu né. Bom, huehehue, falando sério, não tenho reclamações quanto a isso. Ponto para o Bendis por manter o mistério por tanto tempo.

K'mmy diz:
hahahahahahhahaah

J'Aun diz:
Pena o Ed não estar aqui.

K'mmy diz:
Sim
Le'o diz:
É mesmo, ele teria muito a dizer, tenho certeza

Kov'ero diz:
Talvez o Eddie ainda esteja aqui se passando por um de nós, oras...

K'mmy diz:
verdaaade

J'Aun diz:
Medo.

Br'Zola diz:
Algum de vocês é meio carequinha por acaso? hahahaha

Fl'Ga diz:
Ainda não... hahaha

J'Aun diz:
Pergunte daqui a uns 15 anos.

Kov'ero diz:
Bom, desde a Queda, Bendis vem soltando pequenas insinuações de que algo maior estava manipulando o mundo. Quem comprou o encadernado dos Vingadores: A Queda, viu que alguém parecia estar manipulando por trás as ações da Feiticeira Escarlate. Na primeira história dos Novos Vingadores, alguém planejou a fuga da Balsa. O mesmo parecia acontecer na reunião secreta da Hidra e Tentáculo no Japão. Lendo duas vezes - pelas revistas americanas e aqui - fico vislumbrado como tudo se procedeu. Até pequenas insinuações como em tempos atrás ver a aquela agente da SHIELD com poderes vibratórios na história do Coletivo ler algo sobre alienigenas num livro.

Skrulls

Tudo interligado desde o começo?

K'mmy diz:
Porra, isso que é lição de casa!

Kov'ero diz:
Na verdade, vale ressaltar que Invasão Secreta foi de fato a saga que era desde o começo planejada por Bendis e a Guerra Civil é que acabou sendo uma idéia de última hora que atravessou-a no meio. Por sinal, dá até medo imaginar se ela também não foi manipulação dos Aliens.

J'Aun diz:
Tanto que quem escreveu Guerra Civil foi o Millar.

Kov'ero diz:
Segundo alguns, Millar escreveu baseado em idéia do Bendis

J'Aun diz:
Sim, claro. Ele não faria algo fora dos parâmetros do Bendis. Ah, o lance da Balsa é bem claro. O Electro é contratado por alguém.

K'mmy diz:
Eu queria ter podido reler várias coisas pra esse Em Foco, ou ter a capacidade de lembrar o que li pra relacionar, mas não consegui. Se não tivesse tão sem tempo, relia tudo

Fl'Ga diz:
Acho que os Aliens acompanharam o desenrolar dos eventos e viram que agora é o momento ideal para o golpe...

Kov'ero diz:
E eu me esqueci o nome daquela agente... é Dondson ou viajei?

Le'o diz:
Hã? Quem é Dondson?

J'Aun diz:
Daisy.

Br'Zola diz:
Daisy Johnson. Bem, eu acho que não se deve esperar que o Bendis responda tudo metendo skrulls no meio. Nem sei se algo assim seria muito prudente.

J'Aun diz:
Isso.

K'mmy diz:
Concordo! É o perigo!

Kov'ero diz:
Daisy Johnson... misturei tudo!

Fl'Ga diz:
Isso é verdade, pode gerar bastante problemas....

J'Aun diz:
Claro, se fosse TUDO por causa deles, a invasão já teria acontecido há mais tempo. Eles estão infiltrados, mas ainda não venceram nada.

Le'o diz:
Tudo que eles fizeram até agora foi zonear, ao que parece. Para deixar as coisas caóticas e poderem atacar algo mais fraco.

J'Aun diz:
Não acho que tenha sido zonear, Le'o. Acho que há organização também. Se não, não haveria algo tão coordenado como o que vimos na edição 1. Acho que a confusão é para desvirtuar. Tirar o foco.

Fl'Ga diz:
Tecnicamente, é o melhor momento para se invadir o planeta...

K'mmy diz:
E enfraquecer a oposição também, mas de forma planejada

Le'o diz:
É, foi o que quis dizer com a segunda frase. Zonear para enfraquecer.

Kov'ero diz:
Não foi a toa mesmo... eles tomaram posse de várias organizações, companhias e tem um membro infiltrado em cada equipe de heróis dos EUA. Eles estão prestes a acabar com tudo, isso sim.

Le'o diz:
De forma planejada. Não me expressei bem, fato.

Br'Zola diz:
O Bendis usa os skrulls para efeitos de mistérios também, ameaçando que tudo tem o dedo deles. Mas como o João disse, se fosse assim eles já tinham vencido.

Kov'ero diz:
Mais do que tudo, o evento se montou em cima de alguns Retcons recém publicados, implementando um contato aparentemente nunca antes existente entre os Illuminati e os Skrulls logo após a guerra destes com os Krees. Consequentemente, tivemos como resultados o que nos foi mostrado na história dos Novos Vingadores deste mês. Como vocês enxergam o uso deste artifício na narrativa da história? E existiriam conseqüências drásticas que prejudicariam a cronologia na opinião de vocês?

Skrulls

Illuminati servem de base para as grandes sagas...

K'mmy diz:
Retcons são perigosos como qualquer recurso que envolva cronologia em mãos erradas. Porém, na minha opinião, as mãos do Bendis são certíssimas e fizeram o recurso se tornar extremamente inteligente. Furos de cronologia não são comigo, mas aposto que o Ed encontrou uns 10...hehehe.

Kov'ero diz:
Encontraria, se não estive reunido com eles....

J'Aun diz:
É aquele papo. Retcon existe e está aí para ser usado. Por enquanto, não tenho do que reclamar, porque, apesar de mexer com coisa do arco da velha, na minha opinião mexeu corretamente. Os skrulls odeiam os humanos, principalmente o Quarteto Fantástico. Um ataque como o empreendido pelos Illuminati e a humilhação sofrida com a derrota na Guerra Kree-Skrull são motivos mais do que suficientes para que queiram vingança. Adicionado aí o elemento profético, relacionado diretamente à destruição do mundo-trono por Galactus e à Onda de Aniquilação, acabou me parecendo algo muito bem amarrado. Mesmo com os sinais das interligações obviamente só começarem a ser mostrados há relativamente pouco tempo.

Fl'Ga diz:
Quando bem utilizados, eu não tenho do que reclamar. E acho que nesse caso, a coisa foi muito bem utilizada. Claro que alguma coisa pode sair dos trilhos (e talvez eu acabe ignorando, já que a boa história deve se sobrepor a cronologia, se for o caso), mas acho que a inserção dos Illuminati, bem como esse evento estão muito bem amarrados.

Le'o diz:
Eu gosto dessa coisa de inserir novos fatos no passado, desde que bem-feito. Particularmente, gostei muito da mini dos Illuminati - eles próprios são fruto de retcon . Agora, se estes retcons foram mesmo bem-feitos, confesso que não tenho muito como dizer, já que se passam em sua maioria em tempos em que eu nem havia começado a ler gibis ainda.

Br'Zola diz:
Sinceramente, eu acho que foi um recurso necessário para tornar mais interessante uma história que sem esse background não teria tanto apelo. Tipo, se de repente eles atacassem sem razão nenhuma seria algo muito batido. Ao envolver os Illuminati, o Bendis cria um pano de fundo vingativo para os skrulls, algo que os torna mais do que ets malvados.

Kov'ero diz:
Eu lembro que houve uma choradeira geral a primeira vez que usaram o artíficio de retcon de forma tão intensa como foi com os Illuminati na Marvel. Conhecida por manter sempre sólida suas origens, é facil entender porque os fãs ficariam tanto de cabelo em pé. Mas aconteceu bem na Guerra Civil e deu solidez a história. É fundamental - por conta de sua minissérie - para a Invasão Secreta e acredito que tornou tudo até mais interessante. A única coisa que me deixa com a pulga atrás da orelha é que as vezes parece que as histórias dos Illuminati simplesmente não aconteceram quando contrastadas com as demais. Às vezes, os integrantes são tão mascarados que nos deixam até mesmo com dúvida se viram ou não o corpo ou tiveram ou não aquela reunião que me dá até medo se não é algum erro de roteirista. Só que não é. Muitas vezes é o Bendis quem escreve as duas histórias.

J'Aun diz:
Acho que erros são impossíveis de não ocorrer. Caso não seja algo gravíssimo, dá para relevar. O problema é se for algo crucial para compor a história.

Br'Zola diz:
Só não gostei que os Illuminati foram meio amadores no ataque ao mundo skrull.

K'mmy diz:
Eles eram mais novatos também!

Fl'Ga diz:
Acho que sem suas equipes, eles devem ficar meio perdidos....

Br'Zola diz:
Não sei, na época eles se viravam bem sozinhos.

Le'o diz:
A primeira edição da mini mostra o quanto eles são dissimulados ao fingir pro Pym tão bem que já não havia discutido aquilo. Mas acabou que o Pym estava enganando aos dois muito mais do que o contrário. E nesse caso não foi erro mesmo, só se o Bendis teve um BAITA lapso de memória.

Kov'ero diz:
O lance que me chama atenção aqui é que mediante os demais, Strange e Reed pareciam bem surpresos sobre as conseqüências da lei de registro naquela primeira reunião em Guerra Civil 1. O mesmo vale para o Dr. Richards admirado por ver o corpo da Elektra Skrull na frente do Pym. A falta de um danado de um balãozinho de pensamento nesses quadros me deixa sempre receoso.


J'Aun diz:
Entendo, cara. Mas isso é tão "pequeno" dentro do todo, que prefiro preencher a lacuna como se eles fossem dissimulados mesmo.

K'mmy diz:
Faço o mesmo que J'Aum

Fl'Ga diz:
Talvez o lance é provocar a dúvida mesmo....proposital mesmo.... Será que é proposital?

Le'o diz:
Eu realmente acho que foi proposital, sério mesmo. Acho que é algo grande demais pra ele esquecer assim.

Kov'ero diz:
Pois, é! Maldito Bendis!

J'Aun diz:
Careca safado.

Kov'ero diz:
Já que estamos falando tão focado nos Illuminati, queria parabenizar mesmo a minissérie. Conseguiu encaixar coisas na cronologia, sem ninguém torcer o nariz e ainda assim deixar em aberto coisas bem relevantes como o destino final das Jóias do Infinito e todo o mistério envolvendo Beyonder.

J'Aun diz:
Vou passar a mensagem para o Bendis.bendis_careca_safado@marvel.com

K'mmy diz:
hahaha

Fl'Ga diz:
Vai que ele lê o site né... hahaha

Le'o diz:
Hahhahhahahhaah

J'Aun diz:
heheheheehehehehe

Br'Zola diz:
hehehe O do quesada é quesada_gordo_safado

J'Aun diz:
quesada_gordo_fdp_hates_mj@marvel.com

Skrulls
Bendis e Quesada Skrulls?

Kov'ero diz:
Vamos seguir o próximo tópico, então: Primeiro, Elektra. Depois, Raio Negro. E com o lançamento da primeira edição da minissérie em bancas, pelo menos mais três Skrulls foram revelados - Dum Dum Dungan, Jarvis e Hank Pym. Qual foi o impacto especificamente da revelação de que cada um deles era um agente infiltrado para vocês, principalmente, relacionando com as demais histórias de revistas mensais as quais eles atuavam?

Le'o diz:
Elektra eu não via há tempos, e ela estava tão diferente quando a encontrei num gibi de novo que nem me espantou tanto o fato de não ser ela mesma; o caso dela foi legal por ser o primeiro, o início de tudo. Raio Negro foi bem surpreendente, naquela história muito bem contada. O principal sobre ele é: queremos entender a cronologia envolvendo Guerra Silenciosa, WWH e Invasão Secreta. Eu adoro os Inumanos e espero um bom desfecho para isso. “Caaara, o Dugan! Coitado...” é só o que eu consigo pensar sempre que lembro. Senti pena, já que tudo indica que está morto, e não, nem sonhava que ele pudesse ser skrull. Jarvis é daqueles que mal aparecem, pelo menos nos tempos atuais; e como os skrulls parecem ter preferência por pessoas sem ligações tão profundas com os poderosos – como no caso de Elektra -, faz sentido. Pym foi interessante, já que é um personagem com muita e pouca importância ao mesmo tempo: É Vingador fundador, parceiro de idéias de Stark e Richards, mas por outro lado, fica meio apagado nas histórias e nem se sabe muito sobre sua vida atual. O divertido é lembrar que durante a Guerra Civil o Hulkling o substituiu pra se infiltrar entre os pró-registro. Seria um skrull substituindo outro?

Fl'Ga diz:
É estranho porque esses personagens têm exercido um papel chave nas respectivas histórias. Alguém comentou uma vez em algum lugar, é muito estranho (e até decepcionante em alguns casos) saber que o Dum Dum, bem trabalho em HDF, é na verdade é um Skrull. O mesmo vale para o Jarvis. No caso do Hank, eu até achei legal, porque eu o acho um tremendo mala. Mas analisando do ponto de vista estratégico, acho que foi perfeito. Aliás, os três são pessoas chaves da vida do Stark. Isso talvez colaborou para que fossem os escolhidos.


K'mmy diz:
Essa de chaves na vida do Stark eu não tinha pensado... Eu nem vou comentar de Elektra que é notícia velha e raio Negro que eu soube por spoiler, vamos aos outros: Hank Pym: explica o que achávamos como ele estar mais “louco” que antes... mas ainda acho que isso ficaria melhor como um novo surto psicótico. Voltando a usar o nome de jaqueta amarela, atitudes duvidosas, envolvimento coma Tigresa, o ainda sentimento por Jan... Não sei se um skrull seria tão bom para imitar essas falhas de caráter! Hahahaha... Outra coisa é o conhecimento de tecnologia no caso Ultron... skrulls poderiam copiar isso??? Maaas, eu ainda não sei se esse Hank Pym que citei (nesses casos) já era um skrull, isso só saberemos com o tempo. Por um lado, se essas atitudes foram mesmo de Pym fica mais humano e acreditável, principalmente o fato do sentimento de Jan. Por outro lado, se for um skrull, esse skrull é genial! Hehehe Jarvis: Genial!!! Taí um que num imaginaria jamais!!! O jarvis está envolvido diretamente na vida dos heróis e passa desapercebido (como vimos com o vírus). Ele eu achei genial e dá uma dó, porque se o jarvis de verdade morreu é muito triste, mas eu nem pensei nisso de tanto que gostei dessa substituição Dum Dum: Ta, esse eu surtei. Achei genial, mas fiquei tristérrima porque estava amando ele no título do Homem de Ferro, a interação dele com o Stark, com a Hill. Ridículo, eu sei, mas tava até comovida com a amizade dele com Tony e nada é de verdade, snif. E ele nem tem o fator “quando”, pois vemos que é quando o capitão morreu.

Skrulls
Skrulls Revelados

J'Aun diz:
Os mais graves de cara são, claro, Dugan e Pym. O primeiro por ser o “herdeiro” de Fury dentro da SHIELD e suas memoráveis participações na revista do Homem de Ferro, além, é claro, do quanto ele tem acesso de informações a respeito das defesas da Terra. Já Pym, um vingador fundador, era uma das três cabeças pensantes de toda a Iniciativa (formou a tríade pró-registro com Tony e Reed durante a Guerra Civil), além de responsável pelo treinamento dos novos heróis registrados. Em outras palavras, os skrulls não brincaram em serviço e ocuparam posições-chave. E isso inclui até mesmo Jarvis, porque, apesar de não ser herói ou ter poder de decisão, é o civil com mais acesso a assuntos dos Vingadores em todo o mundo (não é à toa que ele lança o vírus que corrompe a tecnologia Stark). E é aquele cara que sempre passa desapercebido. Resta saber agora qual dos Vingadores é skrull, porque não é possível que nenhum deles não seja.

K'mmy diz:
Eu quis dizer “envolvimento COM A tigresa” e não ‘COMA A TIGRESA’” (ficou tosco na minha resposta! hahahah)

J'Aun diz:
hahahahahahahahahah

Kov'ero diz: Nao vou editar essa...

K'mmy diz:
Arruma a resposta!

J'Aun diz:
Hahahahaha Vacilo.

Kov'ero diz:
Não. Você anda estranha e só pensando nessas coisas agora... fica como prova de sua suspeita como infiltrada.

Le'o diz:
Hahhaahhahaha, eu ia comentar o lance do "coma Tigresa", mas quis terminar de ler antes

K'mmy diz:
Eu sempre pensei

Kov'ero diz:
Piorou agora, Cam. Podia ficar calada... rs

Fl'Ga diz:
hahahaha

J'Aun diz:
Haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaahahahahahahahaha Vacilo. Ela já apanhou do Capuz, e estava saindo com um alien. Vida bandida.

Br'Zola diz:
É a fama da coitada, fazer o que.

Le'o diz:
Hahahhahaahhahahhahahahahahaha, realmente, sofredora.

Fl'Ga diz:
Realmente, ela anda numa má fase....hahaha Um alien disfarçado de Pym pra piorar....

K'mmy diz:
Nossa, o que é pior que hank pym? Um hank pym skrull! É uma vaca essa tigresa, merece!
J'Aun diz:
Por que vaca?

K'mmy diz:
Ela traiu os outros Vingadores na guerra civil!

Kov'ero diz:
Vaca? Ela é Skrull tambem?

Le'o diz:
Hahahhahahaha, vacas skrulls, hã, hã?

K'mmy diz:
é, vaca skrull! \o/ hahahaha

Fl'Ga diz:
Pergunta pro Reed o que ele deve achar das vacas... Ahahahaa Depois daquele episódio, acho que ele nunca mais tomou leite.... ahahahaa

Le'o diz:
Pensei agora, seria ela skrull também? Lembro do Jarvis aconselhando o Stark a não convocar "a %$#@ da Tigresa" pros Vingadores. Faria parte de seus interesses que ela continuasse na Iniciativa?

K'mmy diz:
hummmmmmmmmmmmm

J'Aun diz:
<>

Fl'Ga diz:
olha o clima de paranóia que o Careca provocou....

K'mmy diz:
Odeio comentar com quem já leu

Br'Zola diz:
Era ciúme. Ahhh, o Jarvis Ultimate era legal...

J'Aun diz:
O Jarvis ultimate é um defunto.

Br'Zola diz:
Nenhuma revelação me causou muita reação até agora, o Pym explica muita coisa, o clone do Thor falhar tantas vezes por exemplo. A Elektra podia ser qualquer outro personagem menor. Não gostei do Dum Dum por motivos pessoais, adorava o HdF dos Knauf, e tentei procurar furos quando descobri, mas não encontrei. hehehe

Skrulls
"Quem é a vaca agora?"

Kov'ero diz:
Bem, vou confessar uma coisa pra vocês. Quando li pela primeira vez em revistas americanas e vi o corpo da Elektra caido, pensei "Sim, apodreceu rápido, mas e daí? Que bosta de revelação é essa?" de tão ruim que acho os desenhos do Yu. Depois, vi a capa da Wizard americana e gelei. Caramba! Skrulls! O lance do Raio Negro sempre foi o mais suspeito dos Illuminati mesmo. Principalmente depois daquele gestual no final da ultima reunião deles na Guerra Civil. Faz até sentido agora interpretar com um "você... e você... vou esmagá-los". Dos mais recentes, Jarvis e Pym estão aí por serem os mais fora de foco e não mancharia tanto algum título mensal com essa revelação. Já Dungan eu matei bem cedo. O joão deve lembrar que quando o Danken supostamente matou ele e o danado voltou a vida, eu falei - "Olha lá! Skrull"

J'Aun diz:
Verdade.

K'mmy diz:
Quando quem morre? Não lembro!

Kov'ero diz:
Em Wolverine Origens. Danken dá um garrada nele que nenhum humano sobreviveria.

K'mmy diz:
Ahhhh, eu não quis ler =P
Le'o diz:
Eu também não li, nem sabia disso.

K'mmy diz:
Pera! Quem escreve wolverine origens?

Kov'ero diz:
Daniel Way

K'mmy diz:
E ele faria isso de acordo com bendis??

Kov'ero diz:
Porque não? Slott certamente "matou" algumas vezes o Hank Pym. E a Cristal do Excalibur! Essa morreu várias vezes! É mais uma suspeita!!

K'mmy diz:
Afffff

Fl'Ga diz:
Não....isso é outra coisa.....
Le'o diz:
Excalibur é só um sonho ruim.

K'mmy diz:
Isso é mau roteirista!

Fl'Ga diz:
Quem foi substituído foi o roteirista....

Le'o diz:
Ele explicou isso, no fim das contas?

Kov'ero diz:
Quem explicou o que, Leo?

Br'Zola diz:
Não falem em buchas aqui, por favor. hehehe

Le'o diz:
Foi mal.

K'mmy diz:
léo viaaaja

Le'o diz:
Se Chris Claremont explicou o lance da Cristal, mas deixa pra lá.

Kov'ero diz:
Não ainda, por isso falei.

Le'o diz:
Ah, tá, Gezuiz, o velho tá mal mesmo.

Br'Zola diz:
Bom, o Raio Negro já valeu pelo cagaço de ver ele falar daquele jeito, muito boa aquela edição.

J'Aun diz:
Putz, com certeza, Brizola. Quando ele começa a falar dá um medão. hahahaha

Skrulls
O maior "calaboca" já visto nos quadrinhos

Kov'ero diz:
Comentamos anteriormente no Em Foco Definitivo de 2008 que muitas outras vezes os Skrulls tentaram usar estratégias parecidas para dominar a Terra e falharam. Agora eles estão indetectáveis a maioria e aparentemente já igressos na maioria das agências e grandes organizações do planeta. E no primeiro número da minissérie, tudo é finalmente posto em execução. Porque agora vai dar certo?

J'Aun diz:
E quem disse que vai dar certo? Hehehehehehehehehehe Ainda acho que vai falhar em algum ponto, mas o que ficará de importante é o tamanho do estrago que vão fazer. Ou seja, o que será depois de toda essa destruição anunciada. A começar pela sensação de que muitos dos acontecimentos e decisões recentes terem um forte influência de skrulls ocupando posições estratégicas e de peso.

K'mmy diz:
Verdade, né?? A gente fala como se já desse certo

Kov'ero diz:
Falei desse jeito para dar o efeito dramático.

J'Aun diz:
Só vai ferrar bastante. Só aquela frota de naves que a Brand vê chegar..
*Aliás, Brand *___________*


Skrulls
Agente Brand em Invasão Secreta

Br'Zola diz:
A Veranke é uma ótima oponente, pode dar certo sim...

K'mmy diz:
Me parece um plano bem mais estruturado. Novamente, não tenho conhecimento suficiente pra afirmar, mas acho que as antigas investidas skrulls eram sempre muito aleatórias e precipitadas, agora ela conta com uma paciência primordial. A estratégia e a capacidade de esperar para colher resultados são pontos-chave.

Outro ponto óbvio é a capacidade que adquiriram de se infiltrar mais por estudar o DNA humano (mutante, inumano, enfim...terrestre), o que provém desse amadurecimento e paciência, afinal esse conhecimento levou certo tempo.

Le'o diz:
Por não ser mais um simples ataque direto, e sim um destes somado a outro vindo de dentro. E como estão espalhados por todo canto, tudo indica que as probabilidades estão do lado deles.

Fl'Ga diz:
Se vai dar certo ou não, ainda é um incógnita, mas dessa vez eles vão dar trabalho. Acho que tem tudo para dar certo por três motivos:
1) Como já dito, houve uma preparação, que já tem bastante tempo e que apesar da mudança de governo, não foi interrompida, bem como souberam escolher
2) O momento. Atualmente, acabamos de sair de uma invasão do Hulk e as equipes estão dividas e em frangalhos. Vingadores estão rachados e mesmo entre suas divisões, há muita desconfiança. Os X-Men estão pensando mais na sobrevivência da espécie do que em outra coisa. A SHIELD está atolada em problemas de corrupção. E o número potencial de super-seres caiu drasticamente.
3) Motivação. Os Skrull estão literalmente ferrados. Galactus e depois a Aniquilação os deixaram sem territórios. Conquistar a Terra é uma questão de sobrevivência.


Br'Zola diz:
O problema dos skrulls é que eles são os vilões da história. Pensem bem: se a lógica prevalecer, é skrulls na cabeça.

Le'o diz:
*Tem duas coisas que o Felga me fez lembrar: Primeiro, eles se revelaram agora porque escolheram o momento ou por que foram descobertos? E segundo, imaginar que ele são os responsáveis pela Dinastia M e a redução do número de super-humanos é bem assustador.


Skrulls
O plano perfeito??

J'Aun diz:
Ou talvez aproveitaram a redução e aceleraram as coisas.

Fl'Ga diz:
Eu acho que é o momento.....até o lance da Elektra Skrull, que podia ser um problema, foi usado com perfeição....

J'Aun diz:
Saber disso tudo é questão de tempo.

K'mmy diz:
O certo é: ou eles aproveitaram o momento, ou fizeram ele acontecer


Le'o diz:
É, mas será que ela esperava ser assassinada e deixou? Não é impossível, claro, mas na hora ficou parecendo mais um "Oops, ferrou"

Fl'Ga diz:
Também acho que foi isso, mas eles souberam contornar a situação... Aliás, tudo poderia ser apenas paranóias....como já aconteceu antes...

Kov'ero diz:
Se verem direitinho, essencialmente o plano é o mesmo desde o começo. Eles só aperfeiçoaram taticamente. Basicamente, é substituir e causar confusão entre os heróis. O clima de desconfiança é sempre a chave desde a Guerra Kree-Skrull

J'Aun diz:
Acho que podiam prever baixas. Ninguém vai para a guerra sem esperá-las.

Br'Zola diz:
Acho que eles estavam preparados para essa possibilidade, independente do caso, Léo.

Le'o diz:
É que com Elektra viva, eles ainda não teriam sido descobertos por ninguém.

Fl'Ga diz:
Então, mas é aquela coisa - quem disse que tava ocorrendo uma invasão?
Poderia até ser uma armadilha do Stark para dividir os Novos Vingadores...

Le'o diz:
Uau, verdade.

K'mmy diz:
verdade!

J'Aun diz:
Com o lance da dubiedade, pode ser qualquer coisa. hahahahaha

K'mmy diz:
Vou sonhar com skrull de novo essa noite

Kov'ero diz:
Vamos passar a discussão adiante!

Na Terra Selvagem, uma nave Skrull cai e os Vingadores, tanto novos quantos os poderosos, vão investigar. Para a sua surpresa, dentro dela, estão heróis saídos de diferentes épocas tão surpresos quanto eles. Seriam os verdadeiros heróis refugiados? Ou um embuste? Quem é quem, se vocês fossem chutar as possibilidades?


Skrulls
Quem é quem?


Fl'Ga diz:
Quando eu vi a cena, eu imaginei a mesma frase que nosso amado Fera fala “Minha santa Aquerupita”. Aliás, ali foi um dos melhores momentos da história. Não sei como Bendis vai trabalhar isso (surgiu um monte de possibilidades), mas achei de impacto. Fico imaginando o pessoal, sabendo que os métodos de detecção tradicionais não funcionam e que somente matando eles revertem, como eles vão lidar com isso. Mas é cedo pra chutar quem é quem.

Le'o diz:
Essa cena foi sensacional. Não sei se acredito muito que eles sejam os originais, mas torço para que alguém seja, pois essa possibilidade é muito bacana. Eu creio que seja dessa forma, que ali ajam tanto heróis reais, quanto skrulls enganando estes heróis reais. Eu só torço para que o Fera e a Emma não sejam os originais, pois seria meio broxante ter todo o trabalho de Morrison e Whedon meio que “jogado fora”. Ah, e claro, o Aranha atual ser skrull seria perfeito, hahaha.

Kov'ero diz:
Já eu torço pra que seja. Adoro o fera gorila!!!

Le'o diz:
Mas o trabalho psicólogico envolvendo a evolução foi incrível.

Br'Zola diz:
Gorila são idiotas. Gatos humilham eles. hehehe

Le'o diz:
Hahhahahahhaha

K'mmy diz:
Gorilas não são idiotas!

Br'Zola diz:
Eu não tenho nenhum, então são idiotas sim! ahahahaha

Kov'ero diz:
Chega senão vira mais uma guerra pró e anti Morrison

K'mmy diz:
Eu não chuto naaaada. Prefiro que seja embuste, mas isso seria mais obvio... cara, não sei o que esperar dessa saga! Prefiro não estourar os miolos especulando e aproveitar a leitura!

Le'o diz:
Ah, e aquilo que eu disse sobre a Dinastia M vem do fato da Wanda estar entre esse heróis da nave.

K'mmy diz:
Então... Se aqueles forem os heróis de verdade, fudeu tudo! Não dá!!

Kov'ero diz:
Eu não vou comentar nada aqui, porque assim como o Joao e o Brizola, já sei o que esperar, mas é uma situação bem tensa como colocou ali em cima o Felga.

J'Aun diz:
Pô..... Não vou responder essa não. Já li a história antes. Mas digo apenas para tentarem raciocinar um pouco tanto em questões cronológicas quanto em questões editoriais, o que você acha possível de ser feito para que não falem “mas que grande m%#&@”.

Le'o diz:
Todos eu acho impossível, tem até a Fênix.

Br'Zola diz:
Eu vou repetir exatamente o que eu disse na época: para mim todos na nave são falsos.

K'mmy diz:
Já sei! Eles vinham substituir, mas se perderam no espaço, chegaram atrasados e não sabiam que a jean morreu, o fera tá felino, etc...

Fl'Ga diz:
Boa teoria....

Kov'ero diz:
Nossa, aí seria os Skrulls trapalhões, né?

Le'o diz:
Hahhahahahhahahahahha!! Altas confusões no espaço.

J'Aun diz:
Hhahahahahahahahahahahaha

K'mmy diz:
Ou é uma leva errada e rebelde

Fl'Ga diz:
Ou então, eles realmente acham que são os hérois.....

K'mmy diz:
Porque são uma leva errada! Que deu errado! Eles realmente acham que são terráqueos! Uhul!!!

Le'o diz:
Ou uma leva certa que acha que são heróis só pra confudir as coisas mais ainda.
O Marvel achava que era o original e não era errado, era a idéia mesmo.

Kov'ero diz:
Tipo assim? Peraí! Aqui não é 1998? Bob Harras não é mais o editor? Porque o Madureira não ta desenhando a gente?

Fl'Ga diz:
Tipo......depois de ver Dollhouse, teorias de infiltração desse caso são mais interessantes...
ahahahahaha

K'mmy diz:
São skrulls que fingem que são skrulls que acham que são heróis só para confundir e fazer os heróis acharem isso...

Kov'ero diz:
HAUhauAHUah... Vamos parar por aqui e deixar na especulação, então.

K'mmy diz:
Ou eles são heróis que fingem que são skrulls...

Kov'ero diz:
Paralelo a minissérie principal, começamos a ter histórias chaves nas revistas mensais. Novos Vingadores é um exemplo, que nos surpreende com a revelação da Princesa Veranke como a líder desta Invasão e seu verdadeiro disfarce. Como vocês olham sob essa nova perspectiva as últimas ações da nossa "Jessica Drew"?


Skrulls

Seria a Drew a rainha Skrull?

J'Aun diz:
Não é de hoje que há desconfianças sobre a Jessica. Precisamos prestar atenção no que Wolverine falou para Eco na penúltima edição. Eles vão procurar aquelas pessoas cujo passado é mais obscuro e desconhecido até pelos que lhe são próximos. Dos Vingadores, além da Eco, a Jessica (agente tripla, quádrupla, sei lá hehehehe) é a candidata perfeita tanto pelo que se sabe quanto pelo que ela pode acessar. Porém... ainda não se confirmou que a Jessica é uma skrull. Mistééééério.

K'mmy diz:
Primeiro, João m deixou encafifada porque é a segunda vez que ele lemmmmbra que não se sabe ainda se a Jessica é skrull...unf

Boooom, tem que ver desde quando, de que atos da Jéssica ela já era a skrull... Era uma coisa tão óbvia a Jéssica ser Skrull que eu já tinha descartado. Mas, realmente é a que pode causar sim “mais danos” como pergunta a princesa, dado seu envolvimento com diversas organizações (Vingadores, SHIELD, Hidra), seu desapego (sem família, filhos, etc) e sua capacidade de circular entre os heróis. Se puder mimetizar seus poderes (como vimos que podem), nada melhor que feromônios (?) pra te manter fora de desconfianças alheias e acreditarem em você.

Sim, deixa mais coerente ela ligar para os ex-vingadores para ambos irem para Terra Selvagem em “Invasão Secreta 1” e a resposta “estranha” ao encantamento de Strange para saber se eles eram confiáveis na época do descobrimento da Elektra. Eles estão imunes à magia, mas nem tanto.


Também faz sentido muitas coisas, como levar a Elektra skrull para Tony, para tentar se desvencilhar; desconversar a viúva negra sobre os acontecimentos maiores e dizer pra se concentrar na vitória momentânea, etc. Mas, como eu disse, nessa saga não chuto, espero pra ler, me parece que tudo pode acontecer.

Kov'ero diz:
Mas pode ser mesmo. Até agora ficou sugerido que ela apenas ia tomar o lugar da Drew. Sabe-se lá o que aconteceu no meio do caminho.

Fl'Ga diz:
Que muita coisa faz sentido. Aliás, entendemos agora o porque ela trocou de lado, porque entregou o corpo para Stark. Ela soube tirar vantagem da revelação de uma possível invasão, já que o disfarce da Elektra foi descoberto (ou será que desde o início aquilo foi armado para chegarmos onde chegamos?).

Só sei que ela é uma oponente mais que formidável. Agora, será que ela é uma Skrull mesmo?

K'mmy diz:
Eu nem tinha pensado na possibilidade de não dar certo a substituição

Kov'ero diz:
Deu errado com a Miss Marvel na sua mensal e também com a Eco. Porque não com ela?

Le'o diz:
A agente dupla, tripla, quádrupla, e por aí vai mostra que não era fiel a nenhum dos grupos terrestres, e só queria causar estragos em todos eles. Ou não, também. Aquele lance na Latvéria a tornou suspeitíssima. Isso é bem interessante, eu só gostaria de ver a Jessica novamente depois de tudo, pois ela é uma das minhas personagens favoritas dos Vingadores.

J'Aun diz:
Só digo uma coisa. Lembrem da história dela na Guerra Civil. Quando ela vai atrás do grupo do Capitão. Será que um skrull seria capaz daquilo?

K'mmy diz:
Não lembro o que aconteceu

Br'Zola diz:
De novo, a primeira coisa que eu fiz foi procurar por furos, mas não encontrei. Droga, Bendis! O cara fez a lição de casa mesmo...

Kov'ero diz:
Skrull ou não, Jessica Drew é uma disfarçada.

Le'o diz:
O lance de desconversar com a Natasha pode ser porque ela não gostaria de estar com a aqueles Vingadores e não quer muito papo, só isso, também.

Fl'Ga diz:
Mas pô, na Invasao Secreta 1, levar as equipes de Vingadores para Terra Selvagem e logo em seguida tudo desabar... Sei não...

Kov'ero diz:
A mulher acostumou tanto a jogar de tantos lados ao mesmo tempo que pode ter sua agenda, também. Quem conhece a verdadeira Jessica afinal?

J'Aun diz:
“O nome dela é Jessica”...

Br'Zola diz:
Ah, sim. Lembrei de alguém que disse que era furo ela não conhecer o Wolverine ou algo assim, mas talvez fosse uma dica..

Le'o diz:
É, por ela ser tão legal assim, eu quero que continue por aí depois da saga, hehehe

J'Aun diz:
Mas acho que ela nunca conheceu o Logan mesmo.

Kov'ero diz:
Pera! Acho que conheceu, sim, heim...

K'mmy diz:
Se ela conhecesse e um skrull a substituísse, ia saber isso

Le'o diz:
Acho que conhecia mesmo.

Kov'ero diz:
Vou perguntar ao Diogo depois...


Skrulls

Sempre jogando duplo!

Br'Zola diz:
Enfim, só eu acho a Veranke mais legal que a Jessica?

K'mmy diz:
Só!

Le'o diz:
Sim.

Kov'ero diz:
Nem sei quem é essa perdida, Brizola. HUahuHAUha

Fl'Ga diz:
A Rainha.....

K'mmy diz:
A princesa, Mané!

Le'o diz:
A rainha, não...?

J'Aun diz:
Você quer que o Kov'ero lembre de nomes????

Kov'ero diz:
Sei que é a rainha, seus manés. Mas quem sabe quem é ela...

Le'o diz:
Estaria ele dizendo a verdade ou disfarçando um falha? Mistééério...

K'mmy diz:
Ele está sempre disfarçando falhas!

Kov'ero diz:
Tá e vocês continuam com piadas sofríveis para manter os disfarces

J'Aun diz:
Ela é fodona. Sabe bem o que quer. Pode estar erradíssima, mas vende geladeira para esquimó.

Fl'Ga diz:
Tudo vira teoria da conspiração com o Bendis...

Kov'ero diz:
Por fim, antes de encerrar o Em Foco Especial, quem seria "Ele" que "ama vocês"?

Br'Zola diz:
Chuck Norris.

K'mmy diz:
O profeta que a princesa fala?? Sei lá, faço a nem mais vaga idéia.

Le'o diz:
Eu não poderia afirmar direito antes da Novos Vingadores, mas na cena mostrada lá na qual a princesa é largada em seu exílio e repete a frase “Ele me ama” algumas vezes, fica subentendido que seja um divindade, um tipo de Deus dos skrulls. Eu aposto nisso.

K'mmy diz:
momento Ed: Jacob

Le'o diz:
Cammy é o Ed.

Br'Zola diz:
Jack Bauer? Howard o pato?

Kov'ero diz:
AJhauAHHuahAUH...

K'mmy diz:
Eu! O chapolin Colorado!

Le'o diz:
\o/


Fl'Ga diz:
Aparentemente, seria uma divindade. Mas é muito óbvio isso. Eu acho que é outra coisa, mas no momento não consegui formular uma teoria melhor. Vou deixar o Bendis dizer isso melhor.

Kov'ero diz:
Eu acho que é o JOAO.

K'mmy diz:
boa!

Kov'ero diz:
Mas fala quem você acha que é JOAO?

J'Aun diz:
Sou eu cara. Eu amo todos vocês...... mentira. Quer dizer.... err...
Não vou responder essa, porque também sei a respostas. Mas só digo o seguinte: não deixem de acompanhar a Invasão Sagrada, nas histórias do Hércules, a partir de maio na Universo Marvel.

K'mmy diz:
Que propaganda! Quanto a panini te pagou?

J'Aun diz:
Quem me dera ganhar algo. É mais uma dica mesmo. Porque lá é melhor explicado.

Kov'ero diz:
Agora, sério! Eu não faço a mínima idéia de quem seja ele. Só espero que não seja um Skrull Hippie.

Le'o diz:
Já sei, John Lennon! Leram Wisdom, né?

Fl'Ga diz:
hahahaa verdade....


K'mmy diz:
hahaahahahahhaa boa, léo

Br'Zola diz:
huehuhe

Le'o diz:
Ah, droga, eu tinha pensado antes dele postar.

Kov'ero diz:
Ixi. Pior que existe mesmo um Skrull Hippie! Esqueci!

Le'o diz:
Nossa, foi coincidência??

Br'Zola diz:
Para hippies, leiam o último (graças a Odin!) arco do Brubaker em X-Men. hehehe

Fl'Ga diz:
Aliás, como vão ficar os Skrull que estão nas equipes?
Isso é ainda mais problemático...

J'Aun diz:
Foi o que falei. A bagunça deixada é mais grave que o ataque.


Skrulls

Skrulls demais!

Kov'ero diz:
Bom, agora, acho que bateu o gongo para o final! Obrigado mais uma vez a todos pela participação e espero que voltem aqui para o próximo Em Foco Especial sobre a Invasão Secreta, quando novas pistas e segredos sobre essa saga surgirem. Fica aqui o espaço final para suas considerações finais!

J'Aun diz:
Bom, acho que a dica é ficar de olho em outras publicações. Agora a Especial vai valer bem à pena. Boas histórias, se sair o que estou imaginando. E não deixem de olhar Novos Vingadores e Avante, Vingadores. As duas com histórias bem boas, e relativamente importantes para sacar a série principal.

K'mmy diz:
Bom, esse em foco foi, sem dúvida, mais cheio de perguntas que respostas, só especulação, mas tá valendo! Que venha mais! To super empolgada com a saga e ansiosa pra ler mais. Pra vocês terem idéia ando sonhando com skrulls e nem sei mais o que li, o que sonhei! Hahahaha, medo!

E em quem você confia?? Eu não confio nem em mim. Eu não sou skrull...


Le'o diz:
Hhahahahhahahhahaha, uau.

K'mmy diz:
uau?

Le'o diz:
Não saber o que é sonho ou não!

K'mmy diz:
Mas é, meu...tinha certeza que Scott era skrull quando acordei (porque sonhei com isso) e fui olhar na revista! Totalmente paranóica!!!

Le'o diz:
Hahhahahahhahahahha, demais.

Fl'Ga diz:
Bom, a mini me deixou empolgado como a muito tempo não acontecia. A cena da Brand olhando a invasão sem poder fazer nada foi muito. Aliás, só o fato de ter a Brand a mini já ganha uns pontos.....

K'mmy diz:
Porque vocês gostam tanto da Brand??

Le'o diz:
Porque ela é demais *----*

Kov'ero diz:
Porque ela tem cabelos verdes

K'mmy diz:
A Lorna também tem

Kov'ero diz:
Por isso gostamos dela também

Fl'Ga diz:
Porque foi o Whedon qe criou.... ahahaha


Le'o diz:
Por isso o Hank não pode ser skrull, hehehhe Bom, a Saga começou MUITO bem. Torço para que mantenha o nível e para os tie-in que eu pegar sejam bons, e não só caça-níqueis. Uma expectativa que tenho é sobre o Capitão Marvel. Me fascinei com o personagem e torço para que seja bem usado - sua participação no número um foi bem misteriosa. É isso aí. E o que tem na sombra da estátua?


Skrulls

Capitão Marvel Skrull

Br'Zola diz:
Não é testamento, Léo hehehehe

K'mmy diz:
João não vai entender a da sombra...

Le'o diz:
Ah, é.

Br'Zola diz:
Então, o skrull aqui sou eu, já admiti lá no começo. Sou o único infiltrado no 616. Ou não. hehehe Bom, boa noite a todos!

Kov'ero diz:
Sei... sei... Bom, então tá, paramos por aqui o nosso Em Foco. E a programação dos próximos é de que... espera... Uai, Eddie, batendo aqui em casa? Eddie? Eddie?

* Minutos depois...*

K'mmy diz:
morreu?

Le'o diz:
*Tam-tam-tam-taaaaaaam
**Fade out*

K'mmy diz:
**pausa dramática com música aguda*

Br'Zola diz:
*Deve ser só a pizza.

Kov'ero diz:
ELE AMA VOCÊS!!!

Equipe 616