THOR: RAGNAROK

Deus do Trovão e Golias Verde voltam a se encarar em Novembro

MARVEL LEGACY

Marvel une futuro em passado nesta sua nova fase

Nova Serie Mutante na FOX

Saiba as novidades de THE GIFTED

PLANETA HULK

A HISTÓRIA DO HULK QUE MARCOU OS ANOS 2000

Classicos do Wolverine

Relembre mais das melhores histórias do Logan

FUGITIVOS

Série de produção Marvel e Hulu começa a sair este ano

THOR: RAGNAROK

O Terceiro filme do Deus do Trovão e surpresa do ano é tema do nosso Podcast!

JUSTICEIRO

Saiba as novidades da série que sai em Novembro

INUMANOS

Confira o que o pessoal do 616 tem a dizer da série de TV dos Inumanos

PANTERA NEGRA

Conheça Wakanda em 2018

domingo, 31 de maio de 2015

Marvel vs Fox emulando um verdadeiro Vingadores vs X-Men (e Quarteto) na vida real...


De uns tempos pra cá, tem ficado meio evidente que há uma verdadeira cisma entre algumas linhas de personagens dentro da Marvel. E não estamos falando exatamente de uma nova Guerra Civil separando pontos de vista.  Estamos falando sobre marketing e licenciamento de produtos.  Basicamente, o que era apenas um boato de que a Marvel estaria boicotando aos poucos tudo que vem do lado dos X-Men e do Quarteto Fantástico começa a tomar certa consistência a cada novo anuncio de brinquedos, camisetas e até pôsteres.

Os boatos  quase sempre eram instigados pelo Bleeding Cool, que se baseou num real desentendimento entre o chefe executivo da Disney Isaac Perlmutter e o pessoal da Fox na questão de divisão de lucros no licenciamento das franquias que hoje são divididas entre os dois. Mas até então eram coisas pontuais, nada da magnitude do que vimos na última semana. Baseando-se num artigo escrito por  Jesse Schedeen, do IGN, vamos discutir um pouco as coisas que andaram acontecendo até então.

É notadamente observado que a Marvel começou a por um gás na divulgação de suas franquias pertencentes interinamente a Marvel Studios mais do que as outras, o que é bastante normal e esperado. Um filme de personagens tão desconhecidos como os Guardiões da Galáxia se tornou uma mina de ouro ao conquistar o público e seria idiotice não apostar nesses novos cavalos tão carismáticos como Rocket, Groot e Senhor das Estrelas. Imagine quando falarmos de uma franquia de 1,5 bilhões nos cinemas como os Vingadores.

Mas até então, apesar de uma ou outra situação que mostrasse alguma clara preferência pelos “filhos” que ficaram em casa, nada poderia ser apontado de forma tão evidente como o cancelamento de estatuetas já em produção pela XM Studios essa semana. O responsável pela empresa de Cingapura usou as redes sociais para lamentar que as linhas de suas peças relacionadas aos Mutantes e ao Quarteto Fantástico seriam temporariamente canceladas. Isso incluía uma estátua do Cable e um diorama dos X-Men numa batalha contra um Sentinela. As peças, que já estavam em produção avançada, como a Fênix, seriam ainda lançadas, mas seriam as últimas do caso.

Peça ainda em produção do Cable, pela XM.

O que aconteceu com a XM pode muito bem ser extrapolado para outras empresas como Diamond Select Toys, Topps, Kotobukiya e Sideshow Collectibles, que também estão com número limitado de lançamentos com personagens  ligados as franquias do Quarteto e dos Mutantes. O mesmo pode se dizer de jogos eletrônicos como o Disney Infinity 2.0 e o recente Marvel : Future Fight.

Mas por que a Marvel estaria fazendo isso? No que diretamente o lançamento desses produtos afetaria ela? Apesar da empresa estar evitando qualquer pronunciamento, o artigo do IGN lembrou que em seu Tumbrl que o editor Tom Brevoort comentou algo assim:  "Se você tivesse duas coisas, e em uma delas você ganha  100% das receita do seu esforço, e em outra você ganha uma porcentagem muito menor para a mesma quantidade de tempo e esforço, você seria mais propenso a se concentrar mais fortemente no primeiro, não é?".  E isso coloca uma informação nova na jogada.

Até então, para nós, a Marvel só dividia as porcentagens de lucros nos filmes franquiados pela Fox e segundo o Wall Street Journal, essa porcentagem era muito pouca, cerca de 5%. Já imaginávamos também que parte do licenciamento usado em propagandas também é dividido e podemos imaginar que a Marvel não leva muito nisso. Perceba que desde 2009 não vimos uma linha dedicada a brinquedos para um filme dos X-Men, sendo o último investimento para o malfadado X-Men Origins: Wolverine. Para esse verão, nada do novo Quarteto Fantástico. Mas pela declaração de Brevoort, é possível imaginar que mesmo peças não muito ligadas aos filmes possam ter algum retorno pra Fox, certo?


Diorama dos X-Men vs Sentinela, peça cancelada produzida pela XM. Nela seriam inseridos ainda seis outros mutantes alem do Colossus.

Filmes de super-heróis que fazem 500.000 mil dólares nas bilheterias por sua vez podem gerar milhões ou até bilhões a mais em receitas de licenciamento. É um ciclo de feedback, onde Action Figures, Games e até brinquedos de campanhas publicitárias de FastFood fazem toda a diferença. A Marvel tem assegurado que este ciclo de feedback não exista para os X-Men ou o Quarteto Fantástico nós ultimos 5 anos, principalmente com as relações estremecidas desde a problemática discussão entre Isaac Perlmutter e a Fox.

O que se sabe é que, apesar da FOX provavelmente ter uma boa parte dos lucros nessas outras mídias, é de se esperar que nenhum acordo de licenciamento seja fechado sem um “sim” conjunto da Marvel. Assim, a Fox é forçada a confiar exclusivamente nos próprios filmes para tirar receita deles e com essa estratégia a Marvel essencialmente estaria “matando de fome” a Fox, segundo Jesse Schedeen. 

Apesar de descarada, essa atitude da Marvel não implicaria em algo sem volta. O mais evidente, segundo o artigo do IGN, seria uma posição dura assumida até a Fox apresentar uma maior boa vontade de cooperar e jogar nos  termos da Marvel. Isso tudo faz sentido a partir de uma perspectiva de negócio. Sem dúvida, os acionistas da Disney estão satisfeitos. Mas o que dizer das pessoas que não têm um interesse financeiro nesta guerra fria entre as corporações rivais? E sobre os fãs que colecionam os brinquedos e jogam games por amor a esses personagens?

Para o estúdio, é de se esperar que  quanto mais tempo esta situação se arrastar, mais fãs de super-heróis vão se acostumar com a ideia de um Universo Marvel sem esses personagens. O clamor para um filme dos Vingadores com Wolverine e Doutor Destino vai silenciar.   Mas será que isso pode repercutir nos quadrinhos?

Numa revista baseada na capa da Guerra Secreta original, nada de Mutantes e Quarteto na arte de Mike Zeck

O artigo do IGN coloca que gostaria de dizer que não há nenhuma evidência de que isso está acontecendo, mas o cancelamento da revista do Quarteto Fantástico recentemente pode ser um sinal. As mortes de personagens rentáveis da franquia mutante como Wolverine e Deadpool são suspeitas.  Mas particularmente eu acredito que se trate de um exagero e podemos estar enxergando pelo em ovo, já que o cancelamento do Quarteto veio junto com as Guerras Secretas, que alterou praticamente todos os títulos das demais franquias. E mortes de personagens icônicos do lado dos Vingadores vem acontecendo de forma constante nos últimos anos assim como as famigeradas ressurreições.

Até então, é de se imaginar que os quadrinhos estejam seguros. O diretor Alex Alonso recentemente mexeu e fortaleceu o editorial do lado mutante anunciando novos editores na semana passada e prometeu um futuro brilhante pro grupo. Já o Quarteto Fantástico, apesar do cancelamento um mês antes das Guerras Secretas, já foi dito que o grupo terá uma revista após o evento (isso segundo C.B. Cebulski ). No máximo, segundo algumas evidências, os personagens podem estar separados por aí pelas demais franquias.


Um poster que saiu hoje para venda do Line-up dos personagens exclui totalmente os Mutantes e Quarteto Fantástico. Mas tem o Cosmo pela primeira vez! :)

Em última análise, o artigo do IGN coloca que a Marvel é uma empresa de propriedade de uma empresa maior, cujo seu principal objetivo é fazer dinheiro. Mas eles também são uma empresa baseada em contar histórias e agir como gerenciadores dos personagens que há décadas servem a milhões de fãs. Seu comportamento em relação ao X-Men ou o Quarteto Fantástico está começando a fazer a Marvel não ser bem vista por alguns. Em último caso, por outro lado, essa pressão pode ter um resultado inesperado em alguns anos. Quem imaginava ano passado o acordo que a Marvel firmou com a Sony no começo deste ano? E já não foi dito da boca do próprio Kevin Feige que ele gostaria sim de ter os mutantes de volta em algum ponto? Pelo que parece, nada é ainda muito claro e o desenho é indefinido. Para nós, o que resta esperar são boas surpresas como houve no caso da Sony.

Coveiro

Robert Downey Jr. quer saber: De que lado você está?


Apesar das diferenças que muito provavelmente haverão entre a Guerra Civil dos quadrinhos e a do cinema, parece que pelo menos a divulgação do filme será similar. Bom, pelo menos o ator Robert Downey Jr. (Tony Stark) parece ter curtido a ideia das HQs e colocou uma interessante hashtag na legenda de uma nova foto sua a caminho do set de filmagens de "Capitão América: Guerra Civil". Confira...

Um Guia de leitura para Secret Wars

Atenção! Informações Inéditas no Brasil e EUA!



Está interessado em acompanhar a grande saga do ano da Marvel (quiça da década), mas não sabe por onde começar? A gente te ajuda.

Antes de mais nada, gostaria de registrar que, para compreender as referências completas de todas as mini tie-ins de Secret Wars, você terá de ler quase todas as sagas que a Marvel já lançou até hoje. Mas, claro, isso é um preciosismo.

As minisséries que levam o nome das antigas sagas da editora são auto-suficientes. Podem fazer mais sentido para quem acompanhou o material original, mas leitores novos poderão ter uma experiência igualmente interessante sem nenhuma perda.

Agora, para compreender o caminho que levou até Guerras Secretas, este é mais complicado e vou esmiuçar ele com detalhes.

Por mais que a trama da história tenha começado em Avengers e New Avengers 1, algumas sementes já foram plantadas nos trabalhos anteriores de Jonathan Hickman. O interessante é você ler as seguintes HQs, nessa ordem:

Revistas para enriquecer a sua experiência:




                          Guerreiros Secretos vol. 1 1 - 28     Quarteto Fantástico vol. 1 570 - 588



                             Os Supremos vol. 4 1 - 12                            FF vol. 1 1 - 11

A partir daqui a revista do Quarteto Fantástico retorna na edição 600 e as suas histórias se conectam com as de FF. Por isso, será preciso ler as histórias nessa ordem que colocarei abaixo.



                           Quarteto Fantástico vol. 1 600                            FF vol. 1 12




                           Quarteto Fantástico vol. 1 601                            FF vol. 1 13


                            Quarteto Fantástico vol. 1 602                          FF vol. 1 14


Quarteto Fantástico vol. 1 603                          FF vol. 1 15


                             Quarteto Fantástico vol. 1 604                          FF vol. 1 16

                         
                      Quarteto Fantástico vol. 1 605 e 606                   FF vol. 1 17 e 18


                      Quarteto Fantástico vol. 1 607 e 608                   FF vol. 1 19 - 21

                   
                      Quarteto Fantástico vol. 1 609 e 610                   FF vol. 1 22

                   
                           Quarteto Fantástico vol. 1 611                        FF vol. 1 23

Leitura essencial:



                                 Vingadores vol. 5 1 - 3                  Novos Vingadores vol. 3 1 - 3

                                 
                                    Vingadores vol. 5 4                      Novos Vingadores vol. 3 4

                                   
                                   Vingadores vol. 5 5                     Novos Vingadores vol. 3 5 e 6

                                   
                                Vingadores vol. 5 6 - 13                    Novos Vingadores vol. 3 7

                                
                                Vingadores vol. 5 14 - 17                    Novos Vingadores vol. 3 8

                                
                                             Infinito 1                                      Avengers vol. 5 18


                               Novos Vingadores vol. 3 9                              Infinito 2


                                  Vingadores vol. 5 19                      Novos Vingadores vol. 3 10


                                             Infinito 3                                   Vingadores vol. 5 20

                                             
                                           Infinito 4                                   Vingadores vol. 5 21


                             Novos Vingadores vol. 3 11                              Infinito 5

                             
                              Vingadores vol. 5 22 - 23                              Infinito 6

                              
                              Novos Vingadores vol. 3 12                     Vingadores vol. 5 24

                              
                         Novos Vingadores vol. 3 13 - 15              Vingadores vol. 5 25 - 28

                         
                         Novos Vingadores vol. 3 16 e 17              Vingadores vol. 5 29 - 34

                         
                         Novos Vingadores vol. 3 18 - 23                 Vingadores vol. 5 35

                         
                             Novos Vingadores vol. 3 24                    Vingadores vol. 5 36

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 25                     Vingadores vol. 5 37

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 26                     Vingadores vol. 5 38

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 27                     Vingadores vol. 5 39

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 28                      Vingadores vol. 5 40

                            
                             Novos Vingadores vol. 3 29                      Vingadores vol. 5 41

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 30                      Vingadores vol. 5 42

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 31                      Vingadores vol. 5 43

                             
                             Novos Vingadores vol. 3 32                      Vingadores vol. 5 44

                                                
                                                       Novos Vingadores vol. 3 33

E finalmente, leia Secret Wars


                             
                                          Secret Wars 1                                     Secret Wars 2

A Marvel já lançou também uma série de tie-ins, tais como "O Velho Logan", "Planet Hulk", "Inferno", "Ultimate End" e outros. Porém, são histórias complementares, que vão ajudar o leitor a se contextualizar ao BattleWorld, o mundo onde a saga acontece. Não são leituras obrigatórias para entender a história principal.

E então caro leitor, o que achou? Bastante coisa, hein? Mas vale a pena. E, a partir de agora, não quero ver ninguém reclamando que não entendeu a saga. Agora é com vocês, colocar a leitura em dia e desfrutar dessa grande saga.


Kinhu Heck