GUERRAS SECRETAS NO INOMINATA 616

A Maior Saga da Marvel deste milênio destrinchada pela equipe do Marvel 616. É imperdível!

50 ANOS DE MARVEL

Um podcast com toda história da Marvel no Brasil! Imperdível!

A VOLTA DOS GUARDIÕES

Acompanhe as novidades do segundo filme dos Guardiões da Galáxia

PANINI EM 2017

A editora aracno-mutante Carol Pimentel conversou com o Mutação em Debate a respeito das primeiras novidades da Marvel pela Panini em 2017. Confira!

PARAÍSO X

Aqui concluímos a trilogia do futuro distópico da Marvel! Ouça nosso podcast!

FIM DA GUERRA CIVIL II

Depois de muita espera, o que já tem sido corriqueiro quando se trata de um trabalho de Brian M. Bendis, finalmente a Guerra Civil II foi concluída

DEATH OF X

A Conclusão da minissérie que põe luz no destino fatídico de Scott Summers

DEFENSORES

Saiba as novidades da série do ano pelo Netflix

CAPITÃO AMÉRICA - 75 Anos

A Fase aclamada de Mark Waid em foco no nosso podcast

PUNHO DE FERRO

Confira tudo sobre a mais nova série do Netflix

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Tony Stark, o criador do traje do Homem-Aranha?


Novos rumores sobre o Homem-Aranha do Universo Cinematográfico Marvel surgem a todo momento na internet. A bola da vez diz respeito ao traje e aos lançadores de teia do herói aracnídeo. Segundo o Latino Review, o Homem-Aranha aparecerá pela primeira vez em "Capitão América: Guerra Civil" usando um traje caseiro todo improvisado, que terá sua versão finalizada feita por Tony Stark. Ainda segundo o Latino Review, Stark não só fará o uniforme definitivo para Peter Parker, como também construirá os famosos lançadores de teia.


Tem muita lógica, dentro do UCM, o pobretão Peter Parker conseguir seu uniforme bem acabado através de outra pessoa, no caso, Tony Stark. Com relação aos lançadores de teia, já tem gente reclamando que o fato de Stark ser o responsável pelos mesmos tiraria o "lado cientista" de Peter Parker. Bem, vale lembrar que, além de ser um rumor ainda, nada foi explicado sobre a origem da ideia de se fazer um lançador de teia. Nada impede que Peter Parker crie todo o projeto e Tony Stark seja apenas o cara responsável por fabricar as peças, sem nenhum envolvimento na criação. Vamos esperar para ver...

Eduardo Spicacci

Nova dupla pretende detonar na Nova e Diferente Marvel

* Atenção! Informações inéditas no Brasil e EUA!



Com a Nova e Diferente Marvel, a coisa que podemos mais esperar vindo por aí é títulos inesperados encorpando o checklist da editora até o final do ano. E em Dezembro, uma dupla de jovens ganha sua própria mensal prometendo o mesmo impacto que Manto e Adaga tiveram na decada de 80.

Estamos falando aqui de Estigma e Máscara Noturna, personagens que nasceram no extinto Novo Universo da Marvel e que foram resgatados para os tempos de hoje pelas mãos de Jonanthan Hickman. Quem achava que esses dois ficariam esquecidos quando Hickman deixasse os Vingadores, se enganou. Os estreantes na Marvel, o roteirista Greg Weisman (das animações "Gargoyles," "Spectacular Spider-Man" e "Young Justice") e o desenhista Dominike "Domo" Stanton ("Archer") foram especialmente convidados para encabeçar "Starbrand & Nightmask".

"Eu estou fascinado com ambos personagens incrivelmente poderosos e suas vidas. Eles são tão sem forma - não como personagens, mas como seres humanos. Adam literalmente nasceu ontem , e Kevin era esse garoto despercebido , desvalorizado e relativamente desconectado. Ambos têm muito aprender e a fazer, tanto como heróis como seres humanos . E isso é sempre fascinante de escrever". disse Weisman ao Comic Book Resources.

"Eles não desistiram  do super- heroísmo. Na verdade, Kevin prefere ser apenas um Vingador , mas Adam insiste para que Kevin tenha uma experiência de vida normal como alguém de sua idade , ou seja, a faculdade. (Kevin é contra o plano : sua última experiência na faculdade não terminou bem). A revista vai pega-los um pouco antes de suas primeiras tarefas do primeiro semestre da faculdade , por isso é algo que os leitores vão estar explorando em conjunto com a nossa dupla desde o primeiro momento." disse o autor


Na revista, Kevin e Adam serão colegas de quarto,mas teremos outros coadjuvantes sendo trabalhados aí - Imani Greene, Kenny Kong, Shelly Conklin, Krysta Brown, O guarda de segurança do Campus Tiny McKeever, e a terapeuta Sha Shan Nguyen. E que tal outros nomes conhecidos como um certo Professor Warren e  Doreen Green, o alterego da Garota-Esquilo. Quanto aos vilões, não só teremos rostos novos por aqui. Weismqn prometeu velhos rostos conhecido e de escala cósmica dando as caras.

Taí um título ousado que fiquei curioso pra ler.

Coveiro

Quando o Hulk perde a cabeça...

Hulk.NOW #1 #2 #3 #3 Vingadores: Os Heróis Mais Poderosos da Terra Nova Marvel

Agora estacionado na nova e recheada mensal Vingadores: Os Heróis Mais Poderosos da Terra, o Hulk passa por um momento inusitado nas quatro primeiras edições da revista. Como visto no último arco de sua série anterior, Bruce Banner e seu alterego não são mais tão indestrutíveis assim.

Andrew Garfield volta a falar sobre ter deixado o papel do Homem-Aranha



Todos comemoraram quando no começo deste ano a Marvel e a Sony fizeram um acordo histórico para integrar o Homem-Aranha. Mas é certo que apesar disto tudo, há uma ponta de tristeza de muitos por ver o último ator a protagonizar o personagem se despedir do papel. E parece que depois de um longo tempo em silêncio, Andrew Garfield começa a se abrir aos seus fãs sobre a situação. Confira alguns depoimentos do ator durante a coletiva de imprensa do seu último filme, 99 Homes:


Para o site Zaki's Corner, Andrew falou um  pouco sobre o que ele sente por ter perdido o seu papel do Homem-Aranha repentinamente:

"Bem, nada, porque eu nunca fui o Homem-Aranha. Porque o Homem-Aranha é um personagem fictício. Ele não é real. [risos] Você sabe o que é engraçado, para te dar uma resposta franca, eu pensei que eu ia ser o Homem-Aranha, sabe? Eu de cabeça nisso ... e a merda do ego veio. É como, "Ok, aqui está. Eu sou a p0##@ do Homem-Aranha. Eu fiz essa p0##A. E Toda essa merda. [risos] Mas eu realmente não o fiz. Eu nunca fui o Homem-Aranha."
    
    "Eu era o ator que eu sou. A pessoa que eu sou. Lutando com a tentativa de igualar-se com algo que eu tinha em tão alta conta na minha mente. Tão além do que eu poderia realmente alcançar, o que eu poderia conseguir. A grande coisa é que é o que Peter Parker estava também sempre tentando fazer. Peter Parker criou este símbolo com o qual ele não poderia viver sem. Ele nunca foi o suficiente. Ele nunca se sentiu o bastante, e eu nunca me senti o bastante também. Eu nunca me senti como se eu fosse capaz de fazer o suficiente. E eu não poderia salvar esses filmes ... embora eu não tenha dormido. [risos]"
    
"E eu queria ... não precisar dizer que eu precisava  resgatar esses filmes, mas eu não poderia fazê-los tão profunda e cheio de alma e ... cheio de vida como eu sonhava. E eu nunca vou ser capaz de fazer isso, com qualquer filme. Foi especialmente difícil nessa situação porque ... bem, apenas "porque". E foi especialmente importante porque esse personagem sempre significou muito para mim, e você viu aquela coisa na Comic Con, que por sinal, agradeço por me lembrar disso."

Ainda sobre a experiência na Comic Con de 2011, Garfield pontuou em resposta a um entrevistador que explicou como achou fascinante e dividiu com os alunos dele o que o ator fez:


"Aquilo foi provavelmente o auge de toda a experiência para mim , porque parecia que era só eu. Vulnerável . E apavorado. E que poderia ter realmente dado errado na hora. Toda essa ideia poderia" ter saído errado. E todo mundo me disse para ir lá. Emma Stone disse que não era uma boa ideia. O estúdio disse: " o que o P*** você está pensando ?! " E eu estava insistindo " deixe-me fazer isso! Apenas isso!" E, para  crédito deles que no final me permitiram, e eles viram que aquilo funcionou. Eles confiaram em mim muito mais depois disso, para o crédito deles."

Sobre o futuro da franquia, Andrew também falou ao Uproxx como eles planejavam uma possível continuação da trilogia:

"Eu estava realmente começando a trabalhar as ideias com Alex Kurtzman , que estava sendo convocado para estar escrever. Pensamos em começar do início a partir do nível de base , o nível fundamental de onde tínhamos deixado Peter e onde queríamos levá-lo e o que seria lógico. E como é que iríamos construir em cima de onde paramos com aquele momento profundo e desesperado com Gwen ? Então, sim , nós estávamos seguindo para alguns trechos bastante pesados e eu estava realmente animado para saber como explorá-los e estar envolvido no nível  na base de tudo aquilo".

Garfield confirmou ao site, no entanto, que nunca sequer foi cogitado pela Marvel nesse acordo:

Não. Para ser honesto..., todos os prós e contras do que aconteceu é parte de uma conversa mais cuidadosa que talvez eu não queira falar em público em uma coletiva de imprensa. Mas tudo que eu posso dizer é que estou amarradão para ir e assistir a um filme da Marvel que tenha o Homem-Aranha".

E por fim:

"Eu estou muito, muito grato por tudo que aconteceu até aí. E eu estou realmente animado para ver os próximos. Eu estive pedindo para esses filmes se conectarem com Marvel desde o início , então eu estou realmente feliz que eles estão finalmente Fazendo isso."

Como bem sabemos, agora o papel do Homem-Aranha recai para o jovem Tom Holland (O Impossível) que já faz uma participação especial no terceiro filme do Capitão América em Maio do ano que vem.
Coveiro

sábado, 29 de agosto de 2015

Veja as primeiras imagens do trailer de "Capitão América: Guerra Civil"


Foi exibido na última D23 um rápido trailer de "Capitão América: Guerra Civil" para os fãs lá presentes. Apesar de todo o forte esquema de segurança impedindo filmagens e fotografias, parece que alguém conseguiu capturar algumas imagens do trailer! Ainda não temos o vídeo, mas várias fotos e gifs do conteúdo exibido acabaram de cair na internet. Confira...

Coleção de Memes Marvel 616 #4


Bem-vindos a mais uma seleção dos últimos memes postados em nossa página oficial no Facebook! Hoje temos a chegada da Tia May, a grande lenda Kevin Bacon, Destino revoltado com a Fox e o Howard provando porque é um dos caras mais fodões do Universo Marvel...

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Veja o processo de criação de Ultron e Visão no cinema


A Marvel liberou oficialmente mais alguns vídeos mostrando os bastidores de "Vingadores: Era de Ultron". Agora podemos ver um pouco do processo de maquiagem que transformou o ator Paul Bettany no Visão, além da técnica de captura de movimentos que fez James Spader se tornar o Ultron nas telas do cinema. Vale a pena dar uma olhada...

Iron Studios anuncia o Visão!

Ontem a Iron Studios anunciou mais um vingador para sua linha Art Scale, em escala 1/10: o sintozóide Visão. Saca só os níveis de detalhe da peça:






'





A escultura facial com base no rosto do Paul Bettany está perfeita. A capa possui um sistema de arames internos que permite ser colocada em qualquer posição. Está previsto para chegar ainda no final do ano pelo preço de R$289,99.

Até a próxima, Daniel Urano.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

E eis que surge os Guardiões... do Infinito!

* Atenção! Informações inéditas no Brasil e EUA!

E a Nova e Diferente Marvel começa a ir além, divulgando seu primeiro título que vai anos no futuro e foca-se em várias gerações dos Guardiões da Galáxia, os chamados Guardiões do Infinito, com Dan Abnett no roteiro e desenhos de Carlos Barberi. Confira a capa e alguns detalhes dados pelo site Comic  Book:


Segundo a matéria, teremos personagens já famosos como Drax, Rocket e Groot, além de integrantes da equipe clássica que hoje é chamada de Guardiões 3000, assim como elementos novos da geração dos Guardiões 1000. Nessa primeira edição, o que vemos é justamente uma aventura com personagens das três formações se unindo. Na capa, dá pra ver pelo menos mais 3 personagens novos. Quem serão eles?

A revista claramente está aí para substituir a Guardiões 3000, cujas histórias já saíram no Brasil, mas deve expandir para algo muito mais além do que aquela formação. Ainda não dá pra saber qual é a desse título, mas se tem a assinatura do Abnett, já significa muita coisa.

Nessa primeira edição, tem também uma aventura única de Ben Grimm e Rocket presos num planeta-luta-livre, com escrita de Jason Latour e arte de Jimmy Cheung.

Coveiro

Os Novos Vingadores e Supremos de Al Ewing

* Atenção! Informações inéditas no Brasil e EUA!

A Nova e Diferente Marvel que vem por aí realmente está trazendo algo muito além do que esperávamos. As mudanças incluem heróis antes apagados em destaque e passagens de manto para novos alteregos. Mas nada se compara aos Vingadores da IMA liderados pelo brasileiro Roberto da Costa.




Em entrevista ao Comic Book Resources, Ewing falou um pouco mais sobre o que esperar dessa nova equipe que operará em parceria com o desenhista Gerardo Sandoval. Um grupo que não agirá exatamente igual as demais equipes de Vingadores, ficando fora do solo americano e com um time seleto.

Comparado ao antecessor Avengers World de Nick Spencer, Ewing prometeu que esse time será mais evidente em sua atuação mundial. "Teremos aventuras em diferentes países, no espaço e até em outros tempos. Só um lugar que não estaremos lá imediatamente é nos EUA" disse o escritor. Ewing chamou atenção também que o governo americano não está olhando com bons olhos essa mudança da IMA nas mãos de Roberto da Costa e que isso colocará algumas situações complicadas para o grupo. Muitas vezes, Roberto terá que ficar na Ilha Vingador (Ex-Ilha da IMA) para lidar com diplomacia e crises internacionais.

A presença do veterano Gavião Arqueiro no time serve mais como um membro de confiança entre o grupo e o governo. Segundo Ewing, a SHIELD colocou Clint lá para espiar e monitorar o time, mas nada em segredo. É algo bem aberto para o grupo e Roberto está de acordo com isso. Já os outros membros foram escolhidos por inúmeras razões. Soprano já era predestinada para ser uma Vingadora desde "Vingadores Eternamente" e aqui ela se torna a líder de campo de Ewing. Ela tem personalidade e é confiante em si mesma, mas o autor quer trabalhar essa nova situação para ela já que ela desde sempre só foi uma Thunderbolt até agora. A Garota Esquilo é outra integrante que tem algum histórico com os Vingadores já, passa por um bom momento em sua revista solo e é intenção do autor dá mais voz para personagens fora da lista A e B de super-heróis aqui.


Hulking e Wiccano são personagens que o autor curte desde Jovens Vingadores e ele gosta deles como um casal. Aqui, eles terão que enfrentar uma vida dura já que continuam com suas identidades secretas como americanos, mas trabalham agora para um equipe que não é bem vista pelo governo dos EUA. Tigresa Branca e o Poderoso são dois que Ewing herdou de sua trajetória nos Poderosos Vingadores. Fora isso, há três membros do time que não foram anunciados e nem estiveram nas capas reveladas ainda. Então, teremos mais surpresas por aí.


E como a IMA é uma organização com base em ciência e tecnologia, teremos alguns nomes marcantes trabalhando para Roberto. Dois deles serão recorrentes, Toni Ho e Max Brashear, respectivamente chefes de Departamento de Engenharia e Física Teórica. Quanto aos vilões, Ewing pretende levar ao pé da letra o nome "New" do título e teremos novos vilões surgindo aí. Mas um deles já conhecido no universo Ultimate deu as caras, o Reed Richards maligno que se denominada de O Criador.


Ewing não está cuidando apenas desses títulos. Na Nova e Diferente Marvel, ele será escritor de "Torneio de Campeões" e da nova equipe 616 dos "Supremos". Ele já concedeu também uma entrevista para o Comic Book Resources falando inclusive sobre as ideias que pretende para o último título. Segundo o autor, ele e o desenhista Kenneth Rocafort pretendem levar os Novos e Diferentes Supremos para confrontar entidades cósmicas e impérios alienígenas.



Faz sentido, portanto, ter a Capitã Marvel como líder de campo aqui. Estão nessa também o Pantera Negra, Monica Rambeau, Marvel Azul e a Miss America, alguns destes Ewing já vinha trabalhando desde seus poderosos Vingadores. O visual também foi mexido, principalmente no caso do Adam Brashear que perde a capa de super-herói para tomar um ar mais científico. A tendência inclusive é que as histórias sejam até mais exploratórias, um campo antes ocupado pelo Quarteto Fantástico.


A base de operações do grupo pega uma herança também do ultiverso e se chama Triskelion. Basicamente, ela tem três pontas - a Embaixada de Wakanda em Nova York, a nova organização de Danvers e a base do grupo literalmente. Entre os grandes problemas que estão por vir podemos esperar algo entre Galactus e Celestiais adormecidos.

Coveiro

Os times de Guerra Civil estão oficialmente escalados!


A Marvel manteve segredo sobre quem estará ao lado do Capitão América e quem estará do lado do Homem de Ferro em Capitão América: Guerra Civil... até agora! Hoje foram divulgados os dois times que se confrontarão no filme, e tem surpresa e ausências!


Na primeira imagem, no lado do Capitão América (Chris Evans), teremos Gavião Arqueiro (Jeremy Renner), o Homem-Formiga (Paul Rudd), a Agente 13/Sharon Carter (Emily VanCamp), Falcão (Anthony Mack) e o Soldado Invernal (Sebastian Stan).


Na segunda imagem, o time do Homem de Ferro (Robert Downey Jr.) terá o Máquina de Combate (Don Cheadle), Viúva Negra (Scarlett Johansson), Pantera Negra (Chadwick Boseman) e o andróide Visão (Paul Bettany).


O que fica em suspenso é a dúvida de que lado estará a Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), o Hulk (Mark Ruffalo), e o Homem-Aranha (Tom Holland) e porque eles não estão nas imagens. Vem coisa surpreendente por aí?

Capitão América: Guerra Civil estreia em 28 de abril de 2016 no Brasil.

De que lado você ficará?

Os efeitos visuais do Demolidor da Netflix



Sabe aquele monte de sangue e explosões que você viu na série do Demolidor na Netflix? Muito daquilo foi adicionado na pós-produção pelos caras do Shade VFX, o estúdio responsável pelos efeitos visuais da série, que fizeram um vídeo mostrando um pouco do processo. Vale a pena dar uma olhada...

Vingadores Infiltrados: Os dias seguintes


Eles foram raptados, isolados do resto do mundo, esquecidos por mais de um mês e sofreram traumas irremediáveis. E tudo isso foi depois exposto para os quatro cantos do globo via internet pelo seu próprio carcereiro. Os adolescentes que sofreram as experiências traumáticas no Mundo da Morte do Arcade ainda não tinham saído deste pesadelo. Mas o que fariam quando tivessem uma chance de se deparar cara a cara com o sujeito que lhes tirou a dignidade meses atrás?

Radiação, Deathlockette, Anacronismo, Cammi, Nico e Chase ainda vivem os efeitos da sua experiência traumática nessa nova leva de histórias roteirizada mais uma vez por Dennis Hopeless. Alguns até se saíram muito bem como Chase, que além de uma mudança radical no visual, vive hoje de entrevistas e participações especiais em programas de TV. Outros ouvem só chacotas pelos cantos agora que os vídeos do reality show do Mundo da Morte viralizaram pelo planeta. E há aqueles que tentam voltar a ter uma vida normal, como é o caso da Cammi, que retornou ao Alasca para cuidar da sua mãe que se tornou uma alcoólatra desde que ela sumiu no espaço 2 anos atrás.


Mas nenhum foi mais afetado ali do que o jovem Bloodstone. Com sua vida complicada completamente exposta, o que lhe restou foi uma sede de vingança contra o Arcade. Em videos que vem gravando de modo reservado só para os amigos, ele vem perseguindo e explodindo residencias onde o Arcade morava ou morou. Até que uma ultima pista o levou para uma cratera secreta na Bagália, atual Lar dos Mestres do Terror. Supostamente Arcade estaria lá, mas Cullen Bloodstone nunca voltou de lá para saberem o que de fato aconteceu.


Então, Cammi, Radiação, Deathlockette, Anacronismo, Nico e Chase montam uma missão de resgate e invadem a base dos Mestres do Terror. Lá, eles descobrem uma verdadeira cidade subterrânea onde estão também outros jovens poderosos supervilões de outras histórias que foram esquecidos - conte aí os Jovens Mestres do Terror, alunos mutantes da ex-irmandade da Mística e Dentes de Sabre, versões juvenis de grupos clássicos de vilões e bem no meio deles - Cullen.

 O jovem Bloodstone parecia finalmente em paz consigo. Estava sendo treinado por Damian Hellstrom e disse ter encontrado o lugar ideal para ele. Cammi estava contrariada pela sua decisão de ficar entre os vilões, mas não era só o Cullen que parecia estar a vontade por lá. Chase foi logo arrumando umas paqueras por ali, assim como Deathlockette que conheceu o jovem Escavador. Até Nico ficou tentada a aprender mais sobre sua magia negra com o Filho do Satã.

Cammi tentou trazer todos a razão, explicar a verdadeira intenção da missão de resgate, mas o próprio Cullen queria provar que ele estava certo. Assim, com um gesto do tridente de Damian Hellstrom, eles foram teletransportados para uma mansão em outro lugar. Um local onde ricaços entediados estavam ali para ter uma diversão incomum... no novo Mundo da Morte. E lá estava Arcade pronto para ser alvo da vingança deles.

Os sete adolescentes estavam divididos ali. Enquanto que a Cammi reclamava aquela atitude quase beirando a vilania de querer assassinar o Arcade, Nico e Deathlockette estavam pendendo pro lado de Bloodstone de dar uma lição nele. Já Radiação estava catatônica desde que chegou ali. No fim, concordaram em aceitar o plano de Cullen em desligar os poderes do Arcade para poder enfrentá-lo num combate final. Longe dali, em Bagália, Constrictor, Madame Mascara e Hellstrom apostavam quem se daria melhor naquela situação, enquanto que Zemo apenas considerava a distancia a situação já prevendo o resultado.

Assim, enquanto que os ricaços se matavam por diversão, os Jovens se dividiam na tarefa de invadir a sala de controle do Arcade enquanto outros caçavam o vilão pelos corredores. Parte da equipe foi detida na sala pela Senhorita Coriander, assistente do Arcade, e isso complicou bastante a vida dos outros que lidavam com o poderoso inimigo. Mas ainda assim, Deathlockette conseguiu invadir os sistemas e desligar o sistema que dava poderes ao Arcade.

Agora, vulnerável,  todos os seis descontaram sua raiva socando o vilão. Ainda assim, nenhum deles foi capaz de matá-lo de verdade, ainda tinham o brio de heróis. Mas não a Radiação. Do nada, ela saiu do seu estado catatônico e simplesmente fritou o vilão, uma vingança fria pela morte do Vigoroso tempos atrás. Em Bagália, a Madame Máscara cobra o dinheiro das apostas. Já Zemo vê que chegou o momento de começar.


Com essa nova guinada da trama com esses jovens e até então desconhecidos personagens, dá pra ver quão plástica é a criatividade do Hopeless como roteirista. Vingadores: Infiltrados é a série que era necessária para esses personagens que nos cativaram por mais de um ano nas páginas de Vingadores: Arena e que nos deixaram com muita saudade de acompanhar. Não se trata de uma série que nasceu para ser mensal, já sabemos disso, mas ela é suficiente para ser justa com uma história que faltava contar. Ela continua com uma boa narrativa visual, trabalha de forma digna a personalidade da molecada e coloca cenas empolgantes mesmo com vilões tão insípidos. Não é a toa  a Marvel ter liberado o sinal verde para Hopeless de novo. Ele tem sido um prodígio que surgiu do nada. E vem acompanhado mais uma vez do fabuloso Kev Walker, além de Timothy Green II.

Para quem não leu essas histórias, elas estão inclusas na edição 20 a 22 de Avante, Vingadores da Panini.

Coveiro

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Confira o que sairá na lista da Coleção Histórica do Quarteto Fantástico!


O filme pode ter sido uma decepção para muitos, mas isso não vai esmorecer os Fãs do Quarteto Fantástico. Afinal, sendo a primeira família da Marvel, eles são os personagens que mais tem história pra contar e suas histórias mais clássicas retornam a banca este mês na forma de mais um Coleção Histórica Marvel.



O primeiro volume de quatro reúne as histórias originais de Fantastic Four 5-6, 57-60 e Fantastic Four Annual 3 - com esta última celebrando o casamento de Reed e Sue Richards! O foco deste volume é o Doutor Destino. com aparições especiais do Surfista Prateado e dos Inumanos.

Para o volume dois foram programados alguns dos encontros da Família com o ameaçador Galactus nas histórias Fantastic Four 48-50, 120-123 e Fantastic Four Annual 5, nas quais desfilam talentos como os de Stan Lee, Jack Kirby e John Buscema.

Os vilões convidados do volume três são o Mago, Ardiloso, Homem-Areia e Medusa, participando de uma aliança nefasta conhecida como Quarteto Terrível! As artimanhas desta versão maldosa da equipe fantástica  podem ser vistas nas histórias Fantastic Four 36, 38, 94, 129-130, 133, 218 e Spectacular Spider-Man 42. Lembrando que o Homem-Aranha dá as caras numa das várias aparições que fez ao longo da trajetória do Quarteto Fantástico, o que nos leva diretamente ao…

…volume quatro, que fecha a coleção com aventuras extraídas de Amazing Spider-Man 19, 21 e Marvel Team-Up 1-2, 39-40 e 100, onde o Cabeça de Teia se torna um ilustre personagem ao lado de Johnny Storm, o Tocha Humana!

Todas as edições da CHM: Quarteto Fantástico tem 164 páginas, capa cartão, miolo off-set e custa R$ 22,90!

Coveiro

Mais Inumanos em Agentes da SHIELD


Estamos já bem pertinho que começar a terceira temporada de Agentes da SHIELD, que vem revolucionando sua direção para parecer cada vez mais com os Guerreiros Secretos, enquanto que um spin-off parece estar sendo considerado para levar os já queridos Bobbi Morse e Lance Hunter num outro caminho. Dois novos atores se juntam agora ao elenco, reforçando o lado Inumano da história.


O jogador de Futebol Americano Matt Willig, que pelo seu porte avantajado e biotipo peculiar já esteve em papeis como em Game of Thrones, foi contratado para viver o Inumano Lash na série. Já Juan Pablo Raba será um outro inumano que até agora foi divulgado para o público apenas pelo nome Joey. Já um outro detalhe sobre os personagens de Constance Zimmer e Andrew Howard foi revelado, ambos trabalham para um organização chamada ATCU (Advanced Threat Containment Unit), cuja verdadeira natureza ainda não foi revelada.

Coveiro

Capitã Marvel: Minha casa são as estrelas!



Carol Danvers já passou por momentos bastante complicados tanto em sua vida pessoal como na carreira de super-heroína. Mas chegou o momento de deixar tudo isso para trás e dar um passo a frente. E tal mudança requeriu algo além, deixar de lado a alcunha de Ms. Marvel e tomar o manto daquele quem a tornou algo maior. Ela agora é a Capitã Marvel, que retorna em mais uma novo volume na Totalmente Nova Marvel aqui o Brasil.

Com a conclusão do volume anterior, Danvers reviveu parte inquietante do seu passado, encarando um dos mais antigos inimigos do próprio Mar-Vell. Isso custou um pouco de sua vida, sua casa e até mesmo  vizinhos próximos. Agora ela morava na cabeça da Estátua da Liberdade juntamente com seu gato Chewie, a pequena Kit e sua mãe (ambas sem lar desde os últimos eventos). Mas esse momento da vida de Carol estava para acabar.

Semanas atrás, ela e o Patriota de Ferro encontraram um cápsula de fuga que caiu do espaço. Dentro dela, uma jovem alien estava adormecida.  A história da jovem alienígena seria desvendada mais tarde pelo Homem de Ferro - Ela era uma Nowlaniana, raça cujo planeta natal foi destruído durante a guerra com os Construtores. Os sobreviventes foram levados para um lugar que os Vingadores perderam contato. O Homem de Ferro precisava agora de um Vingador, o melhor piloto do time, para singrar o espaço naquela direção, levar de volta a criança e saber mais do que aconteceu com aquele povo. Provocadoramente, Tony sugere que o seu melhor piloto entre os Vingadores seria James Rhodes.



Curiosamente, descobrimos nessa história que Rhodes e Danvers começaram uma relacionamento, mas que devido aos critérios da missão estava para acabar por ali. E isso talvez muito mais por conta de Carol, que mais uma vez buscaria se isolar nos confins do espaço. O que ela esperava encontrar lá, Danvers ainda não sabia,m, mas para ela era como voltar ao seu mundo.

Para essa missão, Stark construiu uma nave bastante especial para amiga, contendo uma inteligência artificial chamada Harrison para acompanhá-la. E o primeiro desafio da Capitã Marvel era ultrapassar um bloqueio de naves hostis de contrabandistas que não queriam deixa-la cruzar o caminho até o planeta médico Torfa. A passagem teve que ser cruzada na força bruta e Danvers ainda contou com uma ajudinha especial dos Guardiões da Galáxia.

Durante o combate com os contrabandistas, a nave ficou um pouco avariada e coube ao Guaxinim mais encrenqueiro da galáxia dar um jeito nela. O que ninguém esperava é que Rocket saísse de controle quando encontrasse o gato da Capitã a Bordo. Confundindo-o com um Flerken (seja lá o que isso for), Rocket começou a atirar em Chewie e quase piorou ainda mais o estado da nave. Foi preciso os esforços da Capitã Marvel e do Senhor das Estrelas  em conjunto para segurar o racum ensandecido.


No meio daquele tiroteio, a alienígena que estava sendo transportada por Danvers despertou. Andando silenciosamente pela nave, ela acabou escutando o que não queria. Quando soube que Peter Quill era o príncipe dos Spartoi, ela abriu fogo contra ele. Aparentemente, J'son era o responsável por querer que seu povo evadisse do novo planeta que servia de lar para os Nowlanianos. Muitos deles estavam doentes e o soberano de Spartax queria tirar todos de lá antes que morressem envenenados. Já os líderes dos nowlanianos achavam que aquilo era uma farsa de J'son para algo maior.

A moça tentou uma fuga maluca dali, praticamente roubando a nave de Danvers e abrindo fogo contra os Guardiões e a Capitã Marvel. Demorou um pouco para Danvers retomar o controle de Harrison e assim a alien, chamada de Tic, pode explicar melhor o que foi fazer na Terra. Segundo sua história, ela procurava ajuda dos renomados heróis da batalha da saga Infinito, os Vingadores, mas foi consumida pela raiva quando viu Carol conversando com Quill. Agora, depois de tomar uma baita bronca da Capitã Marvel e ficar mais calma, compreendeu que Senhor das Estrelas não era também muito fã de seu pai.


Como os spartoi estavam muito mal vistos pelos Nowlanianos, Carol teve que seguir sozinha em missão diplomática para o planeta Torfa junto com Tic. Lá, ela conheceu alguns locais e viu que a Aliança Galáctica não era lá tão bem vinda agora. No fim, conheceu uma espécie de matriarca daquele povo, Eleanides, que explicou com mais detalhes a historia toda até eles chegarem ali. Eleanides era franca e praticamente desmontou a ideal missão diplomática de Carol ali. Se ela tinha alguma certeza do que achava daquela situação, a regente dos Nowlanianos provou o contrario. Será que os Spartoi provocaram aquela doença para afugentar o seu povo dali? E com que razão? Bom, é algo que certamente saberemos só nas próximas edições.


Kelly Sue DeConnick continua cuidando das histórias da Carol Danvers. Mais que justificado ela retornar depois do sucesso do volume anterior. As histórias dessa vez deixam para trás os questionamentos e o passado da personagem. O que a roteirista promete aqui é levar ela para seu novo futuro, para as estrelas.  A dinâmica da narrativa também esta mais descompromissada, divertida e com ótimas tiradas. É uma evolução clara de DeConnick para a revista.

O artista David Lopez acompanha Kelly desta vez, deixando um traço muito mais claro e limpo, podendo assim complementar o roteiro com expressões mais suaves dos personagens que são tão importantes para um tom mais bem humorado. Para quem não viu ainda, ao invés de sair em especiais como no volume anterior, essas histórias começaram a vir nas edições de Universo Marvel 22 e 23, respectivamente de Junho e Julho. Infelizmente, é uma pena que as vendas das edições passadas não tenha acompanhado a qualidade do título.

Coveiro

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Mutação em Debate #43 - Grandes Clássicos dos X-Men: Programa de Extermínio


De volta com mais um grande clássico da cronologia dos X-Men, o Mutação em Debate discute Programa de Extermínio, cross que reúne X-Men, X-Factor e Novos Mutantes em Genosha!! Ouça o podcast!!

Leonardo Bento, Henrique Bracarense, Paulo Artur e o convidado Leonardo Seville discutem os antecedentes da saga, comentando rapidamente Inferno, a apresentação de Genosha, seus personagens e o panorama político da ilha. Além disso, debatem número a número as nove edições do cross Programa Extermínio, o envolvimento de Cameron Hodge e as consequências da saga para Tempestade, Lupina, Destrutor e Warlock.


Faça o download aqui (link alternativo do Mediafire) ou ouça abaixo:



Introdução: (00:01)
Bloco 1: Antecedentes e Contexto de Programa de Extermínio (02:42)
Bloco 2: Programa de Extermínio (29:13)
Conclusão: Comentários Finais e Despedida (01:05:31)
Segredos dos X-Men: (01:14:00)

No mês que vem, continuamos com os clássicos da franquia, falando de Jim Lee e de sua Gênese Mutante.

Para dúvidas, reclamações ou sugestões, nossos canais de contatos são o email  mutacaoemdebate@marvel616.com, o grupo Mutação em Debate do Facebook, o Twitter @MutacaoEmDebate ou os comentários abaixo.

Observação: Quanto ao bebê sequestrado nas primeiras edições, cujo paradeiro era desconhecido pelos participantes, ele deve ser um dos bebês de Inferno.

Preview de Capitão América: Branco

A dupla Jeph Loeb e Tim Sale ficaram bastante conhecidos desde sua parceria de sucesso em edições que revisitavam as origens de alguns personagens da Marvel. A trilogia das "cores" - Homem-Aranha: Azul, Demolidor: Amarelo e Hulk: Cinza - acaba de ganhar mais uma edição que promete seguir o mesmo brilhantismo. Confira abaixo o primeiro preview da arte de Sale para Capitão America: Branco.






"Vamos penetrar nas camadas de Steve Rogers em um conto do Capitão América na Segunda Guerra Mundial, como ele defendeu o mundo das forças do mal , e conheceu um jovem chamado Bucky Barnes que mudaria sua vida para sempre. Loeb e Sale se juntam de novo para essa profunda e explosiva caracterização do super- herói num conto épico de uma das missões mais perigosas do todas! Finalmente, a série ansiosamente aguardada da dupla vive novamente." diz o resumo oficial. 

A edição #1 chega para o mês nas lojas americanas.

Coveiro