CAPITÃ MARVEL NOS CINEMAS

CHEGANDO AOS CINEMAS EM MARÇO DE 2019

O MISTERIOSO VINGADORES 4 VEM AÍ

FIQUE POR DENTRO DO FILME QUE CULMINARÁ OS 10 ANOS DA MARVEL STUDIOS NOS CINEMAS

DEMOLIDOR

O Homem sem Medo voltou!

HOMEM-FORMIGA E A VESPA NOS CINEMAS

PODCAST SOBRE O ÚLTIMO FILME DO ANO DA MARVEL STUDIOS

INFINITY WARS

A ÚLTIMA SAGA DA MARVEL QUE ESTÁ SAINDO NOS EUA

LUKE CAGE

PODCAST SOBRE A SEGUNDA TEMPORADA NO NETFLIX

JESSICA JONES

A SEGUNDA TEMPORADA DE JESSICA JONES NO INOMINATA 616!

NÓS SOMOS VENOM

TUDO SOBRE O SPINOFF DA SONY

domingo, 31 de dezembro de 2017

Retrospectiva Marvel de 2017



E lá estamos nós aqui outra vez vivendo as últimas horas do ano de 2017 e tendo que rabiscar num papel aqui do lado os momentos mais marcantes ligados a Marvel neste ano para nossa já tradicional listinha de 10 itens marcantes em nossa retrospectiva. E posso já confessar uma coisa? Juntar tudo pra falar em tão poucos tópicos tem sido a tarefa mais difícil ultimamente. Tentei apertar aqui e ali tentando não deixar nada de lado, e aqui entramos mais uma vez na nossa máquina do tempo até uns 12 meses atrás quando...


1-Um ano de comemorações!

Até parece que foi ontem que estava aqui todo animado com o aniversário de 10 anos do site, que curiosamente acompanha os 50 anos de Marvel no Brasil e mais a frente encaixava direitinho também com o centenário da já falecida lenda dos quadrinhos, Jack "O Rei" Kirby. Nem tudo que estava nos nosso planos de imediato para realizar em 2017 saíram de fato da prancheta, mas o que não faltou para o leitor marvete foram livros e projetos para apoiar sobre esses temas. A dica fica pro livro do Alexandre Morgado sobre uma completa busca da história da Casa das Ideias por aqui; e também vale dar uma espiada no projeto Os Mundos de Jack Kirby, feito por uma seleção especial de artistas nacionais. Quem quiser ouvir também nosso podcast relembrando essa história dos 50 anos, é só clicar aqui! Já uma matéria sobre os 100 anos de Kirby pode ser encontrada aqui. Vale lembrar aqui também que este ano, Stan Lee e Jack Kirby se tornaram LENDAS DA DISNEY no evento D23, realizado em setembro.


2-A despedida daquele Velho Logan

Ninguém sabe de verdade qual será o destino do Wolverine nos cinemas nos próximos anos, mas o que é fato é que o ator Hugh Jackman realmente se despediu do personagem com o seu filme Logan, lançado em Março deste ano nos cinemas. E que despedida em grande estilo foi. Em várias entrevistas, Hugh Jackman comentou que desde que passou a viver o personagem nos cinemas e perdurou nele por mais de 17 anos, somente agora ele acredita que honrou da maneira que os fãs merecem. E de fato, o filme é sensacional. Acabou não só nos trazendo o melhor filme e momento do personagem nos cinemas como também mostrou a FOX que ela poderia seguir um caminho diferente no nicho de super-heróis e assim escancarar uma porta aberta anteriormente por Deadpool para filmes de alta censura de super-heróis com pouca preocupação em se ater a uma cronologia inter-relacionada de personagens. Além de Jackman, aparentemente, Logan marca o fim da participação de Patrick Stewart no papel do Professor X nos cinemas. Contudo, apesar dessas duas despedidas, muito se discutiu sobre a possibilidade de um filme da X23 estrelado pela surpreendente Dafne Keen.

Ouça nosso podcast de Logan aqui!



3-Um acerto da FOX também na TV

Já no ano passado, muita gente se ajeitou na cadeira quando foi revelado na NYCC que a Marvel TV e a FX Productions realizaram uma inédita parceira para produzir duas séries mutantes. E foi assim que nos deparamos no primeiro trimestre de 2018 com Legião, uma série em oito partes feita pelo produtor Noah Hawley e protagonizada por Dan Stevens. Apesar de nos quadrinhos não ser lá o personagem mais querido, o mistério na televisão envolvendo David Haller instigou o público a acompanha-la até o final e assim não só garantiu a segunda temporada como também até colocou Noah Hawley como um potencial escritor para um possível filme do Doutor Destino. Mas os bons ventos não pararam por aí. A segunda série da FOX com os mutantes acabou sofrendo de cara uma mudança radical, mas inteligente. O projeto envolvendo o Clube do Inferno foi parar na geladeira e no lugar tivemos The Gifted, um drama mais familiar envolvendo alguns nomes conhecidos pelo público de mutantes sendo perseguidos pelo governo num mundo os X-Men deixaram de existir. A série ainda não acabou sua primeira temporada, mas já é considerada mais um ponto positivo pro lado da FOX também. Alguns ousam dizer que sozinha ele tem mais o espírito dos quadrinhos do que qualquer coisa envolvendo os X-men já feita nos cinemas até hoje.

Ouça nosso podcast do Legião aqui!



4-Uma nova crise dos quadrinhos?

Sei que falar de crise de qualquer na atual situação que nosso país vive é chover no molhado, mas qualquer um que acompanha um pouco o mercado sabe que desta vez o buraco é mais embaixo e não se detém apenas ao Brasil. Como um todo, as vendas de quadrinhos tem apresentado sinais nítidos de queda desde o final do ano passado, mas a bomba estourou drasticamente este ano durante uma reunião entre o editorial da Marvel e os donos de Comic Stores (leiam a matéria, é bem esclarecedora). Apesar da repercussão inicial disto não ter sido das melhores pra o lado da Marvel, uma outra reunião foi realizada com a presença da distribuidora Diammond e o projeto Legacy foi anunciado como uma grande reviravolta da empresa pra sanar seu problema. No fim, em Setembro, Marvel Legacy #1 acabou sendo de fato a revista mais vendida do ano com 303 mil exemplares, mas nem de perto esse número chega a chamar a atenção quando comparado com os recordes de venda da Marvel no ano passado, por exemplo. Em todo caso, o fato é que algumas mudanças de cadeiras mais recentes do editorial indicam que a Marvel pretende sim dar um jeito nisso.

Contudo, engana-se apenas quem acredita que os problemas da crise se detém a isso. No meio do ano foi a vez da Panini anunciar - de um jeito um tanto forçado, diga-se de passagem - que estava se desvinculando do contrato que tinha com a principal distribuidora nacional de revista pelo país e começando a trabalhar com as pequenas distribuidoras locais de cada estado. Isso, é claro, repercutiu de imediato no lançamento das revistas do mês de agosto e setembro e até hoje há queixas de títulos não chegarem ou chegarem de forma deficiente em certas cidades. Os problemas são evidentes, mas pra quem já viveu décadas como leitor sabe que essas flutuações são até comuns no mercado de quadrinhos. Talvez seja um exagero dizer que seria uma nova crise, mas é sempre bom prestar atenção nesses "soluços".



5- A expansão do Cosmo Marvel nos cinemas

Tudo começou mesmo foi em 2014 com o sucesso avassalador do tão pouco conhecidos Guardiões da Galáxia nos cinemas. Praticamente três anos depois, eles retornam com o Vol.2 e repetem o mesmo sucesso dos cinemas com uma bilheteria final de 863 milhões arrecadados. O sucesso a olhos vistos do segundo filme foi o que motivou a Marvel a seguir em frente com a expansão dos seus filmes no trecho mais "cósmico" do Universo Cinematográfico e anunciar James Gunn como um arquiteto de parte dos vindouros filmes da Marvel pós-Fase 3. Mas o sucesso do estilão descolado dos Guardiões já respingou fora deles esse ano em Thor: Ragnarok. Seguindo uma linha mais descontraída como a dos seus "primos" da Galáxia e colocando o Deus do Trovão em outro planeta diferente da Terra ou Asgard (e com o Hulk), Thor: Ragnarok foi considerado um fenômeno logo nas poucas semanas que saiu e tornou-se instantaneamente o melhor e mais produtivo filme do Deus do Trovão feito. Fechou a bilheteria com 847 milhões mundiais e levou o nome do novato Taika Watiti aos holofontes de Hollywood. Os dois filmes estão fechando o ano na posição de 7 e 8 dos filmes mais rentáveis de 2017.

Veja o podcast de Guardiões da Galáxia vol.2 e Thor: Ragnarok !



6- De volta ao Lar e aos grandes números de bilheteria.

Já que falamos das duas produções cinematográficas, é impossível não passar imediatamente para falar do fruto daquela parceria feita entre a Marvel e a Sony tão comemorada alguns anos atrás. Homem-Aranha: De volta ao lar rejuvenesceu de fato a franquia do Teioso e os temores iniciais de que era cedo demais para um terceiro reboot em tão pouco tempo se mostraram injustificados. O filme vai fechar o ano com 880 milhões, sendo a quinta maior bilheteria do ano e a maior arrecadação de 2018 no gênero de super-heróis. Com isso, o sucesso é indiscutível e o filme já garantiu sua sequência, prevista para lançamento em Junho de 2019, sendo o pontapé inicial para o Universo Marvel que sobrará depois de Vingadores 4. A Sony está tão satisfeita com o resultado que não pensou duas vezes em desengavetar mais 3 projetos que seriam "spin-offs" do universo Homem-Aranha - Venom, Silver&Black e um filme do Morbius. A grande pergunta feita por muitos até hoje é se - mesmo apartados, será que eles compartilham do mesmo universo? Os executivos da Marvel e Sony sempre tem tentando devolver com respostas pouco claras e imprecisas.

Ouça o nosso podcast do filme aqui!



7 - Reunião Urbana nas séries da Netflix

Em 2017, não só a safra de filmes que resolveu aumentar. Os usuários marvetes do Netflix tiveram uma vantagem com o lançamento de três séries - completamente inéditas - por ano desta vez. A primeira delas foi a aguardada Punho de Ferro, que levou a primeira leva pesada de críticas negativas de toda as séries da Netflix feitas até então. O público já foi mais dividido nas opiniões quando comparado com as críticas dos sites, mas todos pareciam concordar que os erros observados deveriam antes de tudo serem apontados como culpa do produtor-principal Scott Buck. Já Defensores veio em Agosto, finalmente colocando os quatro heróis urbanos juntos. O "hype" de ver Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro fez valer a maratona dos oito episódios lançados nessa primeira temporada do tal grupo, mesmo com alguns erros grosseiros na trama principal da história e tropeços com os vilões. Mas a melhor série Marvel lançada pela plataforma neste ano de 2018 foi deixada por último. Muitos ficaram receosos de trazer o Justiceiro num período tão conturbado pelo qual passava os EUA  nas semanas que antecediam o lançamento mas o produtor Steven S. DeKnight nos brindou com uma discussão madura sobre a polêmica do desarmamento e uma visão de Frank Castle como nunca o enxergamos antes. No fim, podemos ainda dizer que o saldo foi até positivo pra Netflix. E próximo ano a dobradinha de três séries volta, com Jessica Jones, Luke Cage e Demolidor já garantidos.

Não deixe de ouvir os podcast do Punho de Ferro, Defensores e Justiceiro!



8 - Um tropeço Inumano e uma volta cósmica dos Agentes da SHIELD


Um projeto temporariamente deixado de lado pela Marvel Studios repentinamente foi anunciado como parte de um projeto ousado demais da Marvel TV em associação com a empresa de cinemas IMAX. Inumanos tinha tudo para ter sido a melhor série da Marvel TV feita até então, mas de cara, logo nos dois primeiros episódios que foram aos cinemas, mostrou-se como sendo uma produção feita às pressas e com um roteiro pífio demais para toda a complexidade que os personagens de fato exigiam. Quando o restante dos episódios foi para a TV via ABC, logo observou-se que os Inumanos não teriam pernas para ir mais longe e seria marcada como uma série que notoriamente não seguia o padrão de qualidade das produções da Marvel. A maioria das pessoas atribuem o erro ao produtor, Scott Buck (o mesmo do Punho de Ferro), já o julgando como o pivô do fracasso. Contudo, vale lembrar que parte da responsabilidade recai sobre Jeph Loeb e a Marvel TV por abraçar um projeto que nitidamente não aguentava num prazo tão curto de execução. A situação dos Inumanos só não causou mais estrago entre os executivos da ABC porque a outra série da Marvel, Agentes da SHIELD, volta em grande estilo agora em dezembro depois de uma quarta temporada elogiadíssima que se encerrou no primeiro semestre. Coulson, Daisy e o resto da trupe estão indo onde a série nunca foi antes, no espaço e no futuro, entregando no fim uma das melhores séries do gênero na atualidade.

E eu queria, por fim, poder falar um pouco de Fugitivos (que também acaba sendo co-produção da ABC), mas essa molecada merece um tópico próprio só deles e eles terão na retrospectiva de 2018, certamente.

Você  pode ouvir o podcast destas séries aqui e aqui!

9-Entra C.B. Cebulski e Sai B.M. Bendis!

Os problemas em torno da queda das vendas dos quadrinhos certamente não passariam desapercebidas no editorial da Marvel e mudanças já foram feitas antes do ano se encerrar. Depois de algumas farpas trocadas nas reuniões com lojistas era questão só de quando para Axel Alonso ser substituído no cargo de editor-chefe da Marvel Comics. No seu lugar entrou C.B. Cebulski, um nome bastante querido entre os diversos artistas dos quatro cantos do mundo, responsável por levar a Marvel novos talentos nos últimos anos quando servia como Caça-Talento em nome da editora. E no pouco tempo em que já esteve a frente do cargo, percebe-se que editora vem enxugando o número de títulos disponíveis e mexendo em algumas equipes criativas. Contudo, apesar dos bons sinais de mudança, a Marvel ainda enfrenta alguns tropeços no caminho. Um deles envolveu a polêmica do uso do pseudônimo por Cebulski no passado se passando por um artista oriental e contrariando regras da época na Marvel. Outro foi perder Brian Michael Bendis, que recentemente assinou contrato de exclusividade. Cabe ao tempo dizer se o novo editor-chefe terá punho para superar esses problemas e trazer um 2018 melhor para os  leitores.



10-E o impossível aconteceu... a Disney comprou a FOX.

Por anos, você leu por aí um brado que praticamente se tornou corriqueiro a cada novo filme do Quarteto Fantástico ou dos X-Men que saía nos cinemas - "Devolve pra Marvel". Antes considerado impossível para muitos, a coisa mudou de perspectiva desde que a Marvel Studios conseguiu fechar um acordo com a Sony sob a questão do Homem-Aranha. Foi então que ao final de Novembro surgiram os primeiros boatos de que a FOX poderia ser comprada pela Disney. Tudo então se confirmou oficialmente semanas atrás por nota feita pela Disney Company e hoje podemos dizer que X-Men, Deadpool e Quarteto Fantástico estão finalmente "de volta a Lar", também. Os tramites legais ainda devem durar por mais 12 a 18 meses e os primeiros sinais do que a Marvel Studios fará com esses personagens deve ser visto a partir de 2020 apenas. Mas o que é isso para quem esperou duas décadas  inteiras para ver isso acontecer? Lembra quando brincávamos com a ideia de que a fase 4 bem que poderia ser definida pela marca do Quarteto Fantástico? Pois é!

E para mais detalhes dessa história, ouça nosso último podcast do ano aqui!


Paramos por aqui a nossa lista com esse 10 itens. Acabamos juntando alguns tópicos para podermos falar o máximo que podíamos desse agitado ano que se passou, mas se parar pra pensar ainda faltou bastante coisa pra por aí. Acabamos deixando de lado os eventos dos quadrinhos que aconteceram nos EUA (Império Secreto e Marvel Generations) e também no Brasil (Guerra Civil II), mas esperamos ter a oportunidade de falar deles em 2018. Também acabou ficando de fora as novidades dos games, que teve o impactante retorno do Homem-Aranha num novo jogo da Sony que promete ser o melhor já feito pro personagem. E isso sem falar das animações com os novos curtas animados do Homem-Formiga e da dupla Rocket e Groot, além de outros anunciados que vem por aí. Mas é bom assim, ter tanta coisa boa surgindo para sequer darmos contar de falar delas. Que 2018 seja tão rico e igual a esse ano que passou.

E para vocês, em nome de toda a equipe do Marvel616, tenha uma ótima passagem de ano e até 2018!

Coveiro

sábado, 30 de dezembro de 2017

Diretores de Vingadores: Guerra Infinita respondem a perguntas dos Fãs


Não vamos fechar o ano de 2017 sem falar um pouquinho mais de Vingadores: Guerra Infinita. E as novidades vem desta vez diretamente dos irmãos Russo, que responderam perguntas do microblog chinês de Sina Weibo. De Thanos a Thor, passando pelo braço do Soldado Invernal e falando de perdas inevitáveis no fechamento deste ciclo. Acompanhe aqui o que eles falaram nessa conversa:


Qual o personagem que eles mais esperam ver a repercussão do público?
"Okay, eu vou começar com Thanos. Eu estou muito animado pra saber o que o público irá entender dele. Ele é um personagem muito interessante e um vilão muito complexo. É isso que mais gosto nele. É por isso que estou agitado pra ver o que o público achará dele. Eu acho as motivações dele, embora psicóticas, tem apelo. E eu acho que de muitas maneiras nesse filme, vai ser interessante ver como as pessoas responderão a Thanos neste filme" disse Joe Russo.

"Eu vou dizer o Thor porque ele o Thor, estamos pegando uma história do final de Thor: Ragnarok e no final daquee filme como todo fã deveria saber, temos o seu planeta Asgard destruído e esse personagem está num novo território, por assim dizer, pois seu passado foi desmantelado em certo nível" disse o outro irmão, Anthony.

E compararam a mudança do Deus do Trovão com a do Capitão América. "Eu acho que é uma situação bem similar quando pegamos a história do Soldado Invernal quando Joe e eu chegamos para fazer nosso primeiro filme da Marvel. Cap estava num lugar onde nós o pegamos no mundo moderno e vimos o que isso significava para ele, e descobrimos como mover o personagem adiante e distante de onde ele estava durante os anos 40. Então, eu acho que em Thor temos oportunidades similares com o personagem nesse filme em que ele passará por uma transformação radical e ele está seguindo adiante e de onde ele não poderá voltar atrás, e isso é sempre divertido de fazer com um personagem na visão de um escritor" disse Anthony.

E sobre mudanças drásticas que o filme pode trazer? "Eu não sei sobre a necessidade de aceitação do publico disto, mas vou dizer isso: Amamos ser bons contadores de histórias e amamos contar boas histórias, e toda nossa energia e esforço e pensamento e paixão está em contar a melhor história que pudermos. E para a gente, as melhores histórias tem marcas. Os personagens tem que fazer sacrifícios. Para realmente, realmente sentir emoções verdadeiras e a jornada do herói, eles tem que atravessar desafios e seguir caminhos que podem lhes custar algo" falou Joe em resposta a um fã.
"Então, para a gente, é muito importante que os heróis sintam dor e eles tem que se sacrificar porque eu acho que, não só a serviço da boa história, mas também para inspirar e eu acho que precisamos de muita inspiração nesse mundo de hoje. Para a gente, eu não acho que nunca vamos fazer com que vocês aceitem bem isso, mas prometemos uma coisa: faremos o nosso possível para contar uma boa história, e o que você acharam delas é com vocês" disse.

Os diretores também responderam a uma outra pergunta envolvendo o novo braço do Soldado Invernal visto no trailer. "Bem, isso não é bem um spoiler ao responder essa questão porque sabemos que isso já está no trailer. Mas também, pra qualquer um que assistiu o Capitão América: Guerra Civil, sabe que o Bucky foi levado por T'Challa a Wakanda e eu acho que eles estiveram juntos por um tempo e se há uma influência no braço dele deve ser talvez algo a ver com o país onde ele andou passando esse tempo todo até agora" disse Anthony.

Vingadores: Guerra Infinita chega aos cinemas do Brasil em 26 de Abril de 2018.

Coveiro

Vingadores, Pantera Negra e Homem-Formiga e Vespa ganham novas imagens em calendário russo

Três novas imagens promocionais dos filmes Marvel que estão para chegar aos cinemas em 2018 acabaram aparecendo online pela primeira vez da forma mais inusitada possível. São parte de uma calendário russo que destacou Pantera Negra, Vingadores: Guerra Infinita e o filme do Homem-Formiga e a Vespa. Confira:



Para quem quiser se situa, vale lembrar que o filme do Pantera Negra chega aqui no Brasil em 15 de Fevereiro. Já Vingadores: Guerra Infinita será antecipado em uma semana chegando aqui em 26 de Abril. Por fim, Homem-Formiga e Vespa ainda não tem data oficial por aqui, mas nos EUA estreia em 6 de Julho de 2018.

Coveiro

Chadwick Boseman em mais uma capa divulgando o filme do Pantera Negra

E ainda nem chegamos em 2018 e o Pantera Negra já ostenta mais uma nova capa de revista. Desta vez, ele é destaque da revista francesa Premiere. Confira:



O filme do Pantera Negra conta com Chadwick Boseman(T'Challa), Lupita Nyong’o (Nakia), Michael B. Jordan (Erik Killmonger), Danai Gurira (Okoye), Forest Whitaker (Zuri), Daniel Kaluuya (W’Kabi), Winston Duke (M’Baku), Letitia Wright (Shuri), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Martin Freeman (Everett Ross). A direção do filme ficou por conta de Ryan Coogler. O filme chega aos cinemas em 15 de Fevereiro.

Coveiro

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Sophie Turner promete um tratamento diferente no filme X-Men: Fênix Negra

O histórico de filmes da franquia mutante sob a batuta da Fox sempre foi algo discutível até um tempo atrás. Contudo, a nova safra de filmes que veio com Deadpool mudou um pouco a coisa para os filmes paralelos como foi Logan e como parece ser o caminho dos Novos Mutantes. Mas será que com a saída de Bryan Singer, o novo filme da equipe principal dos mutantes pode surpreender? A atriz Sophie Turner acha que sim.



"Simon tem sido o cérebro por trás do X-Men há anos, e é realmente emocionante ter o que se sente como um dos nossos se erguer e conquistar a franquia e dirigi-lá da maneira que ele vê", disse Turner a Empire. "Eu tenho que dizer que ele é um dos melhores diretores com quem já trabalhei. Ele é tão apaixonado e colaborativo ".

Turner passou a descrever o filme como um "drama sombrio e aristocrático", acrescentando que o objetivo do filme é ter um impacto único no gênero do super-herói. "Estamos revolucionando isso. Nós queríamos criar um novo gênero de filme de super-heróis ". Segundo a revista, X-men: Fênix Negra se passará em 1993 (dez anos depois do X-Men: Apocalipse), e os poderes de Jean terão alcançado um estado tão divino que desenvolveram uma personalidade separada dentro de Jean. Também é dito na matéria da Empire que, quando "Os X-Men se tornam cósmicos", o filme não será a aventura mirabolante interestelar que muitos provavelmente esperam, mas uma história muito "pessoal".

"Uma vez que recebi o roteiro, percebi que não só estávamos contando essa incrível história de super-herói, mas também falávamos de uma história muito pessoal", disse Turner. "Uma que exigiu pesquisa nas questões de saúde mental. E isso é uma grande parte do que impulsiona a história. Principalmente porque eu tirei inspiração do transtorno de personalidade múltipla e esquizofrenia, já que é realmente sobre dualidade, esse filme. Escuridão e luz - está tudo dentro ela. Essa sensação de ser completamente outra pessoa e ela estar lutando com isso ".

Além da conversa, a Empire veio com uma foto novo (agora em qualidade) do Magneto, vivido por Michael Fassbender, sendo aprisionado:



X-Men: Fênix Negra chega aos cinemas em 2 de Novembro do ano que vem, encerrando assim o calendário de filmes da Marvel pra 2018. Se vai ser de fato bom como Sophie Turner diz, só será possível saber quando o filme chegar. Até lá, dedos cruzados.

Coveiro

Marvel cria app que permite que você faça seus próprios quadrinhos



Quem aqui não já se imaginou como o roteirista de sua própria história em quadrinhos usando os bem conhecidos personagens da Marvel? Bem, a oportunidade de fazer - mais ou menos - sua própria HQ chegou com a nova parceria da Marvel e a TapTap Comics. Confira o vídeo:


Para acessar o site do aplicativo, basta clicar aqui! Mas vale lembrar que o app Marvel Create Your Own ainda não está em funcionamento.

Coveiro

Okoye e Nakia são o destaque em nova imagem do filme do Pantera Negra

Danai Gurira e Lupita Nyong'o darão vida respectivamente a Okoye e Nakya no vindouro filme do Pantera Negra. Duas das mais importantes das Dora Milaje das histórias do herói, elas são destaque da nova imagem do filme que saiu numa matéria da USA Today. Confira:



"É o trabalho dela cuidar disto, e ela leva seu trabalho bem a sério" disse Gurira sobre a personagem, definindo o reino de Wakanda como algo "surpreendentemente legal" e continuou dizendo que "é um mundo que é essencialmente plausível e tangível e ainda um pouco além das nossas vidas ao mesmo tempo"

Já Nyong'o se definiu como uma "mulher da guerra" com uma relação significativa com T'Challa. Ela é muito apaixonada pelo seu trabalho, mas quando T'challa aparecer como uma força de oposição, ela terá que decidir onde repousa sua aliança e o que virá primeiro". Ainda sobre sua personagem, ela destacou em outra entrevista que "Ryan fez uma perspectiva que evitou aquela esperada rivalidade feminina nas narrativas. Nesse genêro, quando o collant está envolvido, algumas vezes as mulheres ficam p#%@ umas com as outras. Nessa nossa história, há tanta mulheres diferentes que defendem seus espaços. As mulheres podem competir sim umas com as outras, mas também, não significa necessariamente que há ali uma ausência de amor e respeito".

O filme do Pantera Negra conta com Chadwick Boseman(T'Challa), Lupita Nyong’o (Nakia), Michael B. Jordan (Erik Killmonger), Danai Gurira (Okoye), Forest Whitaker (Zuri), Daniel Kaluuya (W’Kabi), Winston Duke (M’Baku), Letitia Wright (Shuri), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Martin Freeman (Everett Ross). A direção do filme ficou por conta de Ryan Coogler. O filme chega aos cinemas em 15 de Fevereiro.

Coveiro

Duas novas imagens de Vingadores: Guerra Infinita e uma pista deixada por Robert Downey Jr

Certamente, um só trailer não é o bastante para suprir a necessidade dos fãs por mais do filme mais esperado de 2018. Sendo assim, o USA Today sai na dianteira pra revelar mais uma imagem do filme, com uma cena que não foi na versão do teaser liberado pra gente no começo do mês, mas que é bem familiar para quem viu o outro vídeo exclusivo que saiu  já na San Diego Comic Con, na D23 e mais recentemente na CCXP. E tem mais!




Acompanhando a imagem da USA Today, a revista liberou um trecho de uma conversa com Robert Downey Jr sobre como será o reencontro do seu personagem com o Capitão América de Steve Rogers. "...é o mais difícil para mim, porque eu olho pro Evans e eu só quero ir até ele e cheirar ele e dizer que ele parece bem naqueles óculos escuros quando ele chega na hora do almoço. Mas daí eu só fico atirando facas pra cima dele, e ficando maluco" contou revelando que o clima será ainda intenso entre eles, mas complementou dizendo que "mas desta vez a relação terá uma grande virada".

O que acabou também aparecendo hoje foi uma nova arte promocional do filme:



Dirigido por Joe e Anthony Russo, Vingadores: Guerra Infinita é a primeira parte da culminação de todos os filmes Marvel até então e por isso conta com um elenco vasto. Teremos nele Robert Downey Jr., Josh Brolin, Mark Ruffalo, Tom Hiddleston, Chris Evans, Chris Hemsworth, Jeremy Renner, Chris Pratt, Elizabeth Olsen, Sebastian Stan, Benedict Cumberbatch, Paul Bettany, Samuel L. Jackson, Cobie Smulders, Benedict Wong, Zoe Saldana, Karen Gillan, Vin Diesel, Dave Bautista, Pom Klementieff, Scarlett Johansson, Tom Holland, Anthony Mackie e muitos outros. No Brasil, o filme chega em 26 de Abril de 2018. Já Vingadores 4 ainda sequer tem título, mas a data reservada para vir aos cinemas é em 3 de Maio de 2019.

Coveiro

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Novos Mutantes tem nova imagem e outros teaser promocionais

.Dirigido por Josh Boone, o filme dos Novos Mutantes tem tudo para ser um novo acerto da FOX ao direcionar para um canto mais distante a franquia de super-heróis e sair na frente como o primeiro filme de terror do gênero.  Todo envolvo em mistério, o longa ganha hoje uma nova imagem que saiu no USA Today e outros teaser cheio de suspense em sua conta de Twitter:



Junto com a imagem, há mais um depoimento do diretor pra revista. "Essas crianças não poderiam se importar menos em ser X-Men. Eles estão tão bagunçados e passaram por coisas tão horríveis, que eles só estão querendo tentar descobrir um jeito de sair da situação atual. Nós queríamos puxar esse lado e fazer uma performance - direcionada aos personagens - ainda mais profunda e crível que qualquer outro filme dos X-Men já visto;

E temos novos teaser dos personagens:







Os Novos Mutantes chega aos cinemas em 13 de Abril de 2018 e conta com cinco protagonistas - Magia (Anna Taylor-Joy), Lupina (Maisie Williams), Míssil (Charlie Heaton), Mancha Solar (Henry Zaga), e Miragem (Blu Hunt).

Coveiro

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Vicent D'Onofrio fala sobre volta do Rei do Crime e acordo com a Marvel TV



Não sabemos muito ainda da terceira temporada do Demolidor, exceto que ela já começaram as gravações e é certa a volta do Rei do Crime. Vicent D'Onofrio chegou até a conversar com o site Collider e antecipou o que esperar do retorno de Wilson Fisk:

"É difícil superar a primeira temporada, com o roteiro do Steven DeKnight, mas o Erik Oleson (novo produtor executivo) é um bom escritor. Eu filmei algumas cenas bem legais, de longe. É diferente, mas ainda é muito Fisk. É ainda bem emocional. O personagem está evoluindo. Todo o seu lance é baseado em emoção, então estamos aprofundando ainda mais o papel" disse o ator.

" Há novos focos e novos objetivos. É tudo que posso dizer. Se fosse por mim, eu iria e iria mais longe sobre isso porque é tão interessante, mas é importante para eles que mantenhamos nossas bocas fechadas" falou D'Onofrio e prosseguiu "Só posso dizer que estamos fazendo coisas que vão realmente enlouquecer os fãs. Já filmamos algumas coisas que vão ser demais para os fãs. Há algumas coisas sensacionais que são muito da história do Fisk e Demolidor, que as pessoas estão esperando faz um tempo. Já colocamos algumas dessas coisas já na lata, e há muito mais. Eles realmente vão ficar muito felizes".

O ator, que é bastante requisitado nos cinemas, explicou mais de como funciona seu lance com a Marvel e Netflix para as aparições no Demolidor. "Eu tenho um acordo permanente com o presidente da Marvel Television Jeph Loeb. Fizemos um contrato, antes da primeira temporada, que eu poderia entrar e sair da série, nós chegamos a um acordo de que concordaríamos um com o outro, através dos anos, para que eles soubessem minha viabilidade. Então, eles definiram um montante de tempo em particular em que me desse a possibilidade de entrar nessa, se eles precisavam de mim para voltar. Esse montante de tempo, que não vou te dizer, mas é o acordo que nós temos".

Demolidor, Jessica Jones e Luke Cage são as séries da Marvel/Netflix já dadas como certas para voltar em 2018. Ainda não sabemos quando chegará a segunda temporada de Punho de Ferro e só recentemente é que soubemos que Justiceiro foi renovada para uma segunda temporada.

Coveiro

Diretor de Homem-Formiga e Vespa fala sobre situação dos personagens após os eventos de Guerra Civil



Além das novidades do filme do Pantera Negra, a revista Empire deste mês conversou com o diretor Peyton Reed do "Homem-Formiga e a Vespa" e adiantou nessa conversa um pouco do que podemos esperar do que vem por aí dos principais protagonistas dessa trama. Veja o que Peyton Reed tem a dizer sobre os dois Homens-Formigas e as duas Vespas:

Scott Lang
Os eventos de Capitão América: Guerra Civil nos deram algo mais claro, que é: Quais seriam as reações de Hank Pym e de Hope Van Dyne ao fato de Scott ter usado a tecnologia deles a vistas de todo o mundo na Guerra Civil? Nos divertimos muito brincando com essa ideia por aí. E brincamos muito com tamanhos e escalas; Eu amei a ideia do Gigante.

Hank Pym
Os eventos da Guerra Civil e como o Scott reagiu a isso, lançou um baita problemão no seu trabalho. Mas reacendeu sua curiosidade sobre o reino quântico e se a Janet está ainda viva por aí.

Janet Van Dyne
Ela é uma personagem muito importante. É seguro dizer que se alguém passou seus últimos trinta e tantos anos no reino quântico e sobreviveu, certamente seria afetada por isso. O que ela comeu? Tudo que ela comeu foi um cereal chamado Crispies Quântico

Hope Van Dyne
É realmente sobre ela chegando para a festança dos super-heróis. Sua gama de poderes é fantástica. Ela e Scott ambos diminuem, mas ela pode voar e tem um estilo de luta totalmente diferente como Vespa do estilo do Homem-Formiga.

Além de Paul Rudd voltando ao papel de Scott Lang e Evangeline Lilly como Hope Pym, teremos de volta Michael Peña (Luis), David Dastmalchian (Kurt), T.I (Dave), Judy Greer (Magy), Abby Ryder Fortson (Cassie) e Michael Douglas (Hank Pym). Já o novos nomes incluem Michelle Pfeiffer (Jane Van Dyne), Hannah John-Kamen (Fantasma), Walton Goggins (Sonny Burch), Randall Park (Jimmy Woo) e Laurence Fishburne (Dr. Bill Foster).

Coveiro

Michael B Jordan fala sobre o clima das gravações do filme do Pantera Negra

Além da capa que divulgamos ontem e as novas imagens, a matéria da Empire sobre o Pantera Negra trouxe trechos de uma conversa com o ator e antagonista principal do filme Michael B. Jordan. Ele que viverá Erik Killmonger nos cinemas disse que em certos momentos foi muito difícil gravar o filme:


"Me levou pra um lugar sombrio. Honestamente, eu não poderia realmente ir colocar tudo aquilo pelo que passei para chegar a isso porque eu queria manter aquelas coisas dentro de mim.  Mas ficou preso dentro de mim no final das contas" confessou o ator na conversa.

Mas nem tudo foi sinistro para Michael B. Jordan. "Nos divertimos bastante nos set. Chadwick é um cara muito talentoso. Tem um monte de momentos físicos e sequências de ação durante todo o filme que fez a gente se desafiar mesmo e se aprofundar cada vez mais nos personagens" afirmou.

O filme chega ao Brasil em 15 de Fevereiro de 2018 e já tem uma previsão monstruosa nos cinemas. Estima-se que a bilheteria de estreia passe dos 90 milhões, um verdadeiro marco para um primeiro filme solo de um personagem nos cinemas.

Coveiro

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Nova capa de revista, imagens, trailer e previsão de bilheteria do filme do Pantera Negra



Ainda nem viramos o ano e a campanha promocional para o filme do Pantera Negra já está fortíssima. Esse mês de Dezembro, o personagem ganhou destaque na revista Empire, cuja capa principal foi liberada agora com mais duas imagens oficiais. E temos ainda um comercial novo para TV e até a primeira estimativa de bilheteria de estreia do filme. Confira só:

 
 
 



E o site oficial de divulgação dos números de bilheterias americanas, o Box Office Pro, antecipou em uma matéria as perspectivas dos potenciais números de estreia de Pantera Negra em 2018 e afirmou que o potencial do filme é de alcançar um final de semana com mais de 90 milhões arrecadados, talvez passando dos 100 milhões. Isso colocaria T'Challa e seus afins na posição de maior estreia de personagem super-herói em seu primeiro filme solo nos cinemas. Trata-se de um número tão impactante que chega a ser maior que a bilheteria de Liga da Justiça este ano.

Coveiro

É a vez da Scarlett Johansson se despedir das gravações de Vingadores 4


Na conta do Instagram da stunt Heidi, temos a atriz Scarlett Johansson e parte da equipe de produção se despedindo da participação da atriz no set.

"Bem, esse é o fim pra nós em Vingadores! Eu apenas quero dizer um grande obrigado para esta maravilhosa mulher, quem é tão doce e bela por dentro quanto é por fora! Obrigado pelo ano fantástico, SJ!!!"


Como vocês podem perceber pelas fotos no Instagram, a atriz voltou com os seus cabelos ruivos e está usando uma roupa parecida com a que vimos em Soldado Invernal e Guerra Civil. Então, já podemos prever mais reviravoltas nessa continuação!

Vingadores 4, que não possui um título definido ainda, está previsto pra sair nos cinemas em 03 de Maio de 2019! Antes disso, teremos Vingadores: Guerra Infinita em 26 de Abril de 2018. Essa data que não chega nunca!

Marcus Pedro

sábado, 23 de dezembro de 2017

Confira 14 novas imagens do Pantera Negra que saíram na revista Empire deste mês

Ontem, publicamos aqui a  capa da revista Empire deste mês que tinha o Pantera Negra como destaque. Hoje, apesar da baixa qualidade, temos mais de 14 imagens inéditas do filme que saíram no interior da revista. Confira:
















O filme do Pantera Negra conta com Chadwick Boseman(T'Challa), Lupita Nyong’o (Nakia), Michael B. Jordan (Erik Killmonger), Danai Gurira (Okoye), Forest Whitaker (Zuri), Daniel Kaluuya (W’Kabi), Winston Duke (M’Baku), Letitia Wright (Shuri), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Martin Freeman (Everett Ross). A direção do filme ficou por conta de Ryan Coogler. O filme chega aos cinemas em 15 de Fevereiro.

Coveiro

Filme do Gambit poderá ter mais um vilão


E o The Hashtag Show veio com mais uma pequena novidade sobre o vindouro filme do Gambit. A descrição de um novo personagem que está sendo selecionados para testes nos leva a crer que veremos mais um vilão na trama. Ou um rival, no mínimo, do mutante cajun. Veja a descrição:

PERSONAGEM COADJUVANTE: Entre 30 a 40 anos, Noivo de Rosa, Vilão com charme metrossexual. Deve ser fisicamente alguém imponente.

Dá pra se perceber que teremos mais um vilão aí pra o personagemd o Gambit confrontar e apesar de ser características muito abertas, o site The Hashtag Show veio com um chute bem longe. Eles acreditam que ele seja Donyell Taylor, irmão do herói Novo Guerreiro Radical e que já vestiu o manto do mesmo depois que o irmão morreu. Nos quadrinhos, quando ainda assumia a alcunha de Bandit, Donyell já teve um caso com Belladona e tretou com Gambit em uma de suas histórias.


Contudo, não dá pra saber ainda se é mesmo esse personagem. Afinal, sequer sabemos se a FOX teria mesmo o direito de uso de Donnyel. No fim, pode só ser um personagem meramente inspirado nele.

As filmagens de Gambit começam e março e tudo leva a crer que dessa vez as coisas saírão do papel. O diretor do filme será Gore Verbinski e Channing Tatum é o único nome certo até agora.

Coveiro

Revelado o papel de Riz Ahmed e outras novidades do filme do Venom



Capturado pelas lentes de um paparazzi ontem, parece que finalmente temos a primeira pista de quem é o personagem de Riz Ahmed em Venom. E não é Venom e nem o Camaleão como já especularam por aí. É um outro tipo bem diferente de vilão. Confira:


Segundo o Atlanta Filming, que bateu a imagem do ator acima e divulgou hoje a foto, Riz Ahmed será o Doutor Drake. O nome pode não ser familiar a princípio, mas nas páginas da minissérie Venom: Protetor Letal, o Doutor Carlton Drake é o líder da Fudação Vida e responsável por roubar cinco esporos do simbionte alienígena do Venom e que gerou os personagens Agonia, Grito, Lasher, Motim e Phage. Todos eles são "irmãos" do Carnificina, personagem que muitos acreditam estar no filme.

Já a personagem de Michelle Williams, que será a ex-esposa de Eddie Brock chamada Anne Weying, concendeu uma entrevista para o Collider afirmando que até agora sua personagem é apenas humana. "Essa parte existe só num mundo em que não estou envolvida. É o mundo digital. E eu ainda sou uma humana, tipo, a todo instante. Eles não me digitalizaram em nada". Ou seja, nada de She-Venom. Ao menos, por enquanto.

Por fim, o produtor de Venom foi abordado pela MTV News e o pessoal insistente sempre voltou com a mesma pergunta - Vocês estão no mesmo universo do Homem-Aranha? Matt Tolmach, bem humorado, deu uma resposta protocolar - "Estamos fazendo um filme do Venom, é o que posso te dizer. Um filme do Venom com Tom Hardy e eu acho que vai agradar a todos. Quando abordado com uma pergunta similar, ele voltou a falar "Estamos fazendo um filme do Venom, e eu estou animado para as pessoas explorarem ele e descobrir tudo nele".


Além disso, o produtor foi só elogios a Tom Hardy. "Tom, é como ter uma aula assistir ele todo dia, ele é um cara que se arrisca tanto. E ele ama esse persoagem desde o primeiro dia que nós nos encontramos. Meu parceiro, Avid Arad, e eu encontramos alguém que acredita nesse personagem inteiramente e todos os dias o lança a lugares que nós meros mortais jamais sonhamos" disse. Vale lembrar que Tolmach e Arad, apesar de envolvidos nesse filme, estão completamente de fora de qualquer produção envolvendo o Homem-Aranha de Tom Holland.

O produtor também se esquivou de responder se a censura do filme será de fato só para maiores ou não.

Coveiro

Saem novas fotos de X-Men: Fênix Negra



Apesar da capa ser do Pantera Negra, a edição da revista Empire deste mês traz algumas fotos inéditas do filme X-Men: Fênix Negra. A qualidade não está lá muito boa, mas já da pra perceber que o romance entre Scott e Jean vai esquentar, Magneto vai estar em sérios problemas e o Professor X vai encarar a misteriosa vilã do filme. Confira:







Com Simon Kinberg assumindo o papel de diretor, X-Men: Fênix Negra chega aos cinemas em 2 de Novembro de 2018 e conta já com os nomes de James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence, Sophie Turner, Tye Sheridan, Nicholas Hoult, Alexandra Shipp, Kodi Smit-McPhee, Evan Peters, Olivia Munn, e Jessica Chastain.

Coveiro