THOR: RAGNAROK

Deus do Trovão e Golias Verde voltam a se encarar em Novembro

MARVEL LEGACY

Marvel une futuro em passado nesta sua nova fase

Nova Serie Mutante na FOX

Saiba as novidades de THE GIFTED

PLANETA HULK

A HISTÓRIA DO HULK QUE MARCOU OS ANOS 2000

Classicos do Wolverine

Relembre mais das melhores histórias do Logan

FUGITIVOS

Série de produção Marvel e Hulu começa a sair este ano

THOR: RAGNAROK

O Terceiro filme do Deus do Trovão e surpresa do ano é tema do nosso Podcast!

JUSTICEIRO

Saiba as novidades da série que sai em Novembro

FINALMENTE REUNIDOS

Escute o nosso podcast sobre os Defensores!

PANTERA NEGRA

Conheça Wakanda em 2018

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Heróis em Alto Mar!

Para aqueles que gostam das atenções temáticas da Disney, já não é novidade os tais cruzeiros temáticos com os personagens do Mickey e sua turma. Desta vez, uma série de novos passeios com temática Marvel abrirá nova temporada saindo de Miami. E contará com espetáculos temáticos curiosos com participação do Doutor Estranho e Pantera Negra:




Em “Marvel Heroes Unite”, os heróis e vilões da Marvel participação de um show no navio com efeitos especiais, show pirocinático, cenas de ação com dublês e muita música. No final, estarão reunidos o máximo de heróis que estarão presentes num mesmo navio no dia. Já em “Doctor Strange: Journey into the Mystic Arts”, o Doutor Estranho promoverá um show interativo com a plateia que promete ser um deslumbre visual. No navio, ao longo da estadia, será possível topar com personagens bem conhecidos do publico como o Homem-Aranha, Capitão América, Homem de Ferro, Thor, Viúva Negra e o estreante no espetáculo - Pantera Negra.






Até Mickey e sua turma estarão por lá, usando todos eles camisetas temáticas de seus super-heróis favoritos. A cruzeiro Marvel Day at Sea começará com passeios de 7 a 8 noites na Disney Cruise Line em Nova York neste dias e voltará a rolar em Miami a partir de 2018. Para mais informações, clicar aqui!

Coveiro

Capitão América entrando em uma nova gelada


E parece que o Capitão América, que mal saiu de uma fria, nos EUA, vai entrar uma nova gelada, literalmente!

Foi revelado que em Capitão América 697, que deve sair em Janeiro de 2018, terá um final inesperado e colocará nosso herói da liberdade de novo em um bloco de gelo! Em Capitão América 698, começará uma história intitulada Out of Time (Fora do Tempo, em uma tradução livre), porém, não foi dado nenhuma explicação específica sobre o que acontecerá com o Rogers.


"Todos pensaram que não poderia acontecer novamente - mas aconteceu!", Disse Tom Brevoort, Editor Executivo da Marvel, em um comunicado. "Mais uma vez, Cap é um homem fora do tempo - mas a nova era em que ele se encontra está repleta de perigos, dificuldades pessoais e desafios diferentes de qualquer coisa que o arremessador do escudo já experimentou antes. O começo para a nossa grande explosão de saída edição 700 começa aqui! "

Marvel continua a enquadrar isso como "um bravo mundo novo (e frio)", com Rogers montando "um novo grupo de Comando Selvagem para ajudá-lo a lutar por essa liberdade".

A edição de número 700 da revista do bandeiroso foi antecipado pra sair em Abril de 2018 e tem na arte Chris Samnee, roteiros de Mark Waid e cores de Matthew Wilson.

Marcus Pedro

Arma H ganha série própria a partir de Março de 2018

Atenção! Informações sobre histórias ainda inéditas no Brasil e EUA!

Durante a Nova York Comic Con já tinham anunciado o spin-off do crossover WMD, mas agora ele finalmente ganha data de lançamento e uma capa. Confira a arte da primeira edição de ARMA H, por Greg Pak e Cory Smith:



A série terá sua primeira edição em Março de 2018. "Greg Pack escreveu uma das maiores e mais eletrizantes histórias do Hulk em Planeta Hulk. Então, só faz sentido que ele traga essa mesma sensibilizada para Arma H" disse o editor da revista Darren Shan em nota para a imprensa. "Nós vamos colocar ele contra as maiores ameaças do Universo Marvel que você possa imaginar e começamos com um novo tipo de Wendigo. E então Cory Smith irá multiplicar isso 10 vezes mais e arregaçar com sua arte incrível".

Coveiro

Produtor de Justiceiro fala sobre o uso de violência excessiva no seriado



Muita gente colocou em cheque antes da série sair a questão da violência desmedida que há em Justiceiro. Em conversa com o Vulture, o produtor da primeira temporada de Demolidor e que agora comando a série do Justiceiro, Steve Lightfoot, explicou detalhes de como resolveu isso com a Marvel e a Netflix na hora de montar os 13 capítulos da história do personagem. Confira:

"Não foi realmente um caso de necessidade de consultar", disse Lightfoot no que diz respeito à violência extrema na primeira temporada do Justiceiro. "Trabalhamos em estreita colaboração com Marvel e Netflix em todos os aspectos do show. O primeiro ponto para mim foi o que eles fizeram com a segunda temporada do Demolidor. Eu tomei isso como meu barômetro em termos do nível em que lançaríamos a ação. Nós tomamos isso como nosso guia e acho que mantivemos relativamente constante no show" disse o produtor.

"Acho que o que foi central para mim que você não pode fazer um seriado do Justiceiro que não seja um show violento. Mas acho que sempre devemos mostrar o custo dessa violência. Fazendo dela o suficiente para que machuque e não pareça irreverente. Eu acho que, em segundo lugar, também devemos ver que há um custo para Frank. Ele não faz essas coisas e depois simplesmente se afasta alegremente. Toda situação em que o colocamos deve custar, tanto fisicamente como emocionalmente".

"Quero dizer, a primeira cena, o que fica claro é que não é a maneira como ela morreu", disse Lightfoot. "É um sonho. Cada encarnação é diferente. A idéia é que começamos com uma imagem onde outra pessoa matou sua esposa e o que deveria ser claro à medida que esses sonhos progridem - e isso é um pequeno spoiler - é que, em essência, Frank se culpa. A imagem final é que ele se vê atirando em sua esposa. Muito do que está dirigindo sua raiva e seu sofrimento é, no fundo, ele sabendo que foi por causa de suas próprias ações" disse.

"Não foi colocado de forma gratuita ali para continuar a ver sua esposa morrer, mas era realmente construir e deixar a audiência ciente de que ele era um homem que se culpava mais do que qualquer outra pessoa pelo que havia ocorrido. Essa auto-aversão é o que o está o guiando" contou.

Os 13 capítulos de Justiceiro já estão disponíveis no Netflix. Quem já viu tudo, não deixe de mandar um email pra gente contando o que achou. Leremos ele no nosso podcast que sai até o final do mês.

Coveiro

Ben Barnes fala sobre Billy Russo e como foi encarar o Justiceiro



Neste último final de semana, Justiceiro chegou ao Netflix. Um tanto obscurecido por outros lançamentos no cinema, o seriado em 13 partes parece ter agradado boa parte dos fãs. É uma continuação direta da trama que foi aberta na segunda temporada de Demolidor e complementa a origem do personagem, incluindo aí a introdução de um dos seus mais clássicos vilões - O Retalho.

Em conversa com o Entertaiment Weekly, o ator que faz o vilão, Ben Barnes, comentou sobre a cena mais impactante que teve no final da série. "Sabe, quando você vê o Jon com aquela roupa de caveira e todo maquiado e partindo pra cima de você, dá pra ver uma violência real em seus olhos que você não está ainda preparado para ela. E nós ainda estávamos filmando por toda a noite no meio de um inverno congelante, então é bem assustador pra ser honesto. Mas a maneira como a face é destruída, não tem jeito de gravar aquilo sem ficar desconfortável, porque tem um sujeito agarrando sua cabeça por trás, puxando seu cabelo e acertando ela repetidamente num espelho" descreveu.

"Você verá Billy se tornando aquela palavra que eu não sei se posso ainda falar, aparentemente" disse Ben Barnes, mas sabemos que ele está falando do Retalho. "Estou orgulhoso de não ter dito ainda essa palavra salvo através de um jogo de palavras que fiz em casa. Eu respeito os desejos da Marvel ao pé da letra. Se eu não posso dizer, eu não posso dizer" completou.

Mas podemos esperar aí uma segunda temporada com a participação dele? "De qualquer forma, será interessante, sabe. Eu sempre fiz paralelos com o personagem do Coringa do Batman, onde ele é o antagonista que não pode ser morto. Não há dúvidas de que Frank tinha o desejo de matar Billy e que ele nunca teve problemas em matar qualquer um antes, mas há uma combinação ali de coisas do tipo ele ter já se sentido tão amigo dele antes e de achar que tem algo de bom ali no Billy no seu interior. Jon fez de um jeito bem interessante" disse.

"Billy parece acabado, mas na cabeça de Billy, é apenas o começo. Eu não sei ainda o começo daquilo. Teve um monte de conversas sobre o final, sobre quandoe le acordar. Quem ele será? Ele vai se lembrar? Há alguma coisa definitivamente bem interessante para se descobrir aí. Quando um personagem que representa todo narcisismo segue por esse caminho que o levaram, eles certamente vão olhar bastante para si e daí ficaremos intrigado com o que pode sair daí" disse o ator.

Além de Ben Barnes, a série conta no elenco com Jon Bernthal como Frank Castle, Ebon Moss-Bachrach como Micro, Amber Rose Revah como Dinah Madani, Deborah Ann Woll como Karen Page, Daniel Webber como Lewis Walcott, Shohreh Aghdashloo como Farah Madani, Paul Schulze como Rawlins, além de Mary Elizabeth Mastrantonio como Marion James

Coveiro

Fotos em festa marcam o fim da filmagens das segunda temporada de Luke Cage


As gravações da segunda temporada de Luke Cage se encerraram ontem. Quem divulgou a novidade foram as atrizes Simone Missick (Misty Knight) e Gabrielle Dennis em seus respectivos instagrans. Confira:

Uma publicação compartilhada por Simone Missick (@simonemissick) em


No instagram de Gabrielle Dennis é possível ver outros que estão participando do  elenco, confirmando a presença de Alfre Woodard como Mariah Dillard e Theo Rossi como Shades. Outro novato no elenco é Mustafa Shakir, que assim como ela não teve o papel formalmente anunciado, mas acredita que sejam respectivamente Tilda Johnson (Nightshade) e John McIver (Bushmaster).

Wolverine voltará em cena pós-credito... mas não é o que você está pensando!

* Atenção! Informações sobre revista inéditas no Brasil e EUA!

Antes de mais nada, desculpem a brincadeira infame no título. Mas a culpa antes de mais nada é da Marvel. Em email que enviou agora a pouco para a imprensa, a Marvel Comics anunciou que mais da "volta do Wolverine" será vista em "cenas pós-creditos" das principais revista da editora em janeiro. Confira a imagem promocional:


O retorno do Wolverine será antes de mais nada contado em páginas finais das revistas Captain America #697, The Mighty Thor #703, e Amazing Spider-Man #794 de Janeiro. "Fãs estão especulando sobre o significado da volta de Wolverine desde sua  aparição em Marvel Legacy #1" disse Tom Brevoort em nota. Já o editor Mark Pannicia completou dizendo que "Mistério tem sido parte do DNA de Wolverine. Ele é um dos personagens mais interessantes do universo Marvel. Fãs vão ter uma baita de aventura ao acompanhar sobre onde ele esteve esse tempo todo e e como foi que ele voltou".

O que sabemos é que de fato, como foi anunciado antes aqui, o retorno do Wolverine tem ligação com a saga das "pedras do infinto" (não são mais jóias). No teaser publicado semana passada aqui, sabemos que a Capitã Marvel e o Senhor das Estrelas são os outros envolvidos nessa história.

Coveiro

Homem-Formiga: Filha de Formiga...Ferroada é

Diz o ditado que filho de peixe, peixinho é. Então, devemos aplicar o mesmo silogismo para o Homem-Formiga, só que ele é uma Ferroada. Cassie está em apuros agora, e tudo porque tomou péssimas decisões que nem seu pai, Scott Lang. Decidida a ter poderes mais uma vez na vida e de tabela se vingar de Darren Cross por ter roubado seu coração, a garota fez um acordo com o Mercador do Poder. Assim retomou seus poderes de encolhimento, sendo agora não a Estatura mas sim a Ferroada (como no MC2). Só que ao tentar se infiltrar nas Indústrias Cross a menina é descoberta e cabe ao seu pai salvá-la.



Para essa missão de resgate, Scott precisava de um plano mirabolante pra tal reunião as pessoas certas para uma missão impossível de resgate. Era como aquele filme Onze Homens e um Segredo, só que com vilões de quinta categoria. E o seu discípulo totalmente inexperiente, Raz Malhotra, o novo Gigante. E também sua ex-namorada, Darla Deering, que já foi a Miss Coisa e hoje é um rolo complicado. É o time que ele tem, não os melhores, mas os que ele pode contar.

Já de cara, quando estão tentando organizar os planos as coisas não parecem muito certas. Darla e a Besouro na mesma sala, duas mulheres com quem Scott terminou o relacionamento da pior maneira possível não se bicam. Tufão, Mágico, Sequestrador e Voz são um zero a esquerda e tem a única intenção ali de ganhar algo roubando o lugar com aquela invasão. Já o Urso e Mecanus são os ex-vilões e atuais funcionários mais inconfiáveis que Lang poderia contratar. Mas sendo reconhecido como um Mestre dos Roubos (sem mestrado), o Homem-Formiga apostaria que o plano ainda podia funcionar.



A Besouro entrou pela frente como uma cliente em potencial. Mágico e Tufão por trás como entregadores de uma transportadora. Darla e Gigante como inspeção surpresa do lugar. E Voz e Urso se disfarçaram como novos guardas (apesar de todos manterem os uniformes). Mecanus supervisionava tudo de longe enquanto que um Lang em miniatura se infiltrava pelos corredores até achar sua filha. O diminuto herói acabou topando com a filha no momento em que ela ia ser capturada por um bolsão de energia lançado por Fogo Cruzado e decidiu deixar se jogar na frente do disparo para ser preso no lugar.

A maioria dos vilões estava já na van com um monte de mercadorias roubadas (algumas sem valor algum, diga-se de passagem) quando a Cassie chegou com a notícia de que Lang foi capturado. Como não foram contratados para serem heróis, parte do grupo partiu dali com os lucros do dia que conseguiram. E isso inclui a Besouro, que mesmo gostando de Scott não queria colocar seu pescoço em risco. Sobrou pro Urso, Mecanus, Miss Coisa, Gigante e a Ferroada entrarem nada na surdina pra arregaçar o lugar e salvar Lang.

Da van, Mecanus orientou o grupo a pegar um canhão desestabilizador de campos gama dentro do próprio lugar que poderia libertar Scott. Cassie conseguiu pegar o artefato e libertar o pai antes que ele morresse numa mesa de ping-pong. Daí, segue uma cena de ação daquelas entre nossos heróis e a família Cross na sala de jogos da empresa. A briga teve consequências graves pra ambos os lados. Augustine, o filho de Darren Cross, foi atingido pelo fogo amigo do tio, Fogo Cruzado. Já Scott e Cassie não conseguiram sair a tempo do lugar e foram cercados pela polícia.




Pra aliviar o lado da filha, Scott precisava recontar toda aquela história confusa. Assim, tirou todos os terceiros da jogada que poderiam ser prejudicados e inventou a história de que foi ele quem fez a filha voltar a ter poderes e a estimulou a virar sua capanga de crime, a Ferroada, decidindo sozinho invadir as Indústrias Cross. E foi assim que ele acabou na prisão, que é de onde ele fez toda a narrativa desde o começo desta história até agora. Ele poderia ter sido levado para qualquer prisão de super-seres, mas acabou sendo tratado como um comum. Maria Hill forneceu as autoridades de Miami pílulas que bloqueavam temporariamente os efeitos das partículas Pym e ele só esperava seu julgamento.

Enquanto isso, Ferroada não parecia nada satisfeita com a situação do pai. A primeira coisa que fez foi se redimir atacando o Mercador do Poder e tirando seu inescrupuloso app Capanga do ar. Durante as visitas da prisão, Lang também recebia visita e apoio dos Colegas, com direito ao Mecanus ainda hackear o lugar para aumentar seu fundo penitenciário. Darla admitiu ter enganado Scott esse tempo todo e revelou o esquema do reality show que gravava em segredo durante todo esse tempo. E por fim, uma das últimas amigas e ex-companheira de equipe do Homem-Formiga se ofereceu para ajuda-lo em sua defesa - Jennifer Walters, a Mulher-Hulk.



O julgamento aconteceu na penúltima edição deste volume. De um lado, Jennifer Walters com todo seu histórico de livrar super-heróis de situações enrascadas feito essa. Do outro, para surpresa de Lang, a promotoria de Defesa ficaria a cargo de Janice Lincoln, que é a identidade secreta da Besouro. Ainda um tanto mordida por ter sido enganada por Lang, a moça não pegaria leve com o ex.

Enquanto o julgamento rolava, Darren Cross tentava de tudo para reverter a situação do seu filho, em coma desde que levou um tiro no rosto. Mandou trazer a força o Cabeça de Ovo, um gênio do crime que poderia pensar num jeito de reverter a saúde do rapaz. E para tal, Cross ofereceu os segredos do laboratório secreto do Hank Pym (lembra que ele estava no antigo capacete do Homem-Formiga que foi dado para Lang). Assim, os dois juntos com o Fogo Cruzado invadiram um complexo da SHIELD e encolheram para ter acesso ao tal capacete. E lá encontraram um protótipo totalmente moderno de armadura do Jaqueta Amarela ainda inacabado (sim, bem igual a do filme). Essa cena é legal por ter também uns easter eggs das primeiras histórias do Homem-Formiga nos anos 60.



Já no Julgamento, por mais que a Jen se esforçasse, a promotoria sempre conseguia deixar as coisas piores. A Besouro conhecia bem demais os podres do ex para deixa-lo enrascado e com isso adquiriu uma certa vantagem para chantageá-lo. Janice queria também ter acesso a partículas Pym e iria facilitar a soltura de Lang no momento que ele entregasse para o que ela queria. Para tal, a promotora pediu acesso a presença do capacete como prova no julgamento. Sim, era o mesmo capacete onde estavam Darren Cross, Cabeça e Ovo e Fogo Cruzado miniaturizados. E agora, os três vilões apareceram do nada no julgamento querendo sua vingança contra o Homem-Formiga.

Enquanto isso, Cassie acabou confessando a verdadeira história para sua mãe. Peggy, por mais que não gostasse do ex-marido não poderia deixar ele ser incriminado indevidamente. Levou a filha para a corte e acabou se deparando com um caos causado pelos inimigos do Homem-Formiga. Darla, Mulher-Hulk, Urso e Mecanus já se estavam na briga pra proteger Scott, e Cassie resolveu vestir mais uma vez o uniforme da Ferroada para ajudar. Foi a garota que acabou se infiltrando na armadura do Jaqueta Amarela que Darren usava e jogou uma das pílulas inibidoras de partículas pym para derrotar o inimigo. Sem elas, a armadura do Jaqueta acabou sem energia e todos foram derrotados.



O Juiz decidiu continuar o julgamento minutos depois. E como Janice acabou não conseguindo o que queria, estava pronta para ferrar com Lang. Ela aproveitou que a ex-mulher estava presente e convocou-a para testemunha. Só que Peggy estava disposta a revelar a verdade ali, acabou desmentindo a história anterior e salvou a pele de Scott. Afirmou que por mais que não gostasse da filha exposta a perigos, ela já foi e era uma heróina por natureza, não muito diferente do pai. Assim, ela a deixaria ser a Ferroada a partir de agora se assim ela quisesse. E foi assim que tudo acabou bem pra o Home-Formiga. Ou quase.

Ele não tinha mais sua empresa de seguranças, mas agora poderia estar finalmente presente e sem restrições no dia a dia de Cassie. Agora, a Ferroada, que começou como "vilã" figuraria na nossa realidade como uma aprendiz de heróina e daqui por diante o Homem-Formiga e Ferroada viveriam grandes aventuras.



Confesso que vou sentir tantas saudades deste título como dos Inimigos Superiores do Homem-Aranha. Apesar de um tanto abaixo na qualidade, ainda assim a narrativa de humor de Nick Spencer (que é seu forte) faz dessa história uma das que me dá vontade de logo ler quando pego o encadernado de Avante Vingadores. Esse arco final inclusive se encontra nas edições 7 a 10 da revista.

Outro ponto que curti aqui foi de alguma maneira o Spencer resgatar a história da Cassie como heróina de novo só que de um jeito diferente. Ao invés de seguir a mesma linha anterior, retomou a premissa dela como potencial Ferroada no MC2 e justificou de uma maneira bacana a parte "vilã" que a personagem acabou tendo no futuro. Por fim, cabe elogiar o artista. Ramon Rosanas tem o desenho leve e bem humorado ideal também pra casar com o tom divertido.

Coveiro

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Michael Douglas e Michelle Pfeiffer juntos no último dia das gravações de Homem-Formiga e a Vespa


Parece que é o fim das gravações de Homem-Formiga e a Vespa. Com um gravação externa na qual participaram Michael Douglas e Michelle Pfeiffer juntos, o diretor Peyton Reed anunciou logo em seguida que era a conclusão em seu Twitter. Confira fotos e videos desta cena a seguir:






E com essa gravação acho que as filmagens de Homem-Formiga e Vespa se encerraram. Ao menos, é o que informou o diretor esta tarde em seu Twitter:



Dirigido por Peyton Reed, Homem-Formiga e a Vespa trará de volta Além de Paul Rudd (Scott Lang), Evangeline Lilly (Hope Pym), Michael Peña (Luis), David Dastmalchian (Kurt), T.I (Dave), Judy Greer (Magy), Abby Ryder Fortson (Cassie) e Michael Douglas (Hank Pym). Já o novos nomes incluem Michelle Pfeiffer (Jane Van Dyne), Hannah John-Kamen (Fantasma), Walton Goggins (Sonny Burch), Randall Park (Jimmy Woo) e Laurence Fishburne (Dr. Bill Foster).

Coveiro

Gambit já tem o nome de sua primeira atriz contratada segundo a Variety

De fato, parece que agora as coisas estão mesmo andando pro filme do Gambit. Duas novidades já saíram hoje. Uma delas fala sobre a mudança do nome de uso do filme (aqueles apelidos usados durante o período de gravações). Segundo o Omega Underground, ele não se chamará mais "Chess" (Xadrez) mas sim "Forevermore" (Para Todo o sempre).

O Omega Underground disse também que as filmagens ocorrerão de fato em Nova Orleans e já acontecem no começo de 2018. Já a Variety jogou o primeiro nome oficial no elenco depois de Channing Tatum - Lizzy Caplan, de Meninas Malvadas e Artista do Desastre. Mas não se sabe ainda que personagem ela viverá no filme.



Além do diretor  Gore Verbinski que parece que se firmou de vez, também já ingressaram no filme o designer de roupas premiado a Oscar Jenny Beavan e o designer de produção Jess Gonchor. A data prevista para Gambit sair é em 14 de Fevereiro de 2019.

Coveiro

Diretor de Pantera Negra conta qual momento achou mais emocionante gravar no filme



Em conversa realizada no Vulture Fest em Los Angeles, ao lado da também diretora, Ava DuVernay (do filme Wrinkle in Time da Disney), Ryan Coogler confessou qual foi o momento mais pessoal para ele durante as gravações de Pantera Negra. E trata-se de uma cena envolvendo Pai e filho no filme, vividos por  Chadwick Boseman (T’Challa) e John Kani (T’Chaka) num flasback:

"Me dei conta de que nós íamos fazer nesse filme uma cena em que um pai e um filho falam um com o outro numa linguagem nativa da África num mundo de super-heróis - isso me comoveu por um instante. Foi emocionalmente tocante. Foi uma das maiores cenas pra mim" disse o diretor.

"O mundo deles é diferente do nosso. Essas crianças, elas vão salvar a todos nós. Temos que fazer nossa parte de continuar estimulando elas a seguir em frente. Ver um filme em que alguém como eu pode ser um rei, conhecer sua ancestralidade e que tem ao seu lado um exército de caras incríveis e que acreditam nele? Eu não sei o que isso teria feito comigo quando eu tivesse 10 anos de idade" comentou.


Com direção de Ryan Coogler, o filme do Pantera Negra conta Chadwick Boseman (T'Challa), Lupita Nyong’o (Nakia), Michael B. Jordan (Erik Killmonger), Danai Gurira (Okoye), Forest Whitaker (Zuri), Daniel Kaluuya (W’Kabi), Winston Duke (M’Baku), Letitia Wright (Shuri), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Martin Freeman (Everett Ross). O lançamento é 16 de Fevereiro de 2018.

Coveiro

Inominata 616 #140 - Algo Inumano na TV


Iniciamente era um projeto para a TV, mas algo de estranho aconteceu desde o primeiro anúncio do filme dos Inumanos. Após um adiamento do longa sem nova data atribuída pela Marvel Studios, somos supreendidos no começo deste ano com a notícia dos Inumanos virando seriado de TV. Mas era de fato algo a se comemorar? Eis o programa que você precisa ouvir para entender melhor todos o enrosco que isso se tornou e entenda porque esse pode ser considerado o mais drástico erro do Universo Cinematográfico da Marvel.

Algo se esconde na Lua e parece não ser uma coisa boa. Nessa missão pra lá de estranhas dois dos nossos 616s, Coveiro e Wellington McGaren do Novo Clarim convocaram três convidados - Arthur Maia, Matheus Steffens e Rodrigo Monteiro do site O Pipoqueiro. Juntos, eles vão se deparar com os Inumanos, os originais, aqueles que se esconderam da humanidade há anos na parte escura da Lua e agora parece que finalmente serão expostos mais uma vez ao nosso conhecimento. Acompanhe esses cinco numa discussão acirrada sobre o que fizeram de tão desumano com nossos personagens de quadrinhos ao adaptá-lo pra TV.

Saiba qual o novo apelido do Karnak despois deste fiasco. Conheça os Surfistas Guerrilheiros do Havaí. Veja que personagem do Quarteto Fantástico aparece com outro nome na série. Por fim, decida quem é mais útil - Dentinho ou um peso de papel?

Duração: 87 min




*Desativamos o player do 4Shared por estar dando problemas na página inicial do site!


Links do programa:
Resenha 616 - Inumanos nos Cinemas
Como foi o desempenho de Inumanos nos cinemas?
Jeph Loeb explica porque levou Inumanos a TV
Imagens dos episódios 3, 4 e 5 da série
Kevin Feige evita responder perguntas sobre Inumanos
Veja os números da audiência de Inumanos
Diferenças do episódio que foi aos cinemas do que foi a TV
Produtor de Inumanos teria planos para uma segunda temporada

Outros Podcasts Relacionados:

Inominata 616 #48 - Os Mais Inumanos heróis da Terra... ou da Lua... ou do Espaço.
Inominata 616 #62 - Agentes da SHIELD - 1a Temporada
Inominata 616 #82 - Agentes da SHIELD - 2a Temporada
Inominata 616 #110 - Agentes da SHIELD - 3a Temporada
Inominata 616 #135 - Agentes da SHIELD - 4a Temporada

E atenção, caro ouvinte!  Tivemos algumas mudanças internas e estamos com novo endereço de Feed pro Inominata616! Copie e cole o novo endereço no seu leitor de podcast:

https://universo616.000webhostapp.com/inominata616.xml


---Informações - Trilha Sonora---

A música temática de abertura do Inominata 616 é de propriedade exclusiva do site Universo Marvel 616, produzida pelo músico Eduardo Spicacci.

Nesse podcast foram utilizadas as músicas sob licença livre liberada da Creative Commons: Circus Of Dread: Robert Austin, Haunted House - Myuuji, The Creep's Dead - Lenx, Feel The Knife -  Lionel Schmitt, Elegy of Death Part 2 - Robert Austin, Haunted - Ross Bugden, The Dusty Attic - ErikMMusic, Morbid Mind - Myuuji, Come Out And Play - Darren Curtis, A Nighmare In Blood - Lionel Schmitt

Também foi usada trecho de abertura e fala dos personagens da série Inumanos.
--------------------------------------------

Para baixar em mp3, clique aqui!

Você também pode nos ouvir diretamente do seu smartphone assinando nosso feed! Saiba como clicando aqui! Ou assine direto no seu itunes aqui!

Coveiro

Mais Krees e novos personagens no novo comercial de quinta temporada de Agentes da SHIELD



Saiu a pouco uma versão extendida do novo comercial de Agentes da SHIELD e ele traz mais cenas, com Krees e os novos personagens. O hype dos fãs pra assistir a volta dessa série parece que realmente foi pra outro mundo. Confira:


A parte boa é que dia 1 de Dezembro tá quase ali!

Coveiro

Marvel Strike Force é o mais novo jogo dos nossos heróis exclusivo pra celulares

Um novo jogo de luta exclusivo para celulares com os personagens da Marvel vem aí. Marvel Strike Force é uma parceria da 21st Century Fox’s FoxNext Games e da Marvel Entertainment que já consta na sua lista vasta de personagens o Homem de Ferro, Capitão América, Viúva Negra, Homem-Aranha, Venom, Senhor das Estrelas, Gamora, Demolidor, Groot, Hulk, Thor e Doutor Estranho.



Confira o primeiro trailer:


Esse é o primeiro jogo da FoxNext Games, que vem trabalhando nele há dois anos, e faz uso de uma versão modificada da nity Technologies’ 3D rendering engine, que promete uma "sensação real e quase viva da qualidade visual, uma sensação de como o Homem-Aranha se sentiria num campo de batalha com o Thor" disse Jeph Loeb.

O jogo será lançado neste próximo semestre de 2018.

Coveiro

Martin Freeman explica seu papel em Pantera Negra



Em entrevista ao programa britânico ToryMax, o ator Martin Freeman, que já ingressou no universo Marvel em Capitão América: Guerra Civil como Everett Ross, fala como será seu retorno ao universo Marvel em Pantera Negra, que sai em Fevereiro. Veja o video:


"Eu acho que como fato histórico o quadrinho do Pantera Negra da Marvel surgiu ao mesmo tempo que o o grupo que existiu em 1966... eu acho que o gibi veio primeiro, sim, veio primeiro... eu posso assumir que era uma referência comum da época porque estava essa coisa no ar. E eu e Andy Serkis somos referenciados como os caras brancos do Tolkien, porque estávamos tanto em Hobbit como em Senhor dos Anéis. Então, dizemos que estamos representando a parte branca" explicou o ator na entrevista.



"Eu sou o cara do governo. Sou o cara da CIA chamado Everett Ross, que foi um personagem nos quadrinhos também, que meio que teve uma amizade nada fácil com T'Challa, que é o Pantera Negra. E meu personagem segue nessa estranha jornada, uma destacável jornada a Wakanda, que é esse país fictício africano. É realmente bom" disse Freeman.

Além de Chadwick Boseman como T'Challa, o filme do Pantera Negra conta com Lupita Nyong’o (Nakia), Michael B. Jordan (Erik Killmonger), Danai Gurira (Okoye), Forest Whitaker (Zuri), Daniel Kaluuya (W’Kabi), Winston Duke (M’Baku), Letitia Wright (Shuri), Andy Serkis (Ulysses Klaue) e Martin Freeman (Everett Ross). A direção do filme ficou por conta de Ryan Coogler. O lançamento é 16 de Fevereiro de 2018.

Coveiro

Paul Rudd aparece com traje novo de Homem-Formiga em programa beneficente da HBO


Ontem a HBO passou o programa Stream Night of Too Many Star, um evento ao vivo beneficente para arrecadação de renda para crianças com Autismo, e uma das participações foi de Paul Rudd, que mesmo não presente, foi autorizado pela Marvel a responder perguntas durante as filmagens finais de Homem-Formiga. Apesar de todas as perguntas terem sido uma bela piada com uma frase que marcou o ator em "I love you, man", uma das suas comédias antigas, vale o vídeo para ver com melhor definição seu novo uniforme:


Além de Paul Rudd voltando ao papel de Scott Lang e Evangeline Lilly como Hope Pym, teremos de volta Michael Peña (Luis), David Dastmalchian (Kurt), T.I (Dave), Judy Greer (Magy), Abby Ryder Fortson (Cassie) e Michael Douglas (Hank Pym). Já o novos nomes incluem Michelle Pfeiffer (Jane Van Dyne), Hannah John-Kamen (Fantasma), Walton Goggins (Sonny Burch), Randall Park (Jimmy Woo) e Laurence Fishburne (Dr. Bill Foster).

Coveiro

domingo, 19 de novembro de 2017

Thor: Ragnarok ultrapassa os 700 milhões de dólares na bilheteria

Como já era previsto, o terceiro filme da franquia do Deus do Trovão alcança o montante em sua quarta semana no mundo (e terceira nos EUA) de 738 milhões de dólares. É um número muito maior do que se esperava neste final de semana, já que o filme enfrentaria o seu primeiro maior desafiante - Liga da Justiça. Apesar de perder o primeiro lugar no pódio, Thor: Ragnarok ficou em terceiro lugar levando mais 21,7 milhões lá por cima.


As contas atuais são 247, 3 milhões nos cinemas americanos que juntando com 490,7 milhões dá um total de 738 milhões. Só no Brasil, o filme já levou 24 milhões de dólares e na China, o segundo maior mercado, tem 95 milhões. Segue o Reino Unido com 35 milhões e a Córeia do Sul com 30 milhões. O filme que já bateu todos os outros do Deus do Trovão semanas atrás, tem tudo para agora acompanhar o sucesso de Guardiões da Galáxia vol.2 e Homem-Aranha: De volta ao lar e fazer com que todos os filmes da Marvel Studios este ano ultrapasse os 800 milhões. Há alguns meses pela frente até sua corrida pelos cinemas acabar. Aguardemos.

Coveiro

Mais artistas anunciados para a CCXP e uma cancelada


Entre os dias 13 a 18 de Novembro, foram feitos mais anúncios de artistas convidados para a CCXP desse ano, um produtor de um filme muito aguardado e infelizmente ocorreu uma desistência de um dos artistas anunciados.

Na parte dos anúncios tivemos a inserção do desenhista Pedro Mauro, conhecido por fazer quadrinhos western para o studios como Sergio Bonelli Editore e aqui para o Brasil, atualmente, está participando do quadrinho Os Poucos e Amaldiçoados - Crônicas, do autor Felipe Cagno, ilustrando um dos contos.

Também foi confirmado a presença de Fábio Moon e Gabriel Bá, os desenhistas gêmeos e ganhadores de prêmios Eisner que tem em seu currículos umas das obras famosas por eles, Umbrella Academy e o Como Falar com Garotas em Festas, de Neil Gaiman, um dos mais vendidos nos EUA, segundo o NY Times.

Mais um nome que foi confirmado essa semana foi o do artista Rafael Albuquerque, que já tem trabalhos tanto pela Marvel, quanto DC Comics. O seu trabalho mais importante é a série Vampiro Americano, que tem ganhados prêmios Eisner e Harvey. Atualmente é um dos artistas exclusivos da DC Comics.

Uma das artistas que acabou cancelando a vinda foi a artista Nicola Scott, por questões pessoais.

Indo para a parte de jogos, temos a presença do artista conceitual e diretor de arte do jogo God of War, o brasileiro Rafael Grassetti. Ele é o responsável pelo novo visual do personagem Kratos e trabalha ao lado do diretor desse game, Cory Barlog.

Indo para o cinema, nós temos a confirmação da vinda de ninguém menos que Nate Moore, produtor do filme Pantera Negra.


Moore, além de produtor de, também, Capitão América - Guerra Civil e co-produtor de Capitão América - Soldado Invernal, ele também é o vice-presidente de desenvolvimento e Produção da Marvel Studios e reporta diretamente para Kevin Feige. Resumindo, podem esperar por materiais exclusivos para o painel Marvel Studios, que também deve contar com a presença de Danai Gurira, uma das Dora Milaje. Será que nós teremos um certo trailer muito aguardado no painel do evento? Quero lembrar que na CCXP 2016, no painel de James Gunn, foi apresentado vários vídeos exclusivos para os presentes dos Guardiões da Galáxia Volume 2, além de uma cena completa do filme! Então, se preparem, porque esse será o painel mais importante de todo o evento e deve ocorrer no sábado.

Fiquem ligados na gente para mais novidades sobre o evento!

Marcus Pedro

sábado, 18 de novembro de 2017

Alguns atores já se despedem das gravações de Homem-Formiga e a Vespa


Pelo visto, a produção de Homem-Formiga e a Vespa está chegando ao seu fim. Dois atores, Evangeline Lilly e Walton Goggins, postaram fotos nas redes sociais nesses últimos dias se despedindo da produção. Além disso, Laurence Fishburne deu novas pistas sobre sua participação no filme. Confira:


Uma publicação compartilhada por Walton Goggins (@waltongogginsbonafide) em

Ao Yahoo, Laurence Fishnburne falou mais sobre seu papel no filme. "Na verdade, eu faço um cientista" se apresentou na entrevista e continuou "Eu sempre fui um leitor de quadrinhos quando cirança. Era mais um cara da Marvel mas sempre li DC Comics. Também amava o Universo da DC. Eu comprava quadrinhos dos dois universo e então subsequentemente comprei quadrinhos de outras marcas quando cresci que eram fora da Marvel e DC. Vertigo e Dark Horse, essas coisas. Eu tenho assistido os filmes da Marvel por um bom tempo e me pego imaginando e sonhando e fantasiando de que um dia eu teria a sorte de estar no Universo Marvel e esse dia chegou".

Na conversa, Fishburne desviou da pergunta se iremos vê-lo atuar ao lado de outros heróis interpretados por seus amigos com o Nick Fury de Samuel L. Jackson e o Falcão de Anthony Mackie. "Oh, céus... próxima pergunta" disse ligeiro querendo fugir de qualquer resposta que o pudesse comprometer.

Pra quem está ansioso, Homem-Formiga e Vespa chega aos cinemas em 6 de Julho de 2018. Até que não parece mais tão distante.

Coveiro

Tem mais gente interessada em comprar a 21th Century Fox além da Disney

Sabe aquela notícia sobre a Disney em negociações sobre a compra da 20th Century Fox? Pois é, ela não é a única interessada pelo visto. Segundo notícia publicada pelo The Washington Post, a Sony entrou na dança e está também em fase de negociação iniciais com o estúdio.



Como bem sabem, a Sony tem hoje ótimas relações com o pessoal da Marvel Studios, mas mesmo existindo hoje um acordo para produção mútua de filmes do Homem-Aranha, o estúdio não deixou de querer investir num universo próprio de spin-offs do herói. Temos na fila vindo aí Venom, Silver & Black e o recentemente anunciado Morbius. Em caso de adquirir a FOX, ela teria uma parcela ainda maior de franquias do universo Marvel a se trabalhar.

Mas é claro que não é só isso que a Sony está interessada. Com a recente perda dos direitos de uso da série de filmes do James Bond, ela quer ampliar em muito seu hall de direitos de uso de outras franquias. E a Fox é cheio delas. Além da Sony, já se tinha noticiado que a Comcast e Verizon estariam interessadas em ter o estúdio.

Apesar de mais uma vez nada estar escrito em pedras, o mais importante desta notícia é saber que o conglomerado da FOX está muito afim de vender a sua divisão de cinema. E leva quem dá mais.

Coveiro

Cena em novo trailer do Pantera Negra pode ter revelado um detalhe sobre uniformes do herói



Quem acompanha o básico dos trailers já deve ter percebido que o filme do Pantera Negra terá um traje diferente daquele que vimos em Guerra Civil. E ele será construído por sua irmã Shuri, que nos cinemas será um pouco diferente dos gibis, uma gênio tecnológica. Contudo, no trailer brasileiro que saiu na última quinta-feira, uma cena acabou revelando que podemos ter mais um outro traje vindo aí nos cinemas. Confira:




A cena que é uma extensão das outras vistas em outros trailers traz um outro site mais branco, ainda não finalizado pela Shuri. Apesar de fugir completamente dos padrões que se espera de uma roupa do herói, esse traje branco não é algo inteiramente novo pra quem é leitor. Na verdade, é algo bastante similar tanto ao do Tigre Branco (alterego de Kasper Cole, que chegou a substituir T'Challa no passado) como também lembra a roupa dos Hatut Zeraze, ou Cães de Guerra, uma polícia secreta de Wakanda.



De qualquer modo, é bem provável que esse uniforme seja apenas um mero easter egg e não signifique nada a mais no filme. De qualquer modo, para quem leu a icônica fase do Christopher Priest como eu, é sempre um brinde a mais esses detalhes.

Coveiro

Panini divulga sua nova saga da Marvel em Plantão de Notícias



Ontem, a Panini Comics fez um video bem legal de divulgação da sua mais nova saga da Marvel. Convocando Pedro Caruso como ancora de um jornal chamado Plantão News, eis que a saga é apresentada como se ocorre-se num mundo real e a parte principal da trama é exposta pela ator na manchete. Confira:




Independente da opinião pessoal sobre a saga, a iniciativa foi bem legal e merece ser divulgada. Que venha mais material nesse estilo pela editora, que conseguisse atingir de forma criativa os fãs. Já sobre a saga, a edição #1 da Guerra Civil chegou alguns dias atrás em São Paulo e deve em breve atingir as demais cidades.

Coveiro

Venom: Nova imagem da produção e parte das filmagens na Ásia


Via Twitter, a produção de Venom disponibilizou mais uma foto dos bastidores do filme. Não entrega nada demais, apenas mais uma foto de Tom Hardy descansando. Contudo, dias atrás, correu o boato de que parte das gravações de Venom aconteceriam na Asia. E pela convocação de extras, parece que será algo do passado. Confira:



Segundo Christopher M, correspondente do IGN e Omega Underground, o filme do Venom vai ter gravações na Asia. E não é só. Eles estão buscando figurantes que se encaixem no papel de "pessoas de vilarejo sem corte de cabelos modernos". Surgem daí várias teorias: Uma delas nos faz acreditar que possivelmente seja uma cena de flashback e pode apontar que o simbionte pode ter aí uma origem mais antiga e não uma mudança dos quadrinhos para virar uma cria de laboratório como se cogitou recentemente.

Coveiro

Justiceiro: Vídeo de abertura e a possibilidade de uma segunda temporada


Justiceiro está  desde ontem no ar na plataforma da Netflix. E esse é o final de semana onde todos estão correndo para maratonar, aproveitando principalmente que temos um feriado emendado em alguns estados. Em você, já começou? Pra quem ainda não conferiu, temos aí um video com a abertura da série e notícias sobre uma segunda temporada.



Steve Lightfoot falou com Entertainment Weekly sobre a possibilidade de uma segunda temporada: "Não sei, genuinamente eu não sei como funciona o sistema da Netflix sobre essas decisões e eu assumo que assim que eles decidirem, eles vão ligar pra Marvel e a Marvel deve me ligar e eu vou pular direto nessa. Mas eu estou sim muito interessado em fazê-la. Eu acho que deixamos tanto Frank quanto Billy em lugares em que há tantas possibilidades a frente se realmente vier uma segunda temporada. Podemos fazer qualquer coisa com eles na verdade".

E você, começou já a maratonar? O que tem achado da série?

Coveiro

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Imagem misteriosa faz referência a sagas do Infinito


E uma imagem misteriosa foi liberada pela Marvel Comics que faz insinuação a uma das sagas mais populares da Marvel.

A imagem, que é um teaser, mostra Starlord, Logan (616 ressuscitado) e Capitã Marvel segurando, cada um, uma pedra do Infinito! O importante que as mídias internacionais destacam bem a palavra PEDRAS do Infinito e não gemas. Deem uma olhada.


Se formos analisar o teaser, diz que a contagem se inicia em Fevereiro de 2018. Nesse mês está acontecendo o arco Avengers: No Surrender. Será que teremos um arco do Infinito na Marvel? Será que terá alguma ligação com o arco No Surrender? Alguma ligação com a Fênix?

Vamos aguardar por mais detalhes pra ver!

Marcus Pedro

Korg ganha seu próprio pôster em Thor: Ragnarok

Entrando em sua quarta semana internacional e terceira semana nos EUA, Thor: Ragnarok já levou um total de 663 milhões até agora. Mas o filme não podia se dar por completo se não ganhasse um poster exclusivo de um dos personagens coadjuvantes mais legais. Esse erro foi corrigido. Que a revolução comece:



Em Thor: Ragnarok temos Chris Hemsworth (Thor), Tom Hiddlestone (Loki), Cate Blanchett (Hela), Idris Elba (Heimdall), Jeff Goldblum (Grão-Mestre), Tessa Thompson (Valquíria), Karl Urban (Skurge), Anthony Hopkins (Odin), Mark Ruffalo (Bruce Banner), Ray Stevenson (Volstagg), Tadanobu Asano (Hogun), e Benedict Cumberbatch (Dr. Stephen Strange). O filme já está a três semanas em cartaz e arrecadou 650 milhões de dólares, superando qualquer outra franquia do Deus do Trovão anterior.

Coveiro

Marvel Entertainment terá novo Editor-Chefe

Essa sexta-feira é um dia bastante impactante pra Casa das Ideias. É o dia em que a Marvel Entertainment vai passar por mais um processo de renovação. É o dia em que C.B. Cebulski assume como um novo Editor-Chefe da Casa das Ideias.



C.B. Cebulski substitui Axel Alonso, que entrou no lugar de Joe Quesada em 2011 e foi responsável por muito do que a Marvel é hoje, e que levou ao boom de uma nova geração de heróis e ampliou a diversidade de titulos como nunca antes. Sua passagem como editor-chefe nos últimos anos foi, no entanto, bastante questionada e até entrou em atrito com lojistas devido à baixa venda de títulos desde agosto do ano passado. Durante uma de suas respostas a esse problema das vendas, Alonso acabou se saindo muito mal entre os artistas ao afirmar que hoje nenhum profissional era garantia de boas vendas só por ter seu nome envolvido. Muitos acreditam que foi a partir daí que o cargo de Alonso ficou sob risco.

Já Cebulski não é nenhum nome novo na Marvel. Na verdade, sua permanência na empresa é tão ou mais antiga na Marvel quanto qualquer outro editor. Começou em 2002 como editor associado. Nesse meio tempo também serviu como caça-talentos e viajou ao redor do mundo em busca de novos artistas, sendo responsável por levar a maioria dos nomes à Casa das Ideias. Em suma, diferentemente de seu antecessor, Cebulski é muito querido entre os quadrinistas, que o têm em alta conta. Em 2011 Cebulski foi promovido a vice-presidente de produto e marca internacional.

Agora, como editor-chefe, será responsável por todo corpo editorial e criativo das publicações da Marvel. Isso significa ter total voz em algo que já fazia bem - recrutar novos criadores e dar forma às principais diretrizes pelas quais percorrerá a Marvel nos próximos anos.

“É uma loucura. É uma honra. Estou deslumbrado com essa oportunidade” disse Cebulski ao The New York Times. A diretriz principal do novo editor-chefe é justamente reforçar a parte da Marvel que ficou deficiente nos últimos anos - seu corpo criativo. “Sempre ouvimos por aí as pessoas falarem de escritores e artistas, mas as pessoas esquecem dos arte-finalistas, coloristas e letristas. Cada um deles é um artista no seu próprio negócio” disse.



Gosto muito do trabalho de Cebulski. Tive a oportunidade de conhecê-lo no FIQ anos atrás e demonstrou-se uma pessoa muito acessível e que vibra junto com os fãs. Admiro sua dedicação pela companhia, que levou-o inclusive a lugares bem longe como o escritório atual da Marvel na China. Foi lá que ele inclusive conseguiu novas parcerias da Marvel para produção de história exclusivas para o público de lá. Ao que tudo indica, poderemos estar prestes a começar uma boa era na Marvel a partir de agora.

Coveiro

E o game Marvel Heroes já era


A Disney anunciou que está desativando os servidores do jogo Marvel Heroes em todas as plataformas em definitivo.

Em uma declaração feita por e-mail para o site Kotaku, um representante da divisão de games da Marvel anunciou o fim da relações entre a divisão com a Gazillion, empresa responsável pela produção do game.

"Lamentamos informar os fãs do Marvel Heroes que acabamos com nosso relacionamento com o Gazillion Entertainment e que os jogos do Marvel Heroes serão encerrados", em declaração ao Kotaku. "Gostaríamos de agradecer sinceramente aos jogadores que se juntaram à comunidade Marvel Heroes e forneceremos mais atualizações à medida que elas se tornem disponíveis".

Apesar dos forúns relacionados ao game dificilmente terem algum movimento pra anunciar novidades, com a notícia as comunidades ficaram muito movimentadas, com fãs expressando desapontamento com o fim do seu jogo. Segundo o apontamento do próprio site Kotaku, eventos que deixaram de existir pra aproveitar ondas dos filmes da Marvel, como o próprio Thor: Ragnarok, nunca aconteceram, o que deixou as comunidades sem muito movimento.

Na CCXP de 2014, o Coveiro fez uma entrevista com o produtor do jogo, o David Brenik. Pra quem quiser ver conferir esse material, é só clicar aqui.

Lembrando que o game MMO foi lançado primeiro para PC's, em 2013, e em 30 de Junho de 2017 o jogo teve lançamento para os consoles caseiros, com o básico completamente gratuito. Para jogá-lo em multiplayer, você precisa ser assinantes dos seus servidores dos seus consoles.

E você, também gostava do jogo? O qual foi sua experiência nele?

Marcus Pedro