VINGADORES: ULTIMATO

A CONCLUSÃO DE 10 ANOS DA MARVEL STUDIOS NOS CINEMAS

CAPITÃ MARVEL NOS CINEMAS

MAIS ALTO, MAIS LONGE, MAIS RÁPIDO

LONGE DE CASA

HOMEM-ARANHA EM TURNÊ PELA EUROPA

MANTO E ADAGA

SEGUNDA TEMPORADA CHEGA A FREEFORM

A GUERRA DOS REINOS ESTÁ CHEGANDO

A BATALHA AGORA É EM MIDGARD

MARVEL RISING

A NOVA GERAÇÃO DA MARVEL EM OUTRA MÍDIA

616s falam sobre Capitã Marvel

UMA CONVERSA FAZENDO PARALELO COM OS QUADRINHOS E OUTROS FILMES DO UCM

VENOM E NO ARANHAVERSO

UM PODCAST SOBRE O SUCESSO DA SONY NOS CINEMAS

sexta-feira, 31 de maio de 2019

Diretor de X-Men: Primeira Classe revela o que teria feito de diferente se continuasse como diretor da franquia mutante



Com a estreia do filme da Fênix Negra na próxima semana, o site Coming Soon aproveitou que iria participar de uma coletiva de imprensa do filme Rocketman (que conta uma biografia do cantor Elton John) e aproveitou para perguntar ao diretor Matthew Vaughn (que dirigiu X-Men First Class e saiu da cadeira de direção de X-Men: Dias de um Futuro Esquecido para dar lugar a Bryan Singer) sobre seus planos originais para as sequências de X-Men: First Class que nunca aconteceram como eram seus planos originalmente.

Se você pudesse dividir-se em duas pessoas e ainda fazer os filmes de “Kingsman”, mas também terminar o ciclo dos filmes de “X-Men: Primeira Classe”, o que você faria de diferente?

Matthew Vaughn: Essa é uma das razões pelas quais eu não continuei, porque eles não me ouviram. Meu plano era "Primeira Classe", depois o segundo filme era o novo Wolverine na década de 70 para continuar com esses personagens, minha versão dos X-Men. Então você realmente conheceria todos eles, e meu final seria “Dias de um Futuro Esquecido”. Esse seria o meu número três, onde você traria todos eles… porque o que é maior do que trazer McKellen e Michael e Stewart e James e trazendo todos juntos? Quando terminei o roteiro de “Dias de Futuro Esquecido” com ele pronto, olhei para ele e disse: “Eu realmente acho que seria divertido lançar Tom Hardy ou alguém como o jovem Wolverine e depois juntar tudo no final". AFox leu meu roteiro de Dias de um Futuro Esquecido e disse “Oh, isso é bom demais! Estamos indo fazer isso agora!” E eu disse: “Bem, e o que fazemos a seguir? Confie em mim, você não tem para onde ir”. Então eles fizeram “Apocalipse” e é como… Se você virasse aquilo do avesso até mesmo, teria sido melhor. Hollywood não entende o ritmo. Seus executivos estão dirigindo a 100 milhas por hora olhando no espelho retrovisor e não entendendo porque eles depois caem".

Palavras duras do diretor, mas elas fazem pleno sentido. O filme seguiu sem planejamento e aquele final de Dias de um Futuro Esquecido é muito mais marcante que qualquer coisa que podia ser feito. É o encerramento de um grande ciclo. É notorio que Dias de um Futuro Esquecido também foi pleno acerto porque tinha ainda base do roteiro de Matthew Vaughn. E, pelo visto, sem ele depois, a coisa desandou.

Agora, pelo visto, teremos um fim pra valer em Fênix Negra. No filme que chega semana que vem, os X-Men enfrentam seu inimigo mais formidável e poderoso: um dentre eles, Jean Grey. Durante uma missão de resgate no espaço, Jean é quase morta quando é atingida por uma misteriosa força cósmica. Quando ela volta para casa, essa força não só a torna infinitamente mais poderosa, mas muito mais instável. Lutando com essa entidade dentro dela, Jean libera seus poderes de maneiras que ela não pode compreender e nem conter. Com Jean caindo como uma espiral fora de controle e machucando os que ela mais ama, ela começa a desvendar a própria raiz do que mantém os X-Men juntos. Agora, com esta família desmoronando, eles devem encontrar uma maneira de se unir - não apenas para salvar a alma de Jean -, mas para salvar nosso próprio planeta de alienígenas que desejam transformar essa força em força e governar a galáxia.

Dirigido por Simon Kinberg, X-Men: Fênix Negra terá Sophie Turner no papel de Jean Grey, James McAvoy como Professor X, Jennifer Lawrence como Mística, Michael Fassbender como Magneto, Nicholas Hoult como Fera, Tye Sheridan como Ciclope, Kodi Smit-McPhee como Noturno, Alexandra Shipp como Tempestade e Jessica Chastain como a vilã do filme. O filme está chegando em 7 de Junho aos cinemas.

Coveiro

Sebastian Stan fala sobre o final de Vingadores: Ultimato e espera mudança de visual na série do Falcão e Soldado Invernal



Participando de mais uma nova convenção, desta vez no Reino Unido, na MCM London, o ator Sebastian Stan voltou a deixar suas perspectivas para o final de Ultimato e o que pode vir a ser a nova série do Falcão e Soldado Invernal. Veja um pouco da conversa aí:

Uma das coisas perguntadas de cara ao ator foi sobre a escolha de Sam como novo Capitão, Stan falou que "faz muito sentido. É muito diferente da história em quadrinhos. Eu realmente amo o entusiasmo que tantas pessoas sentiam querendo que Bucky pegasse o escudo, mas não é melhor ele pegar o escudo se você pensar sobre isso. De certa forma, para mim, Steve não lhe dando o escudo era uma forma de libertá-lo e libertar-se. Esses caras sempre estiveram ligados a esse dever desde os anos 50 e carregando esse manto. De certa forma, ambos estão meio que livres, e Sam é um personagem muito mais confiável. ”

Sobre a cena final de Ultimato, Stan comentou que "Quando eu descobri que estávamos fazendo aquela cena, que foi provavelmente cerca de 40 minutos antes de ser filmada, eu disse: olha, você não acha que se isso está realmente acontecendo, não haveria algo mais a ser dito?" Stan falou no painel da MCM Londres. "Mas os Russos disseram: 'Olha, vocês tiveram essa conversa, vocês tiveram esse momento. Vocês sabem o que vai acontecer, vocês sabem o que ele está fazendo.' E então essa última interação tem um monte de subtexto, que é como "Tudo bem. Aqui estamos. Eu vou te ver quando te encontrar".

E sobre o que Bucky pensa sobre a decisão de Steve Rogers ficar no passado, falou que “Ele estava feliz por ele, obviamente. Este homem lutou por essa mulher por muito tempo. Na minha opinião, ele estava feliz". Já quando perguntaram se ele tivesse a oportunidade de usar a joia do Tempo, ele falou "O que Bucky faria se ele pegasse a Joia do Tempo? Dar o fora dali!". Depois da brincadeira, Stan disse "Não, se ele pegasse a joia do Tempo, é claro que ele voltaria para se enfrentar nos anos 70 e então teria que ter dois Soldados Invernais, um contra o outro, então ele teria que se encarar e parar de causar cerca de 864 assassinatos ". E se tivesse toda a Manopla? "Eu não sei. Curar o câncer. Ajudar a achar a cura. Parar a Guerra. Quer dizer, há um zilhão de coisas que ele poderia realizar com isso, em vez de fazer o que ele fez. Sim, eliminando 50% da população, isso vai ajudar. É difícil imaginar ter algo assim e não querer ter a responsabilidade de usá-lo da maneira certa. Mas acho que a primeira coisa é provavelmente parar a guerra".

Já quanto a pegada da série, Sebastian Stan voltou a citar o clássico de Eddie Murphy e Nick Nolte que ele ainda sonha em fazer parte de um reboot: "Olha, eu vou continuar dizendo, eles estão refazendo 48 Hours e eu acho que Anthony Mackie e eu deveríamos ter uma chance nisso", disse Stan no MCM London. "Eu estou trabalhando nisso. Aqueles irmãos Safdie não estão retornando nenhum dos meus e-mails, então eu vou ter que rastreá-los da melhor maneira possível. ” No caso, os irmãos citados são Benny and Josh Safdie, que estão desde 2017 contratados pela Paramount para fazero remake.



Sobre se poderia adiantar alguma coisa sobre o visual do personagem na série, Sebastian apenas disse que "Já chega daquele cabelo. Ouça, toda a coisa de escovação é apenas, é demais, eu não sei. Talvez ele tenha um corte de cabelo. Eu não sei, eu não sei. Eu não sei de nada. Eu não sei ainda. Vamos ver". Quando viu a reação do público, Stan disse que "Eu gosto do cabelo comprido", ele disse. "Você sabe, é legal, mas é difícil. É difícil ter cabelos compridos. Vocês sabem. Vocês acordam de manhã e então isto" disse ele gesticulando como se o cabelo estivesse sobre o rosto. "Você fica 'o que aconteceu?' Eu sinto como se eu comesse muito do meu cabelo quando eu estava no personagem, especialmente no almoço ".

Relembrando os melhores momentos ao lado de Chris Evans, Sebastian Stan contou a plateia que "Acho que rimos muito. Aqui tem essa coisa sobre estar de volta em Londres, eu estava andando ontem e nós filmamos o primeiro Capitão América aqui. O Primeiro Vingador nós filmamos em Londres. E eu estava andando e eu lembrei de todos os lugares que eu costumava ir e procurar comida e assim por diante e acho que ele e eu tivemos um ótimo momento durante o filme porque eu lembro que foi a primeira vez que nos conectamos e a primeira vez que estávamos explorando a amizade entre os personagens e nós estávamos saindo muito em Londres, então talvez eu escolheria qualquer uma das memórias. Ele é muito engraçado ".

E por fim, uma das perguntas feito em video foi de Tom Holland, que quis saber o que ele achava de trabalhar com ele no filme The Devil All the Time :


"Eu não posso escapar desse homem", Stan brincou na resposta. "Eu não ignorei você, eu encontrei ele na rua ontem à noite - eu não estava procurando por ele e ainda assim, lá estava ele. Ele está fazendo referência a esse filme que fizemos juntos, onde eu consegui persegui-lo com uma espingarda. Foi provavelmente um destaque da minha carreira ".

Vingadores: Ultimato tem direção de Joe e Anthony Russo e roteiros de Christopher Markus e Stephen McFeely. No elenco, temos Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Chris Evans (Capitão América), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Chris Hemsworth (Thor), Mark Ruffalo (Hulk), Jeremy Renner (Gavião Arqueiro), Don Cheadle (Máquina de Combate), Paul Rudd (Homem-Formiga), Bradley Cooper e Sean Gunn (Rocket Raccoon), Karen Gillan (Nebula), Josh Brolin (Thanos), Danai Gurira(Okoye), Benedict Wong(Wong), Gwyneth Paltrow (Pepper Potts), Jon Favreau (Happy Hogan), Tessa Thompson (Valquíria), dentre outros. O filme que está a todo vapor batendo recordes, é no momento a segunda maior bilheteria mundial em um pouco mais de uma semana de exibição.

Coveiro

Gata Negra ganha uma série de capas variantes pra seu lançamento semana que vem

Na semana que vem tá chegando a edição #1 da revista mensal da Gata Negra. Sim, mensal! É a primeira vez que a personagem tem essa oportunidade e a Marvel está investindo nela com uma safra boa de artistas fazendo capas criativas. Dentre eles temos Campbell, Terry Dodson, Artgerm, Travel Foreman, Phil Noto, Elizabeth Torque, Skottie Young, Adam Hughes, Belen Ortega, Ben Oliver, Clayton Crain, David Nakayama, Gerald Parel, Greg Horn, e Jay Anacleto. Veja as imagens a seguir:



A revista tem Jed McKay como roteirista e na equipe de artistas se juntam Travel Foreman, Michael Dowling e Nao Fuji. A mensal se focará no sufoco atual que Felicia Hardy vive ao ser não só procurada pela polícia como também pela Guilda de Ladrões de Nova York e sua líder Odessa Drake. A primeira edição tem 40 páginas!

Coveiro

Veja um preview das páginas de Carnificina Absoluta #1

Ontem, o artista Ryan Stegman e seu colorista Frank Martin Jr postaram em primeira mão nas redes sociais um preview de páginas de Carnificina Absoluta #1. E temos que dar o braço a torcer. Está uma arte matadora. Confira:






Escrita por Donny Cates, a minissérie em quatro partes sai em Agosto e teve seu checklist publicado anteriormente no nosso site aqui.

Coveiro

Confira o trailer chinês e mais uma imagem inédita de Homem-Aranha: Longe de Casa


Homem-Aranha: Longe de Casa acaba de ganhar um novo trailer chinês cheio de imagens novas, confirmando que o filme estreia por lá dia 28 de Junho. Sim, o filme ganhou estrei ANTECIPADA por lá. É um feito inédito. Aproveitando, o artigo também traz uma imagem inédita de Tom Holland e o ator Numan Acar, que tem o misterioso papel de Dmitri no filme:


E quem será Dmitri? Seria ele Dmitri Smerdyakov, o vilão Camaleão como alguns sites especulam?


Homem-Aranha: Longe de Casa estreia em 5 de Julho de 2019 no Brasil e terá no elenco Tom Holland (Peter Parker), Jacob Batalon (Ned), Zendaya (MJ), Tony Revolori (Flash), Angourie Rice (Betty), Marisa Tomei (Tia May), Jake Gyllenhall (Mysterio), Numan Acar (Dmitri), Martin Starr (Mr. Harrington), J.B. Smoove (Mr.Bell), Remy Hii (Brad Davis), Samuel L. Jackson (Nick Fury) e Cobie Smulders (Maria Hill), dentre outros. A direção do filme é de novo por conta de Jon Watts.

Coveiro

Iron Studios muda uma de suas peças de Vingadores: Ultimato a pedido dos fãs



Com o filme cujos segredos foram guardados a sete chaves, é até difícil atender aos critérios de verossimilhança das peças e bonecos baseados nele de certos fabricantes. Ainda assim, a Iron Studios anunciou em sua página que alterará um detalhe mínimo de sua peça do Capitão América. Para ficar do jeito que está no filme, o personagem mudará a posição do braço e passará a segurar o Mjolnir em sua mão direita. Veja a foto da mudança publicada pelo estúdios e logo abaixo a versão anterior:





A mudança parece ser simples, no caso. Se as peças ainda não foram feitas em larga escala, é questão só de espelhar ela em reverso no molde. E agora que a empresa abriu a oportunidade de ouvir os fãs, o segundo pedido é que a empresa crie uma versão do braço do Thor na escala 1/10 que seja sem o Mjolnir para que os colecionadores possam optar por decidir se no diorama a arma ficará ou com o Capitão ou com o Thor. Se não lembra dela, clique aqui e veja como ela foi criada.

Coveiro

Veja o nome e a logo da terceira temporada da animação do Homem-Aranha do Disney XD

A Marvel acabou de revelar ontem qual será o subtítulo e a logo da terceira temporada da nova animação do Homem-Aranha que sai na Disney XD. Ela será chamada a partir de agora de Spider-man: Maximum Venom.



É isso! Apesar de ainda faltar mais dois episódios para a segunda acabar, o desenho já teve confirmação de temporada renovada e uma boa ideia do ponto principal da trama. Pelo visto, Venom realmente está com a corda toda desde o sucesso de seu filme solo.

Fazendo as vozes da animação temos Robbie Daymond como Peter Parker, Scott Menville  como o Doutor Octopus, Nadji Jeter como Miles Morales, Melanie Minichino como Anya Corazon, Laura Bailey como Gwen Stacy, Max Mittelman como Harry Osborn, Fred Tatasciore como Max Modell, Nancy Linari como a Tia  May, Patton Oswalt como Tio Ben, Alastair Duncan como o Abutre e  Vulture e Bob Joles como J. Jonah Jameson.

Coveiro

quinta-feira, 30 de maio de 2019

'House of X #1' ganhou uma série de 12 capas variantes com aclamados artistas da Marvel

A volta de Jonanthan Hickman e sua revolução no universo dos X-Men certamente é algo que não passará batido. E a editora Marvel não vai deixar de aproveitar esse momento para dar uma turbinada no marketing. Hoje, mais de dozes novas capas variantes foram reveladas. Confira as imagens reveladas e quem são os artistas responsáveis:


Arte de Marco Checchetto




Arte de Mark Brooks


Arte inédita de Dave Cockrum


Arte de Mike Huddleston



Arte de Joe Madureira


Arte de Sarah Pichelli



Arte de Joshua Cassara


Arte de Stephanie Hans


Arte de Mike Huddleston



Arte Inédita de Jack Kirby


Arte de Dustin Weaver


Arte de Phil Notto

As primeiras edições de House of X e Power of X chegam em Julho nas lojas americanas, com roteiro de Jonanthan Hickman e arte de Pepe Larraz e R. B. Silva, respectivamente.

Coveiro

Roteiristas de Vingadores: Ultimato revelam mais ideias descartadas e respondem a teorias e dúvidas levantadas pelos fãs

Continuando com outro pedaço da conversa longa que os roteiristas de Vingadores Ultimato, chegou um certo momento em que a Ancora do jornal da CBS, Lisa Hughtes, tocou em assuntos polêmicos levantados pelos fãs como as contradições de suas opiniões sobre viagens no tempo e a dos diretores, ideias descartadas que envolviam a morte de todos os vingadores originais e as possibilidades a serem seguidas na série do Loki. A conversa foi toda transcrita pelo CBR como pode ser vista  a seguir:


Markus e McFeely começaram a escrever Ultimato depois que eles completaram o roteiro de Guerra Infinita com nenhuma certeza sobre qual dos seis Vingadores originais sobreviveriam além de ter um instinto de que seria correto Tony Stark se sacrificar no final. McFeely observou que, em um ponto, Feige sugeriu que matassem todos os seis, apontando para a cena do incinerador de quase-morte em Toy Story 3 como inspiração potencial.

A morte da Viúva Negra foi, naturalmente, assunto de controvérsia, como os escritores esperavam que fosse. Eles realmente consideraram ter Clint Barton para fazer o sacrifício em troca da Joia da Alma, mas uma mulher na equipe de efeitos visuais argumentou convincentemente que tinha que ser a Viúva Negra, a fim de completar seu arco de personagem.


Um espectador chegou a apontar que a morte da primeira Vingadora provavelmente teria sido menos controversa se a primeira Guardiã da Galáxia, Gamora, não tivesse tido uma cena de morte semelhante na Guerra Infinita. McFeely descreveu os dois sacrifícios da Joia da Alma como "uma espécie de resultado inevitável de escolhas que fazemos". Ele não achava que poderia a Morte dos quadrinhos da Guerra Infinita, mas "queria mostrar que Thanos amava alguém". Sacrificar Gamora era a expressão de Thanos disso.

Sobre a cena final de Ultimato, em que Steve Rogers viaja de volta no tempo para viver uma vida plena com Peggy Carter. Markus e McFeely e os diretores Joe e Anthony Russo forneceram respostas conflitantes sobre se isso ocorreu dentro do Universo Cinematográfico da Marvel ou em uma realidade alternativa. Apesar de favorecer a teoria principal do UCM, Markus tentou amenizar o conflito chamando a questão de "uma pergunta com muitas respostas". Quanto ao motivo pelo qual Steve, por exemplo, não impediria o assassinato de Kennedy se ele estivesse no UCM principal, Markus se esquivou dizendo que "Não precisamos escrever isso!"

Ainda em relação ao final, McFeely disse que, em contraste com Tony, Steve já estava tão abnegado que seu fim tinha que ser sobre estar fazendo algo por si mesmo. "Para completar-se", disse ele, "Tony deve perder sua vida e Steve deve conseguir uma." Os escritores revelaram que a Marvel trouxe  físicos para dar conselhos sobre a mecânica da viagem no tempo. A dupla ficou feliz ao ouvir um físico declarar, que "De volta ao Futuro é besteira!" Com relação ao que significa a destruição das Joias do Infinito para a linha do tempo principal, os escritores ficaram divididos: McFeely disse que "poderia haver problemas para avançar" em relação à estabilidade, enquanto Markus argumentou que "os átomos ainda estão lá". A essência das Joias ainda está mantendo o tempo fluindo normalmente.


Sobre a fuga de Loki com a Joia do Espaço após a Batalha de Nova York, McFeely disse que a cena "ofereceu possibilidades" a outros escritores. Como Steve devolveu a Pedra da Alma ao Caveira Vermelha? "Há momentos em que você pode não gostar de alguém, mas você tem que devolver as coisas pros seus lugares", argumentou Markus e disse que isso "Poderia ser uma grande peça de um ato!" Por que Bucky parece saber o que está prestes a acontecer quando Steve viaja no tempo? Na verdade, Markus tinha uma resposta concreta: "Steve e Bucky tiveram uma conversa na noite anterior".

Alguns fãs focaram na relação entre Bruce Banner e Natasha Romanoff, e se a decisão de evitar lidar com isso em Guerra Infinita e Ultimato foi em relação a crítica disto em Era de Ultron. Os escritores reconheceram que o relacionamento era controverso, mas o defenderam como uma decisão criativa validada por Joss Whedon, e algo que adicionou textura a filmes futuros. Acontece que eles realmente escreveram algumas cenas para a Guerra Infinita que abordaram o romance, mas foram cortadas porque não impulsionavam a história principal.

Com Joe e Anthony Russo na direção e Christopher Markus e Stephen McFeely nos roteiros, Vingadores: Ultimato trará de novo Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Chris Evans (Capitão América), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Chris Hemsworth (Thor), Mark Ruffalo (Hulk), Jeremy Renner (Gavião Arqueiro), Don Cheadle (Máquina de Combate), Paul Rudd (Homem-Formiga), Bradley Cooper e Sean Gunn (Rocket Raccoon), Karen Gillan (Nebula), Pom Klementieff (Mantis), Vin Diesel (Groot), Tom Hiddleston (Loki), Josh Brolin (Thanos), Sebastian Stan (Soldado Invernal), Danai Gurira(Okoye),Tessa Thompson (Valquíria), Gwyneth Paltrow (Pepper Potts), Jon Favreau (Happy Hogan).

Coveiro

Roteiristas de Vingadores: Ultimato falam que o trabalho autoral é trocado por um bom processo colaborativo na Marvel Studios

Nova conversa com os roteiristas de Vingadores: Ultimato, Christopher Markus e Stephen McFeely aconteceu no jornal de Boston da CBS, com a jornalista e Ancora Lisa Hughes. Boa parte do começo dela envolvia uma explicação sobre processo de colaboração do roteiro nos filmes da Marvel. Segundo os dois escritores, a Marvel não é o lugar pra quem quiser um trabalho autoral, mas isso pode ser "libertador". Veja um resumão da conversa que foi feito pelo site CBR a seguir:

Resultado de imagem para markus marvel616

De cara, o bate-papo começou falando sobre o processo colaborativo dos escritores.  McFeely descreveu a si mesmo como "levemente obsessivo-compulsivo, tanto que, na ânsia de acertar as cenas chaves, muitas vezes eu sou o que dá a primeira ideia decente. Chris é mais reservado e, frustrantemente, tem as melhores ideias". Markus brincou que ele é o lado negativo, e que seu processo de brainstorming é do tipo OCD (Disordem Obsesssiva compulsiva) vs. ADD (Disordem de Deficit de Atenção)".

A dupla divide a escrita igualmente, sem se especializar em nenhum tipo particular de cena. Uma estratégia que Markus considera útil é reescrever o diálogo em uma "versão óbvia", na qual todos os floreios são removidos, de modo que o ponto é feito da maneira mais direta possível. Um filme inteiro de diálogo óbvio seria chato, mas algumas falas da "versão óbvia" poderiam ser poderosas quando incluídas no roteiro. O conselho de Frigga para Thor no Endgame - "A medida de uma pessoa, de um herói, é o quão bem eles conseguem ser a versão deles mesmo" - é um exemplo de uma fala "óbvia" que funcionou bem no filme.

Ficou claro durante toda a conversa que os escritores dos filmes da Marvel Studios não estavam trabalhando muito em qualquer tipo de plano principal e que o presidente da Marvel Estúdio, Kevin Feige, é que pode apresentar as "fases" e decidir quais personagens serão os títulos principais, e quais as histórias estão abertas à experimentação. Esse não é o mesmo tipo de liberdade criativa que um diretor pode desfrutar em um "filme autoral" esclareceu McFeely que a Marvel "não é lugar para nada autoral" - mas defendeu que o processo de colaboração pode ser libertador.

Sobre como eles possivelmente seguirão seu longo caminho na Marvel, os roteiristas falaram que estão trabalhando em um projeto secreto e de baixo orçamento. Eles passaram uma década trabalhando com a Marvel de forma extremamente criativa. Enquanto outros escritores que alternam entre grandes e pequenos projetos frequentemente descrevem a abordagem como "um para eles" e "um para mim", McFeely disse que os filmes da Marvel são na verdade "ambos". Markus e McFeely escreveram alguns dos maiores sucessos de bilheteria do mundo, mas os grandes empreendimentos comerciais foram, não obstante, os filmes que eles queriam escrever.

Vingadores: Ultimato tem Joe e Anthony Russo na direção e Christopher Markus e Stephen McFeely nos roteiros. O filme conta no elenco com Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Chris Evans (Capitão América), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Chris Hemsworth (Thor), Mark Ruffalo (Hulk), Jeremy Renner (Gavião Arqueiro), Don Cheadle (Máquina de Combate), Paul Rudd (Homem-Formiga), Bradley Cooper e Sean Gunn (Rocket Raccoon), Karen Gillan (Nebula), Pom Klementieff (Mantis), Vin Diesel (Groot), Tom Hiddleston (Loki), Josh Brolin (Thanos), Sebastian Stan (Soldado Invernal), Danai Gurira(Okoye),Tessa Thompson (Valquíria), Gwyneth Paltrow (Pepper Potts), Jon Favreau (Happy Hogan).


Coveiro

Veja imagens do Thor na escala 1/10 de Vingadores: Ultimato da Iron Studios

Seguindo a linha de peças do fabuloso diorama da Iron Studios para o filme Vingadores: Ultimato, o destaque da vez agora é o Thor na escala 1/10. E ele ficou tão legal quanto sua versão 1/4. Confira:






Thor: Art Scale 1/10
Características:
- Edição Limitada
- Produzido com base em referências originais do filme
- Fabricado em polystone
- Pintura manual

Dimensões do produto: 27 cm (A) x 15 cm (L) x 22 cm (C) | Peso: 1,2 Kg

A peça sairá ainda este ano, no último trimestre e tem preço sugerido de R$ 469,99*. A única sugestão que teríamos pra ficar perfeito é uma opção do braço que segura o Mjolnir que seja alternativo. Pra o diorama, seria ideial.

Coveiro