quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Veja os últimos pôsteres divulgados de Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis

A Marvel liberou novos pôsteres de personagens de Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis que estavam merecendo destaque a tempos. Temos agora a Fala Chen no papel de Ying Li, Florian Munteanu no seu papel do vilão Punho de Lâmina e o já bem conhecido Benedict Wong como... Wong. Também postamos mais um pôster assinado pelo artista @kazoomori e um outro, exclusivo para a Marvel Austrália e Nova Zelândia, feito por Boss Logic.Confira:


Shang Chi e a Lenda dos Dez Anéis chegou aos cinemas. No filme, Simu Liu estrela como Shang-Chi, o herói que deve enfrentar o passado que ele pensou ter deixado para trás quando ele é atraído para a teia da misteriosa organização Dez Anéis. Dirigido por Destin Daniel Cretton e escrito por Daniel Callaham, Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis traz no elenco também os nomes de Tony Leung, Awkwafina, Michelle Yeoh, Jiang Nan, Meng'er Zhang. Ronny Cheng, Fala Chen e Jiang Len.


Coveiro 

Tom Hardy fala sobre futuro de Venom nos cinemas após "Tempo de Carnificina"


O Astro de Venom: Tempo de Carnificina, Tom Hardy, falou com o ET Canada sobre onde a franquia poderia chegar com um terceiro filme após sua estreia nos cinemas em 1 de outubro de 2021. Ao lado de Andy Serkis, você confere no video que tem muitas ideias para serem usadas ainda e, é claro, um possível encontro com o Homem-Aranha no Futuro:


"Acho que você tem que sempre olhar... Como essas coisas que vêm em três no momento, e se elas progredirem, normalmente passamos o bloqueio inicial da infraestrutura ou um conjunto de filmes de franquia será um, dois e três, e pronto. Então, quando Venom 1 foi apresentado, foi apresentado, e se foi bem-sucedido, fariamos o dois, e se foi bem-sucedido, o três. Portanto, é preciso olhar para toda a opção abrangente" explicou ele.

"Primeiro, você estabelece um personagem. Se as pessoas gostam disso, você os leva em uma jornada. Obviamente, Carnificina, ele é um sumo sacerdote nesse aspecto de arcanos dos personagens. É como 'Uau, você tem que fazer maior, 'ou você vai lateralmente e constrói o mundo que continua a desenvolver" colocou o ator.

Sobre se o futuro estaria ligado ao Homem-Aranha, ele disse que: "Há um Venomverso, você sabe, há um Aranhaverso, há multiversos, há todos os tipos de cânones e tradições e mitologia para explorar lateralmente e para frente no tempo. Acho que com as pessoas certas e o planejamento certo, e feedback do público, e entender que se trata de fazer as escolhas certas na hora certa ... Mesmo com a previsão de entender para onde as coisas já podem ir ou desejam ir, é uma combinação de todas essas coisas na alquimia do que será. "

Tom Hardy volta como Eddy Brock/Venom e se junta a Woody Harrelson como Cletus Kasady/Carnificina. Michelle Williams e Reid Scott também estão programados para reprisar seus papéis de Venom, e eles serão acompanhados por Naomie Harris como a vilã Shriek, e Stephen Graham como o policial Patrick Mulligan. Sean Delaney, Laurence Spellman e Larry Olubamiwo também estão a bordo em papéis não revelados. O diretor da sequência é Andy Serkis e o roteiro é uma parceria de Kelly Marcel e do próprio Tom Hardy. Agora, a nova data de estreia do filme é 1 de Outubro nos EUA e 7 de Outubro no Brasil.

Coveiro

Wilson Fisk cria grupo de vilões para cuidar definitivamente dos super-heróis em Devil's Reign


Em artigo anterior, postamos aqui detalhes do que será o cenário desse evento Devil's Reign (Reino do Demônio, no literal), evento que foi originado nos quadrinhos do Demolidor. A Marvel agora liberou mais detalhes, com Wilson Fisk, atualmente prefeito de Nova York, montando um grupo de super vilões para cuidar das atividades dos super-heróis, que andam atrapalhando seus negócios por baixo dos panos.

O grupo é consistido em Ossos Cruzados, Treinador, Mary Tifoide, Shocker, Chicote Negro, Rhino e Kraven, como a nova equipe mortal de Thunderbolts, que se apresentará para o serviço no DEVIL'S REIGN 2 e representará apenas a salva de abertura do plano do Rei do Crime para refazer o Universo Marvel a sua própria imagem.


“Nosso plano do Demolidor foi ficando cada vez maior, até o ponto em que afetaria claramente o Universo Marvel de formas enormes”, explicou Zdarsky. “Felizmente, a Marvel também reconheceu isso e deu a Marco e eu a oportunidade de contar a história em um palco enorme com DEVIL'S REIGN! Este é um verdadeiro evento da Marvel surgindo das páginas do Demolidor e acho que todos os leitores da Marvel vão adorar o que está por vir!"


DEVIL’S REIGN também se conectará a algumas de suas séries favoritas em andamento, incluindo SPIDER-WOMAN 18 de dezembro pela equipe criativa da série, a escritora Karla Pacheco e o artista Pere Pérez. O prefeito Wilson Fisk está expulsando vigilantes de sua cidade, e a Mulher-Aranha está em sua lista! Fisk fará de tudo para derrubá-la, incluindo ir atrás de seus entes queridos. Está tudo em jogo para a Mulher-Aranha durante o DEVIL'S REIGN! Aqui está Pacheco a dizer sobre o que veio para Jessica Drew:

“Quando Chip perguntou pela primeira vez sobre como amarrar a Mulher-Aranha neste evento espetacular, eu imediatamente disse 'Como você conseguiu esse número e o que você quer?' Ok, na verdade era mais eu implorando 'POR FAVOOOOOOR, CHIP !!! DEIXE EU E PERE FAZERMOS PARTE DESTA GRANDE COISA INCRÍVEL! NÓS AMAMOS DEADPOOL E * VOCÊ *. Depois que ele me corrigiu que era um evento do DEMOLIDOR, ainda estávamos muito animados com isso. Mal posso esperar para que todos vejam como Jessica Drew lida com o caos que Wilson Fisk está trazendo para o mundo dela, e temos alguns problemas absolutamente explosivos surgindo. O Devil's Reign ameaça a todos que Jess ama, E traz de volta um de seus maiores inimigos de uma forma que eu não acho que ninguém vai perceber. Principalmente Jess!"

Devil's Reign 2, roteirizado por Chip Zdarsky e arte por Marco Chechetto, tem previsão de lançamento em 15 de Dezembro desse ano nos EUA.

Spider-Woman 18, roteirizado pela Karla Pacheco e arte por Pere Pérez, tem previsão de lançamento em 29 de Dezembro desse ano nos EUA.

Marcus Pedro

Vídeo clip da música Run It da trilha sonora do filme Shang-Chi tem participação do ator Simu Liu


Após o lançamento da música Run It, que faz parte da trilha sonora do filme Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, o Dj Snake lançou um vídeo clip da faixa que conta com a participação de ninguém menos do ator Simu Liu. No clipe o ator mostra que ele não apenas sabe lutar muito bem, como manda muito bem na dança, com direito a um salto para traz que gosta tanto de fazer.


A música Run It foi composto por Dj Snake , Rick Ross e Rich Brian. A faixa compõe a trilha sonora oficial do filme do Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, que está disponível na diversas plataformas de música.

Shang Chi e a Lenda dos Dez Anéis chegou aos cinemas. No filme, Simu Liu estrela como Shang-Chi, o herói que deve enfrentar o passado que ele pensou ter deixado para trás quando ele é atraído para a teia da misteriosa organização Dez Anéis. Dirigido por Destin Daniel Cretton e escrito por Daniel Callaham, Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis traz no elenco também os nomes de Tony Leung, Awkwafina, Michelle Yeoh, Jiang Nan, Meng'er Zhang. Ronny Cheng, Fala Chen e Jiang Len.

Marcus Pedro

Krysten Ritter diz que voltaria sem hesitar ao papel de Jessica Jones

 No momento atual, o que mais existe são rumores por aí de que alguns personagens das séries da Marvel da Netflix estariam voltando na forma de "soft reboot" em produções da Marvel Studios. Sendo assim, em conversa com o Screenrant, inevitavelmente surgiu a pergunta para Krysten Ritter se ela voltaria ao papel de Jessica Jones no MCU no futuro.

"Eu absolutamente morreria para interpretar Jéssica de novo. Eu me diverti muito fazendo isso e a amo muito. Estou muito orgulhoso dessa personagem. Não apenas porque foi um grande papel e ela é tão má. bunda, mas aquele personagem realmente ressoou com as pessoas de uma forma que eu não sei quem mais. Realmente, realmente ressoou com mulheres e meninas, sobreviventes de traumas. É tão, tão grande e algo que estou muito grato ter feito parte. "

Ritter finalizou dizendo que "se houver uma oportunidade para eu calçar aquelas botas, estarei lá em um piscar de olhos." 

A Jessica Jones da Krysten Ritter é uma das personagens que os rumores colocam como potenciais a ganhar sobrevida em novas produções da Marvel Studios a partir de agora. Também estão nessa o Demolidor de Charlie Cox, o Rei do Crime de Vicent D'Onofrio e o Justiceiro de Jon Bernthal. 

Coveiro

Jason Aaron se junta com Mahmud Asrar para a minissérie Conan Rei


O escritor Jason Aaron, o artista Mahmud Asrar e o colorista Matt Wilson retornarão à saga de Conan, o Bárbaro, em dezembro em KING CONAN. A equipe de criativa de super estrelas relançou os contos do herói de Robert E. Howard em 2019, com aceitação da crítica, e está de volta nesta minissérie tão esperada em seis partes, que levará a história de Conan além do que já foi revelado em QUALQUER mídia até agora!

Como Robert E. Howard postulou, quando o Rei Conan fica inquieto no trono, ele navega para o oeste, em direção a terras e aventuras desconhecidas. Agora veja o primeiro passo da jornada fatídica do Rei Conan da Aquilônia, quando um perigo antigo e terrível ameaça encerrar a saga do Cimério de uma vez por todas!

“Eu soube assim que Mahmud, Matt e eu terminamos “The Life and Death of Conan” em CONAN THE BARBARIAN, um dos destaques pessoais absolutos da minha carreira de escritor de quadrinhos, que eu não tinha contado tudo com o cimério favorito de todos”, disse Aaron. “Enquanto o rei Conan cavalgava ao pôr-do-sol no final dessa história, com seu filho, o príncipe Conn, ao seu lado, eu sempre soube para onde queria que essa história nos levasse a seguir. Agora, finalmente, vem o próximo capítulo, quando Mahmud, Matt e eu nos reunimos para revelar um momento crucial na vida de Conan como um rei, como um pai, como um inimigo mortal dos feiticeiros stígios adoradores de cobras e como um bárbaro que nasceu para perseguir o vento, até os confins da terra.”


“Por Crom, estamos finalmente trazendo o bárbaro que se tornou rei para os leitores”, disse Asrar. “É criminoso o quanto estou gostando de desenhar cada quadro nesta revista, considerando o que estamos fazendo com que ele passe.”

King Conan 1 está com previsão de lançamento para 15 de Dezembro nos EUA.

Marcus Pedro

Confira uma nova foto e entrevista com a atriz Lauren Ridloff de Eternos

 Em uma entrevista ao The New York Times, Lauren Ridloff falou um pouco sobre seu papel em Eternos, vivendo uma versão diferente da Makarri nos cinemas. Além de contar sobre como chegou ao papel, a atriz foi questionada se havia algum desafio logístico no set devido à sua surdez e contou sobre como Hollywood e até mesmo os cinemas podem se adaptar melhor ao público surdo. Confira:

"Eu trouxe meu filho para um teste - não posso te dizer para quê! - e o diretor de elenco me viu e queria me escalar para outra coisa. Então, alguns meses depois, o diretor de elenco entrou em contato com meu empresário e disse: "Queremos considerar Lauren para um filme da Marvel, e não posso dizer o que é." Eu estava tipo, ‘Espere, isso é a Marvel, sério?” Meu primeiro pensamento foi que talvez fosse "Pantera Negra". Aí recebi a ligação de que a diretora do filme queria me encontrar, então larguei tudo e vim para LA e Chloé Zhao e [o produtor executivo] Nate Moore falaram tudo e perguntaram se eu estava interessada, e minha resposta imediata foi sim" contou ela sobre como foi escalada.

Sobre as mudanças da sua personagem nos filmes em relação ao Makkari dos quadrinhos, que é um cara branco corpulento e não-surdo, a atriz disse "Para ser honesta, não sei muito sobre como eles tomaram essa decisão. Mas eu amo que eles decidiram fazer Makkari tudo o que ele não é nos quadrinhos - ele é um cara enorme, vamos encontrar alguém minúsculo. Ele é loiro, vamos encontrar alguém que tenha cabelo preto. Ele é um homem, vamos com uma mulher. Ele escuta, e agora o personagem está surdo". 

Ridloff mencionou que um dos desafios era a dificuldade em ser dirigida nas filmagens. "Quando as pessoas descobrem que trabalharão com atores surdos, elas pensam "Ela precisa de um intérprete", mas muitas vezes não percebem que precisam pensar em termos de recursos e apoio também" confessou ela.   Ela compartilhou sua frustração com sua co-estrela Angelina Jolie após um dia de filmagens e Jolie realmente propôs que usassem um apontador de caneta a laser e assim os efeitos especiais poderiam apagar facilmente na pós-produção.

"Em algumas cenas, eu tive que enfrentar uma parede. Como uma pessoa surda, como você é dirigida? Em um ponto, eu estava compartilhando minha frustração com Angie - Angelina Jolie - em uma festa de feriado após um dia de filmagem. E ela imediatamente fez uma sugestão - por que não usamos uma caneta a laser para que o pessoal dos efeitos especiais possam apagar facilmente depois?", Após essa sugestão, ficou tudo mais fácil para a atriz. "Foi um momento 'Aha, uau'. Sempre que eu estava olhando para uma parede, os intérpretes usavam uma caneta laser para fazer um círculo na parede - 'rolando, rolando, rolando' - e uma vez que ia embora, isso significava , 'Açao!"

Ridloff também foi questionada se ela se sentia confortável pedindo qualquer coisa que ela precisasse. "Comecei acreditando que precisava mostrar como sou fácil de trabalhar sendo surda. Fiquei preocupada em parecer muito frágil. Mas depois de trabalhar com outras pessoas, percebi que cada um tem seu próprio conjunto único de desafios, e que eu preciso pensar sobre o que eu preciso entregar como atriz, e não me desculpar por isso. "



Lauren então falou sobre o que o público deveria tomar como exemplo os Eternals, citando como ela quer ajudar as crianças surdas a se sentirem representadas na tela de uma forma que ela não era antes:

"Enquanto eu crescia, eu não sonhava em me tornar uma atriz. Eu não me via na tela. Quando criança, eu pensava que era uma das poucas pessoas surdas que caminhavam nesta Terra. Agora, como adulta , sei que existem pelo menos 466 milhões de surdos e pessoas com deficiência auditiva. Não sou a única. E é isso que significa ter uma super-heróina surda - muito mais pessoas verão, muito mais possibilidades" 

"Hollywood está finalmente descobrindo por que é tão importante ter representação, e agora é mais sobre como fazer isso. Essa é a parte mais complicada. Precisamos ter escritores surdos e talentos criativos envolvidos no processo de planejamento de projetos de filmes desde o início. Quando você tem especialistas surdos dentro e no palco, da equipe aos maquiadores, parece que isso leva naturalmente a uma representação mais autêntica na tela" disse ela.

E quanto para o público que assiste aos filmes? "Hollywood precisa assumir a liderança na legendagem de anúncios, trailers e aquelas pequenas entrevistas engraçadas com clipes que as celebridades fazem para promover seus filmes. Outra coisa que gostaria de ver melhorados são os detalhes da audiodescrição. Não é suficiente ver “a música está tocando” em uma cena - que tipo de música é? Feliz? Apavorante?" declarou a atriz.

Lauren disse que a maiorias das salas de cinema ainda não são bem adaptadas ao público. "Somos uma reflexão tardia nos cinemas e isso precisa mudar. Você tem que usar um dispositivo especial de legenda oculta para assistir à legendagem em uma sala de cinema, e é uma dor de cabeça, porque na maioria das vezes os dispositivos não funcionam. Então você tem que voltar para a recepção e encontrar alguém para ajudar, e quando eles descobrem que não está funcionando - que não vai ter legendas - o filme está na metade. Então respondem: "Bem, que tal eu te dar um ingresso grátis para o próximo filme?" E eu fico tipo, "Você está brincando comigo?" Isso não resolve o problema" desabafou. 

Em Eternos, uma raça de seres imortais com poderes sobre-humanos que viveram secretamente na Terra por milhares de anos se reúne para lutar contra os malignos Deviantes. O filme é estrelado por Gemma Chan como Sersi, Richard Madden como Ikaris, Kumail Nanjiani como Kingo, Lia McHugh como Sprite, Brian Tyree Henry como Phastos, Lauren Ridloff como Makkari, Barry Keoghan como Druig, Don Lee como Gilgamesh, Kit Harington como Dane Whitman, Salma Hayek como Ajak e Angelina Jolie como Thena.

Eternos estreia nos cinemas em 5 de novembro , com direção de Chloé Zhao.

Coveiro

Tom Holland e Jacob Batalon estão na Califórnia para mais gravações do Homem-Aranha



Tom Holland (Peter Parker) e Jacob Batalon (Ned Leeds) foram vistos na Califónia ontem, mais especificamente em Rosamond. Algumas imagens foram tiradas por uma fã e ele estava usando o traje do herói aracnídeo em uma delas. Apesar de não ser impossivel que sejam refilmagens, parece que dessa vez a dupla estaria junta pra gravações de materiais promocionais do filme Homem-Aranha: Sem Volta pra Casa. Algumas fontes acreditam que foi uma filmagem de um comercial de carro, algo que já aconteceu nos outros filmes. Confira:



Em Homem-Aranha: Sem Caminho para Casa teremos a volta de Tom Holland como Peter Parker/Homem-Aranha, Zendaya como Michelle Jones, Marisa Tomei como Tia May, Jacob Batalon como Ned Leeds, Tony Revolori como Flash Thompson, Angourie Rice como Betty Brandt, J.K. Simmons como J. Jonah Jamenson, J B Smoove como Sr. Dell, Martin Starr como Mr Harrington e Hannibal Buress como Técnico Wilson. No filme, também teremos Benedict Cumberbatch como Stephen Strange, Benedict Wong como Wong, Alfred Molina como Otto Octavius, Jamie Foxx como Electro, além de uma vasta lista de nomes que foram especulados. O filme será mais uma vez dirigido por Jon Watts e roteirizado por Erik Sommers e Chris McKenna. A previsão de estreia é para 17 de Dezembro.

Coveiro

Confira as primeiras imagens oficiais da Capitã Carter da Hot Toys

 Depois de um breve teaser, a Hot Toys finalmente liberou as fotos oficiais da Capitã Carter da série animada What If...? E junto com ela, também é possível antecipar um pouco do visual do Steve Rogers e do Hydra-Stomper. Confira:


A peça vem com duas cabeças com posição de cabelos diferentes, sete mãos intercambiáveis, um escudo, uma espada e uma pistola. A peça ainda vem com uma base temática para posicionar melhor a peça.

Coveiro

Mark Millar diz que veremos mais Zumbis Marvel no futuro da Marvel Studios

Os Zumbis Marvel podem voltar a Marvel Studios mais cedo do que a gente imagina. Ao menos, é o que relata um dos responsáveis pela criação deles. No boletim oficial de Mark Millar, via CBR, o escritor falou  sobre o quinto episódio de  What If ...?  que apresentou versões zumbificadas dos heróis MCU:

"(Se minhas fontes estiverem corretas) teremos um pouco de Zumbis Marvel em live-action mais adiante, mas você nunca ouviu isso de  disse o escritor. Seria um novo projeto? Provavelmente não. Antes dessa sua fala, haviam rumores de que teríamos de fato zumbis Marvel num certo filme de um Mago Supremo que vem por aí em 2022. Talvez seja a isso que Millar esteja se referindo.

Para quem não sabe, Millar foi quem introduziu o conceito durante sua execução no Quarteto Fantástico Ultimate, resultando em uma série limitada de cinco edições escrita por Robert Kirkman e ilustrada por Sean Phillips que funcionou de dezembro de 2005 a abril de 2006. Desde então, tivemos várias outras sequências de minisséries ligadas a esse universo Zumbi e um tanto de edições especiais.

Coveiro

quarta-feira, 15 de setembro de 2021

Excalibur: Através dos reinos do Extramundo

 Tivemos muitas mudanças em Excalibur após o Hellfire Gala e a mais notável delas é a saída da Vampira da equipe a partir da edição #21. No lugar, aparentemente, veremos nessas próximas edições a Meggan tomando discretamente a sua posição como membro ativa. A metamorfa empata ou elemental sempre teve vínculo forte com a equipe britânica e sua volta acaba se encaixando muito a esse retorno do grupo a raízes mais clássicas.


Com Betsy de volta também a nossa realidade, Excalibur retoma seu papel de junto com a Capitã Britânia de proteger os reinos do Extramundo em Excalibur #23. Fera é convidado para investigar uma rocha rara em Blightspoke, mas a recepção da xerife Gia Whitechappel mostra que as presenças deles não são bem vindas. Ela não permite que nenhum deles leve qualquer amostra de rocha do lugar, mas deixa com que Fera faça um scan tridimensional para estudar a pedra. Antes que partam, a Xerife deixa claro que há "outros" interessados naquelas rochas.

Enquanto isso, Peter Wisdow é ressuscitado em Krakoa e Meggan revela que ele foi usado como 'sacrifício' para uma magia que libertou Morgana Le Fay de novo. Wisdow também descobre as mudanças nas leis da Inglaterra, proibindo portais direto para lá e tornando-o um não bem-vindo na sua terra natal. Inconformado, resta a Wisdow somente admirar a Inglaterra pela costa da Ilha Braddock, agora separada da Grã Bretanha e parte de Krakoa.


Na reunião do Parlamento do Extramundo, a situação entre os representantes dos reinos anda bastante tensa. Em particular, Merlin está nada satisfeito com as recentes mudanças e o envolvimento de Mutantes (ou Crias de Bruxas, como preferem chamar) responsáveis pelos reinos de Dryador e Avalon. Em provocação, James Braddock pergunta curioso como o velho mago perdeu sua posição de Guardião Omniuniversal para Saturnyne, mas não tem resposta. Com as coisas ficando mais tensas, Merlim  questionou a força da Majestrix Omniversal e praticamente declarou uma guerra silenciosa a ela.

Mesmo a contragosto, Saturnyne viu que precisava da ajuda de Betsy e como Merlim também ameaçou os mutantes que estiverem no Extramundo, a Capitã Britânia disse que ela e o Excalibur iria se envolver. A Majestrix então concordou de revelar a Betsy como ela roubou a posição de Merlim se ela for investigar e descobrir os planos do velho mago contra ela.

Uma vez na Torre de Merlim, Excalibur soltou criaturas presas no calabouço e invadiu várias câmaras do lugar. A equipe chegou a ouvir novos gritos de prisioneiros mas não teve chance de avançar mais. Merlim chegou na hora e o time teve que literalmente arrumar uma porta de saída perfurando o chão. O grupo saiu da sala principal da Torre sem ter chance de ver o último prisioneiro do lugar - Rei Arthur em pessoa.

E ainda na edição #22, voltando a Peter Wisdow, vemos o mutante britânico fazendo um grande pedido ao Cinco Ressuscitadores de Krakoa. Após algumas pesquisas, ele toma ciência que os falecidos agentes da extinta S.T.R.I.K.E., eram na verdade mutantes. Sendo assim, voltam a vida os agentes Tom Lennox (Ghast), Alison Double (Albedo), Kevin Mulhearn (Xanth) e Vicki Reppion (Rubedo). Wisdow tem grandes planos pra eles.


Na edição #23, temos a participação especial de Victor Vom Doom na historia. O déspota da Latvéria veio até a Ilha Braddock afim de pedir passagem para o Extramundo e ir buscar algo em particular que estaria no castelo da Morgana le Fay. Como é preciso estar junto com um mutante para um humano normal passar pelos portais de Krakoa, Victor vem carregando em seu colo um bebê latveriano mutante e isso horroriza Betsy, que o proíbe de passar com ele. Rictor, cada vez mais conhecedor de magia, avisa que não é assim que as coisas funcionam no portal.

A Capitã Britânia decide que ela e Excalibur irão guiar Destino pelo Extramundo contanto que ele deixe a criança em segurança deste lado. Destino aceita a oferta e Elizabeth Braddock o alerta que muita coisa mudou no Extramundo. E assim eles entram em acordo e vão juntos para a jornada, começando por uma passagem em Avalon. Eles vão até o Vale das névoas lamentadoras, onde antes ficava o castelo de Morgana Le Fay, mas a construção não estava mais lá.

Com a ajuda de Jubileu, que usou seus poderes para se comunicar com fadas de luzes, a equipe descobriu que alguém pegou o castelo para vender e que eles deveriam olhar no Mercado Paralelo de Jim Jaspers. Excalibur partiu então para esse outro reino do Extramundo. Enquanto o resto da equipe ficou rodando pela cidade bebendo e jogando, Victor Von Doom e a Capitã Britânia foram até a casa de Jaspers obter pistas de onde estaria o castelo de Le Fay. Jim Jaspers, uma figura irreverente demais para Destino, já o estava irritando, mas acabou lhe entregando uma "caixa com os últimos pertences" da ex-namorada e dizendo que lá estaria o que Doom queria. Destino achou que era uma zombaria e já perdia a paciência com Jim.


Enquanto Jim e Victor tentavam chegar em um acordo, um exército de Fúrias chegou até o Mercado Paralelo. Quando sua casa foi destruída por um dos raios, Jaspers decidiu dar a caixa de Morgana pra Doom e atender seu acordo. Já Betsy partiu pra reunir a equipe e lidar com o problema dos Fúrias. No meio do conflito, as fúrias afirmaram que estavam ali atacando a pedido do Mestre da Forja Federal e que ele obedecia o Rei recém-retornado, Arthur. Betsy pareceu não entender bem, mas convenceu os fúrias de que o grupo dela tinha permissão de ficar ali. As fúrias voltaram para seu reino e disseram que na próxima vez nenhum "amigo de Mordred" seria poupado.

Assim, de volta a nossa realidade, descobrimos que de fato Destino conseguiu o que queria, já que na caixa estava o Castelo minituarizado da Morgana Le Fay. Em troca, ele deixou com Betsy as águas que trouxe do Extramundo e disse que elas poderiam revelar muitos segredos a quem pudesse lê-las. Ao usar as águas ao final da edição #23, Betsy tem uma visão e entende o termo "amigo de Mordred". Ao que parece, Arthur Pendragon expulsou seu filho Mordred não por ele ser mal, mas sim por ser um mutante". O termo 'Amigo de Mordred' e 'Cria de Bruxa' eram portanto a mesma coisa, um pejorativo para quem nascia com o gene X.


E mais do Extramundo vai ser explorado nas próximas edições de Excalibur por Tini Howard e Marcus To, onde aos poucos teremos a superequipe passando por mais dos reinos Justos e Ímpios sendo visitados. E enquanto isso, ficamos pensando em qual o plano de Merlim e porque ele mantém Arthur preso às escondidas.

Coveiro

Os Mutantes ganham seu "Capitão Krakoa" em X-Men #6

 Os Vingadores podem ter o Capitão América, mas os novos X-Men estão prestes a ter o Capitão Krakoa. Com exclusividade, a Marvel Comics forneceu à ComciBook.com uma primeira olhada exclusiva na capa e na solicitação de X-Men # 6 do escritor Gerry Duggan (Carrascos, Cable) e do artista Pepe Larraz (House of X, X of Swords). 



O texto de solicitação para a nova edição, que será lançada em dezembro, sugere que Ciclope, Capitão Comandante de Krakoa, não está muito interessado em ter este herói se juntando aos X-Men. A sinopse diz: "O QUE ACONTECEU COM O CAPITÃO KRAKOA? Há um novo herói nos X-Men. Quem é ele? Por que ele está aqui? E por que Ciclope não o quer no time?"

Enquanto isso, Duggan sugere que o capitão Krakoa pode ter uma missão maior, dado o novo papel de Krakoa no palco cósmico. "Os Heróis de Krakoa têm outro presente para seu planeta natal: um herói altruísta das costas de Krakoa que defenderá a Terra até o último suspiro", disse Duggan. 

A Marvel Comics relançou sua série mensal dos X-Men após o Hellfire Gala, onde mutantes, pela primeira vez, elegeram a nova lista de membros da equipe dos X-Men. Agora eles estão voltando ao papel de super-heróis, que eles haviam abandonado desde a fundação de Krakoa. A equipe mistura X-Men veteranos e mutantes mais jovens, incluindo Ciclope, Garota Marvel, Vampira, Polaris (que ganhou a votação dos fãs dos X-Men), Sincro, a Wolverine Laura Kinney e Solaris.

A edição X-Men #6 sai em Dezembro nos EUA.

Coveiro

Artistas fazem capas variantes imortalizando momentos do Hulk para Immortal Hulk 50


O final de uma das séries de quadrinhos mais aclamadas pela crítica na história recente chega no próximo mês com IMMORTAL HULK # 50, uma edição especial de tamanho gigante que apresentará a conclusão épica de anos de desenvolvimento, mistério e acréscimos movidos a Gamma ao Mitologia do Hulk. Para comemorar o fim desta jornada inovadora, alguns dos principais artistas da indústria entregaram capas variantes de ‘Immortal Moments’ que retratam alguns dos destaques das últimas 49 edições.

Essas oito capas permitirão aos leitores reviver os seguintes momentos de tirar o fôlego ao longo desta saga incrível:









· Ron Lim imortaliza a descoberta de Hulk do pai de Del Frye com radiação gama do IMMORTAL HULK 2;

· Ed McGuinness imortaliza a luta brutal entre o Homem Absorvente vermelho e o Hulk do IMMORTAL HULK 9;

· Gary Frank imortaliza o momento culminante do arco "Hulk no Inferno", onde Devil Hulk avisa Bruce que sempre o protegerá de IMMORTAL HULK 13;

· Carlos Pacheco imortaliza a estreia do híbrido Rick Jones / Abominável de IMMORTAL HULK 17;

· Creees Lee imortaliza o confronto inicial de Hulk com a nova manifestação de Betty de sua persona Harpia Vermelha de IMMORTAL HULK # 19;

· Sanford Greene imortaliza o vislumbre do futuro potencial de Hulk como o Destruidor de Mundos de IMMORTAL HULK 25;

· InHyuk Lee imortaliza Hulk lutando contra seu substituto apoiado pela Roxxon, Xemnu, de IMMORTAL HULK 31;

· Jen Bartel imortaliza a revelação da verdadeira aparência do Hulk Demônio em IMMORTAL HULK 38;

Immortal Hulk 50 tem previsão de lançamento nos EUA em 13 de Outubro.

Marcus Pedro

Tim Roth fala sobre sua volta ao papel do Abominável

 


Treze anos depois de seu papel como Emil Blonsky (Vulgo o Abominável) em  O Incrível Hulk de 2008, Tim Roth volta ao UCM. Tivemos uma breve aparição em Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, e agora Blonsky irá também aparecer em Mulher-Hulk em 2022 na Disney + estrelando Tatiana Maslany como Jennifer Walters e Mark Ruffalo como Bruce Banner/Hulk. Ao conversar com o The Hollywood Reporter, Roth se abriu sobre retornar ao papel e deu crédito a Mark Ruffalo por ajudá-lo a encontrar seu caminho na atuação mo-cap.

"Eu fiz o Incrível Hulk  anos atrás, só porque pensei que meus filhos ficariam envergonhados com isso. Eu fiz isso por eles e realmente gostei de fazê-lo. Então, eles vieram até mim e disseram: “Estamos adaptando essa coisa da Mulher-Hulk. Você pode voltar como aquele personagem de novo? ” Eu fiquei tipo, com certeza. Isto deve ser divertido. Fiquei muito surpreso porque foi difícil no início. Foi só quando Mark Ruffalo entrou para filmar suas coisas [reprisando seu papel como Bruce Banner] que eu disse: “Oh, é assim que você faz! Com senso de humor!" 

Desde seu papel em HULK, Roth tem estado muito ocupado desde que trabalhou em projetos como Twin Peaks, The Hateful Eight, Hardcore Henry e protagonizou a série de TV Lie to Me. Agora, ele é umdos nomes associados a série da Verdona mais amada da Marvel ao lado de Tatiana Maslany, Mark Ruffalo, Jameela Jamil, Ginger Gonzaga e Josh Segarra. A série conta com Kat Coiro na direção e Jessica Gao nos roteiros.

Coveiro



Andy Serkis dá sua opinião sobre o encontro de Venom e Homem-Aranha


Bem, em uma nova entrevista, o diretor de Venom: Tempo de Carnificina, Andy Serkis, abordou a questão de um crossover de Homem-Aranha e Venom, e confirmou que sim, isso vai acontecer - mas, novamente, o "quando" e o "como" são as grandes questões fundamentais:

"Olha, essa é a pergunta que está na boca de todos" disse Serkis ao IGN. "Eles querem saber se Venom vai encontrar o Homem-Aranha, mas pessoalmente, isso nunca vai acontecer. Estou só brincando, é claro que vai acontecer ..."

Serkis se sente bem em fazer essa proclamação porque - como afirmado repetidamente - todo mundo sabe que é inevitável. No entanto, o diretor de Venom 2 adiciona a importante nota contextual de que ver Venom e o Homem-Aranha juntos nas telonas não é um evento que deve ser apressado, pois os fãs perderiam a jornada potencialmente mais rica para chegar lá:

“Olha, depende de quando você quer chegar lá e também de qual é o apetite”, explicou Serkis. "Se as pessoas querem mais histórias de Venom, então, pule direto para o Homem-Aranha, você pode estar perdendo tantos grandes supervilões entre agora e então. Então, de certa forma, correndo para isso, você pode estar fechando a porta."

Mas quais supervilões? Um dos primeiros exemplos do diretor foi "Toxina", um personagem que já está em Venom: Tempo de Carnificina; E então Serkis fez menção de "todas as outras simbioses disponíveis. "Considerando que, se as pessoas estão amando a tradição, então eu acho que todos os outros personagens que estão no cânone, que estão lá na tradição de Venom - por exemplo, todos os supervilões que estão em Ravencroft, o instituto para criminosos insanos - você sabe, pode haver algumas histórias fantásticas. Existem outros personagens como Toxina, e todos os outros simbiontes antes disso. "

Para encerrar o assunto, Andy Serkis diz que ao se apressar pra ter o Homem-Aranha, "eles estarão sacrificando todas essas coisas. Mas, claro, sim, todo mundo quer ver Venom lutando contra o Homem-Aranha ... e é o apetite, o quanto as pessoas querem ... eles estarão sacrificando todas essas coisas se quiserem correr direto para isso." 

Tom Hardy volta como Eddy Brock/Venom e se junta a Woody Harrelson como Cletus Kasady/Carnificina. Michelle Williams e Reid Scott também estão programados para reprisar seus papéis de Venom, e eles serão acompanhados por Naomie Harris como a vilã Shriek, e Stephen Graham como o policial Patrick Mulligan. Sean Delaney, Laurence Spellman e Larry Olubamiwo também estão a bordo em papéis não revelados. O diretor da sequência é Andy Serkis e o roteiro é uma parceria de Kelly Marcel e do próprio Tom Hardy. Agora, a nova data de estreia do filme é 1 de Outubro nos EUA e 7 de Outubro no Brasil.

Coveiro

Viúva Negra retorna para o seu traje clássico na sua edição de Dezembro


Antecipando os anúncios de Dezembro dos títulos da Marvel, foi anunciado alguns detalhe da edição 13 da Viúva Negra, título da editora ganhadora do prêmio Eisner, sob o roteiro de Kelly Thompson e com a arte do estreante Rafael Pimentel. Nessa edição teremos o retorno do uniforme cinza clássico dos quadrinhos, que estreou sob os cuidados de Frank Miller, no seu arco em Demolidor.

A Viúva Negra não conhece o medo, mas tudo muda quando ela enfrenta uma ameaça de seu passado! Mas como alguém poderia ter tanto controle sobre a Viúva Negra? Você acha que conhece a história do tempo de Natasha Romanoff em Madripoor, mas nunca testemunhou sua maior luta - e sua derrota mais decisiva.

"Já faz algum tempo que estou muito empolgado com essa questão, tanto porque acho que mostra muitas das coisas que amamos na Viúva Negra (para não mencionar um dos meus trajes clássicos favoritos!) - mas também porque é um arriscada e uma abordagem não convencional de um arco - quebrar no meio de seu arco para contar uma sequência estendida de flashback do passado de um personagem - não é feito dessa forma normalmente e estou tão animado que a Marvel nos deixou tentar," Thompson explicou. "Eles nos permitiram atingir a Viúva Negra de algumas maneiras inesperadas e estamos nos divertindo muito. É uma questão aparentemente simples, mas tem um impacto real e espero que os leitores amem."

Foram apresentadas também a arte das capas da edição de Dezembro que conta com os trabalhos de Adam Hughes (capista da série), a Stormbreaker Peach Momoko e o estreante Rafael Pimentel.





Black Widow 13 tem previsão de lançamento nos EUA em 15 de Dezembro desse ano.

Marcus Pedro