Guardiões da Galáxia vol.2

Entre na dança e veja o que achamos do filme!

MANTIS

Conheça a versão dos quadrinhos dessa misteriosa personagem que chega aos cinemas

Classicos de Logan

Mutação em Debate revisita as histórias do baixinho canadense

THOR: RAGNAROK

Deus do Trovão e Golias Verde voltam a se encarar em Novembro

Inumanos vs X-Men

Mutação em Debate discute o fim da minissérie

LEGIÃO

FOX surpreende em sua primeira série Mutante. Veja o que achamos de Legião.

Cabeça de Teia nos cinemas

Homem-Aranha de volta a Marvel

DEFENSORES

Saiba as novidades da série do ano pelo Netflix

Conheça os Inumanos

Os seres mais misteriosos do universo ganham um seriado de luxo

PUNHO DE FERRO

O que achamos da nova série da Marvel no Netflix?

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Homem de Ferro dos pés à cabeça... ou só na cabeça!

Quem não ia querer uma réplica do capacete do Homem de Ferro??? Tá, só eu?? Pode ser coisa de fanboy desesperado, mas que é legal, é legal, e estará disponível... nos EUA.


Homem de Ferro o Filme


Pra continuar matando os fãs brasileiros de inveja, no lançamento do DVD duplo e do Blu-ray nos EUA, será lançado uma série limitada de capacetes da armadura Mark III de Tony Stark, que na verdade servem de porta-dvd do filme. Apenas algumas lojas irão ter o produto e, com certeza, acabará bem rápido.

Mark 3 dvd


Mais uma das várias surpresas que vêm com o lançamento desse DVD e mais um jeitinho de agradar os fãs e o bolso da Marvel na onda do sucesso do filme do herói. Não que alguém esteja reclamando.

Alguém manda isso lá dos EUA pra mim???

Cammy

O dia em que o Hulk visitou o Instituto Xavier...

Caso você não estivesse perdido em meio a uma guerra espacial num sistema tão distante quanto o Shiar nos últimos dias, deveria saber que o Hulk finalmente retornou do mundo de Sakaar com uma fúria nunca antes vista. Com ele, vieram o Pacto de Guerra e juntos decidiram fazer os culpados pelo exílio do seu “Rei Verde” pagarem por suas decisões. Com isso, era de se esperar ninguém além de Tony Stark, Reed Richards, Stephen Strange e o inumano Blackagar Boltagon sofresse as conseqüências dessa equivocada decisão, correto?

Xavier

Bem, não é exatamente assim que pensa o Hulk. Ao descobrir que o grupinho seleto encabeçado pelo Homem de Ferro também incluía um certo velhote careca numa cadeira de rodas, o Golias Esmeralda decide bater na porta do Instituto Xavier para Jovens Superdotados, em Westchester.

O evento acontece justamente poucos dias depois da chegada de Charles do espaço. Ele mal saberia da questão “Planeta Hulk”, se o próprio Stark não o tivesse relatado sobre a reunião emergencial que os outros cinco illuminati tiveram durante sua ausência e que acabaram levando o verdão ao espaço. Curioso, Tony inclusive o questiona sobre qual decisão Charles tomaria caso estivesse presente.

Contudo, a pergunta de Stark fica no ar. Charles, na verdade, encontra-se enfrentando um problema bem maior desde o Dia-M, quando a população mundial de mutantes simplesmente reduziu drasticamente. E desde então, o professor X mantém-se enclausurado no cérebro em busca de resposta para esse problema. Nada o tirava de sua incansável tarefa até o dia em que o Hulk chegou.

Primeiro, os Sentinela da UNI partiram apressadamente sem nenhum explicação. Depois, viram a mensagem pela TV. Por fim, o chão estremeceu e, então, todos puderam ver o Hulk nos jardins do Instituto. Fora Xavier e os mais jovens, apenas Hank McCoy, o adorado Fera, estava presente e pouco tempo havia para esconder os alunos da fúria do Monstro Verde.


Hulk quer Xavier

E enquanto o pedido de socorro para os demais X-men seguia, a jovem equipe escolhida por Emma para compor os novos X-men decidiram fazer uma linha de defesa contra o Hulk. Mesmo sem tanta experiência, eles já haviam lutado contra a morte certa mais de uma vez e certamente dariam algum trabalho ao monstro.


Hulk massacra Novos X-men

Guiados por McCoy, os meninos conseguem bolar uma boa estratégia. Hank faz com que Elixir use o seu “Toque da Morte” e sobrecarregue o fator de cura do Golias para que os demais partissem com toda determinação que a juventude lhes permitiam. Isso apenas garantiu o tempo para a surpreedente equipe de X-men liderada por Ciclope chegue e Wolverine mostre que está disposto a continuar velhas lutas.

Contudo, Xavier apareceu no jardim e ordenou para todos parassem. Como o Hulk pediu, ele veio para lidar pessoalmente suas questões. Em uma rápida leitura de mente, enxergou tudo o que o gigante sofreu em Sakaar e entendeu sua fúria. Xavier lamenta as perdas sofridas, mas afirma que sequer estava na reunião dos Illuminati que decidiu aquele destino ao Hulk.

O raivoso Hulk, no entanto, não tinha se dado por satisfeito em ter os quatro culpados diretos. Ele exigia saber inclusive o que teria decidido Xavier caso estivesse naquela votação dos Illuminati. E eis que o professor olha assustado tanto quanto nós, leitores, para a justificativa do Hulk em querer causar tanta confusão ali.


Xavier

Coloque-se na situação. O Hulk, aquele brutamontes verde e pavio-curto, bate em sua casa para dizer que seus amigos o sacanearam e que ele acabou de acertar a conta com todos eles (provavelmente de uma maneira nada cordial). Então, ele chega pra você e pergunta se você também ferraria ele como os outros se estivesse junto. Qual sua resposta?

Chega até a ser engraçado quando Emma Frost dá uma dica mentalmente para Xavier, mas parece que o velho professor resolveu aproveitar a situação para se redimir – ao menos, aparentemente – de algumas de suas velhas decisões ali mesmo.

Charles diz que não só no caso do Hulk, mas inúmeras vezes nas questões mutantes chegou a tomar decisões unilaterais e passando por cima de qualquer ética. Indiferente a decisão que tomaria, Xavier se diz culpado de bancar o Deus e aceita entregar-se ao castigo do Hulk.

Fica aqui um questionamento particular meu se neste momento, Xavier estava mais uma vez sendo sincero ou se aquele discurso se direcionava totalmente para ele avaliar a reação de seu adorado pupilo, Scott Summers. Mesmo o roteirista Chris Cage não sendo claro, a dubiedade desta cena mostra-se o ponto mais curioso da revista.


Hulk vs X-men

Como era de se esperar, a decisão de Charles nada muda a determinação dos X-men em deter o Hulk. Eles não o deixaram levar Xavier sem uma boa luta. A equipe entra em ação e mesmo Ciclope dando o máximo de suas rajadas ópticas e Kitty Pryde enterrando o gigante verde no chão, nada parece deter o Hulk por muito tempo.

Ao longe, os demais alunos observam seus professores prestes a cair. Sabendo que nada podem fazer diretamente contra o gigante esmeralda, as irmãs cuco lançam um chamado mental a longa distância convocando os demais grupos mutantes. E com esse chamado, um ex-vilão dos X-men que é bem conhecido do Hulk acabou decidindo comprar a briga – O Fanático.

Seja para salvar a vida de seu meio-irmão ou para acertar velhas contas com o verdão, Cain Marko decide pedir auxílio ao rubi de Cyttorak, que guardou na sua gaveta algumas missões passadas. E atendendo ao pedido do Fanático, a jóia cria um portal que instantaneamente o leva até Westchester.



Xavier

Poucos X-men sobraram em pé. O Hulk acabara de entortar as mãos metálicas de Colossus e socar a cabeça de Wolverine até a inconsciência quando finalmente Cain chegou ao campo de batalha. Mesmo sem o poder total, Cain encara o Hulk, mas não se mostra nenhuma grande resistência.

Com isso, o Hulk já deveria dar a luta por encerrada, mas para sua surpresa chegam os X-men liderados por Noturno e a equipe de investigações mutantes X-factor. Ao que parece, mesmo com o número reduzido, existem sempre um mutante a mais querendo se por em seu caminho.


Xavier

O terceiro round começou, contando desta vez com mais mutantes e com poderes bem diversos. Todavia, a força bruta do Fortão e Monet, a agilidade do Apache, a capacidade adaptativa do Darwin e o grito sônico de Syrin são irrisórios ao poder do Hulk naquele estado de fúria. Nem mesmo a ótima estratégia articulada por Hepzibah e Noturno dão algum resultado contra o monstro.


Xavier

Só que a maior das lutas ainda estava para acontecer. Ao retirar o rubi de Cyttorak de seu bolso, Cain reclama a totalidade de seus poderes. A voz do demônio da jóia barganha com o Fanático sobre suas verdadeiras intenções naquela luta e, por fim, lhe concede o poder ilimitado que o tornará “indetível”.


Xavier

A luta entre os dois titãs praticamente coloca os alicerces da mansão a tremer. Provavelmente sabendo que aquele combate não definiria nenhum fácil vencedor, o Hulk aproveita-se de uma distração do Fanático e maliciosamente o empurra para fora dos limites da escola ganhando tempo suficiente para resolver suas questões ali.

Naquele instante, não havia mais ninguém entre ele e Xavier. Finalmente, o Hulk estaria a um passo de levá-lo, mas uma vez mais um de seus fiéis alunos se interpõe. Mercury, que pouco tempo atrás tanto sofreu nas mãos de cientistas tiranos do “Programa” , se lança contra o gigante.

Para o Hulk, nada mais que um golpe é suficiente para afastá-la. O Professor X corre em seu auxílio e a garota aos prantos ainda tenta defendê-lo. Desta vez, no entanto, ela usa palavras:

Você quer falar de sofrimento? Olhe a sua volta!” diz ela mostrando as tumbas de velhos companheiros mutantesNão vem me dizer que a gente não sofreu. E muito menos falar para não lutar pelo pouco que sobrou?


Xavier

Destemida, a garota acaba cuspindo na cara do Hulk a imaturidade de suas recentes ações, que acaba sendo nada mais que um reflexo da mesmas cometidas por aqueles que ele declara como inimigos. As palavras de Mercury têm peso. O Hulk parece refletir e para.

Assim como o Hulk, os mutantes sempre foram perseguidos e incompreendidos. Muito mais que o Hulk, eles viveram desde o começo grandes perdas, sempre tendo que encarar a morte de seus iguais. E muito diferente do Hulk, eles aprenderam que a resposta contra a ignorância da humanidade nunca foi uma reação violenta e estúpida. Afinal, eles são X-men e, por mais que os outros o chamem de monstros, eles lutam para realização de um sonho, e não para tornar o mundo um pesadelo.

Após o combate, a vida continua na Mansão X. Os feridos se erguem e as crianças voltam a sorrir. Até mesmo recentes desavenças parecem deixadas para trás. Das ruínas, certamente eles vão se reconstruir... mais uma vez.


Xavier

Já o “Rei Verde” volta de mãos vazia para seu trono. Mais uma vez, opta por ficar sozinho, deixando seus leais súditos ao longe e cheio de questionamentos. Cabisbaixo, o Hulk resmunga impaciente querendo logo o fim dessa sua incoerente Guerra.

Coveiro

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Cenas deletadas e Extras do Homem de Ferro

Mascara de Ferro

Nesta semana, é finalmente lançado o DVD do Homem de Ferro no Brasil e EUA. E junto ao filme, os fãs poderão ter acesso a uma infinidade de extras que vão desde o conceito artístico por trás da armadura até a produção de efeitos visuais feita pela ILM. Alguns desses materiais encontram-se até disponibilizados na internet, como é o caso das cenas deletas a seguir.

Diversão no Jato particular

Iron Man Extended Scene - Fun on the Plane


Stark após combate

Iron Man Deleted Scene – Pepper and Tony in Dubai


Tony de volta a civilização

Iron Man Deleted Scene – Tony Comes Home


Outros videos disponíveis são os testes de efeito especiais criados pela ILM para o Homem de Ferro. Abaixo segue dois deles também disponíveis no DVD lançado essa semana:

Teste de Vôo

ILM Iron Man Test


Efeitos visuais

Visual Effects of Iron Man


Por fim, algumas imagens com conceitos artístico do desenhista Adi Granov e outras imagens dos bastidores do filme foram disponibilizadas na galeria de fotos do Yahoo Movies.

Coveiro

Thunderbolts: Medidas Desesperadas

* Artigo escrito por nosso colaborador, Bruno Bello

Suplício

Dando uma pequena pausa na história desenhada pelo Mike Deodato Jr e escritas pelo Warren Ellis, a Panini publicou esse mês uma história dos Thunderbolts paralela à "Fé em Monstros". O foco desta vez é Suplício, o antigo Speedball dos Novos Guerreiros.

Nela, vemos Norman Osborn em seu escritório conversando com Robert Baldwin. Ele exige mais disciplina do garoto, pois está investindo duro na equipe e não quer correr nenhum risco de perder seu investimento. Suplício não tem nanitas no corpo como os outros, por isso acaba se tornando uma pedra no sapato de Osborn, que precisa de mais trabalho para mantê-lo na linha.

Suplício

Como não pode expulsar Suplício da equipe, Osborn decide por em prática um plano para acabar de vez esse problema. Para isso, ele conta com a ajuda do Mercenário, o membro da equipe que certamente mataria o resto do time se tivesse a chance para isso.

Após interrogá-lo em sua cela, Osborn impõe que ele comande a próxima missão e leve Robbie junto. O objetivo é conter o foragido Americop, um homem que resolveu fazer justiça com as próprias mãos depois de se desiludir com o ritmo lento do sistema jurídico.

Osborn monta seu plano com perfeição. Primeiro, deixa Rocha Lunar de fora da missão, dizendo que houve um descuido na hora de enviar a ela os detalhes da operação. Depois, ele ordena que nenhum dos outros T-Bolts ataquem o alvo e deixem tudo nas mãos de Mercenário e Suplício, que estão seguindo Americop com uma motocicleta invisível.

Suplício

Durante a perseguição,o Mercenário salta da moto sem avisar Suplício e o veículo se choca com o carro do Americop, que cai desacordado depois de uma pancada. Ainda assim, Americop consegue se levantar e parte para a briga contra o Mercenário e Suplício. E nítidamente o herói foragido mostra vantagem.

Percebendo que a luta está perdida, o Mercenário arrasta Robbie para um galpão e acaba levando um tiro na perna. Estando acuado, lhe resta um último artifício que lhe foi sugerido pelo Osborn. Ele diz que não tem permissão pra matar, mas pode chegar bem perto disso com Robbie, que começa a ser espancado. Consequentemente, o poder de Suplício é ativado. As ondas de choque são tão grandes que os aparelhos elétricos ao redor explodem e oitenta e cinco por cento das sinapses do Americop ficam detonadas, levando-o ao chão.

Suplício

Mesmo com a missão concluída, o Mercenário continua a espancar o parceiro e é necessário que Osborn ative os nanitas em seu corpo para fazê-lo parar. Norman sorri com a precisão do sucesso de seu plano.

Ao retornarem a Montanha dos Thunderbolts, Norman volta a conversar com Robbie e diz que aquela foi uma medida necessária para que Robbie usasse todo o poder acumulado que ele tinha. Então, Suplício fala que Norman está enganado e confessa que poderia ter feito muito mais. Só dependia dele.

Como prova disso, Robbie dá uma amostra de seu poder. Todos os aparelhos elétricos do escritório de Osborn terminam fritados e o dirigente dos Thunderbolts acaba por concordar com um sorriso amarelo que o garoto está “começando a demonstrar potencial”.

Suplício

Pelo que foi mostrado na história, Suplício agora tem um controle muito maior de seus poderes. E sua capacidade é muito maior que a esperada. Sua personalidade também mudou muito depois de Stamford. Agora ele parece mais firme e decidido. Com certeza ele é um novo Thunderbolt.

Bruno Bello

domingo, 28 de setembro de 2008

Um Dia a Mais

Peter Parker iniciou sua carreira como super-herói ao perder tragicamente seu tio Ben. Desde então, inúmeras tragédias assolaram o herói: perda do 1º amor e de seu pai, morte do melhor amigo, clones, perda da filha, mudança de poderes, antigas traições da namorada, revelação da identidade e, recentemente, o atentado à May Parker. A partir de Homem-Aranha 81, começa a busca de Peter por Um Dia a mais com sua tia.

Homem-Aranha

Ao lado do leito hospitalar de sua tia, Peter relembra os últimos acontecimentos desde que revelou sua identidade ao mundo. Ele se culpa pela atual condição dela, pois essa revelação o tornou um alvo mais fácil, fazendo uma bala ser disparada contra ele, mas que acabou acertando a senhora.

Homem-Aranha

Como se não bastasse isso, o Dr.Fine se aproxima, explicando que a falta de um seguro ou de pagamento obrigará o hospital a transferi-la para a ala de caridade. Isso, claro, provoca um ataque de raiva em Peter.

Ele deixa a tia aos cuidados de Mary Jane, saindo para visitar, segundos suas palavras, alguém de conta bancária recheada. Antes de sair, o médico revela que o reconheceu e tentaria ajudar o máximo que pudesse, pois o Homem-Aranha havia salvado seu tio, mas que não poderia mudar as exigências do hospital.

Peter, como qualquer um imagina, vai até o homem mais importante do Universo Marvel atual, que aparece ou é mencionado em todas as histórias. Claro que a invasão da Torre não é bem vista.

Homem-Aranha

Peter usa suas teias para bloquear os jatos da armadura, porque não quer que o Homem de Ferro se vá antes que ele termine. Stark acusa Parker de traição e ameaça prendê-lo.

Uma rajada de energia em potência máxima indica que Peter irá perder, mas ele dispara o máximo de suas teias, com um resultado até divertido.

Homem-Aranha

Peter então conta todo seu drama, revelando a condição de sua tia. Ele culpa Stark, que prometeu que seria seguro para MJ e May a revelação da identidade, mas não foi bem assim. Nosso gêniozinho de plantão só esqueceu que Stark não garantiu essa segurança para um fugitivo do registro.

De qualquer forma, Peter apela aos sentimentos de amizade que Tony tinha por May e pede ajuda. Este diz que fazer isso seria fornecer ajuda à um foragido, o que comprometeria sua posição e arruinaria tudo que foi construído desde a Guerra Civil. O Homem de Ferro parte, apenas dando a chance do Aranha poder se despedir da Sra. Parker, mas garante que uma próxima vez resultará em prisão.

Peter retorna de mãos vazias, mas garante para sua esposa que vai fazer o que for preciso para ajudar, até mesmo vender sua alma. Felizmente, isso ainda não é necessário, pois Jarvis aparece, com uma conta corrente de dois milhões de dólares. Cortesia, claro, do Sr.Stark.

Homem-Aranha

O Homem-Aranha então sai, ignorando as previsões pessimistas do Dr. Fine e determinado a salvar sua tia, mesmo que atravesse os portões do inferno.

Como a ciência considerou humanamente impossível May se restabelecer, o Aranha procura alguém que está acima das condições naturais.

Homem-Aranha

Infelizmente, mesmo para o mago supremo Stephen Strange há limites. Ele diz que todos morrem, querendo mostrar para o atormentado rapaz que isso faz parte do ciclo da vida. Peter diz que aceitaria uma morte por idade, daqui uns anos, mas não dessa forma. Strange pergunta qual seria a diferença e o rapaz responde que se ela morre agora, seria por sua culpa, algo que ele não suportaria.

Diante da dificuldade do Aranha em aceitar os argumentos de Estranho, o mago utiliza-se de um artefato chamado "Mãos da Morte", que permitiria viajar pelo espaço-tempo. Peter logo tem a idéia de voltar no tempo e impedir o tiro fatal, mas a idéia de Stephen é enviá-lo a qualquer lugar no presente, para que pudesse pedir ajuda.

Homem-Aranha

E é o que ele faz, desde a Falecida dos X-Táticos até o Dr. Destino, conseguindo a mesma resposta de todos. Ao que parece, May Parker irá mesmo morrer e nada poderá ser feito.

O Aranha, claro, não se dá por vencido e, em um momento de distração de Estranho, recita as palavras mágicas e utiliza o artefato para viajar no tempo.

Só que, sem sorte como sempre, o máximo que ele consegue é sofrer novamente, uma vez que fica em estado imaterial e invisível, podendo apenas testemunhar o atentado novamente. Além disso, ele é severamente atacado por estranhas criaturas, sendo bem ferido e salvo pela chegada do Dr. Estranho.

Homem-Aranha

O mago explica que as criaturas são os Transeuntes Noturnos, que possuem a missão de impedir que a história seja alterada. Ele leva o Aranha ao seu santuário, mas retorna um pouco mais no tempo, para um dia em que sua versão futura não se encontrava.

Enquanto começa o processo de cura do Aranha, um visitante chega ao santuário e se trata do próprio Aranha. Esse encontro foi mostrado na edição nº17, onde ninguém soube que era um Strange do futuro.

Ao retornarem para o presente, Strange aconselha ao rapaz que vá se despedir de sua tia, pois seria muito importante ela partir ciente do amor do sobrinho, como um último presente. Peter chora e nada mais diz, saindo do santuário.

Ao se afastar, lembra das palavras de Strange, que todos morrem e não se pode mudar isso, mas uma voz o chama dizendo: "-Ele tem razão. Você não pode mudar nada. Mas eu posso."

Homem-Aranha

Quem seria essa misteriosa garotinha? Respostas na conclusão da próxima edição.

Um Dia a mais (One More Day, no original), acredito eu, foi a mais polêmica história do Homem-Aranha de todos os tempos. Mais do que os clones e, até mesmo, do que os gêmeos de Gwen Stacy.

Muita gente vai querer viajar nas Mãos da Morte e tentar mudar o passado, mas isso não é possível. Só nos resta ler a história e, como fãs, julgar se ela foi necessária ou não e, principalmente, se renderá boas coisas para o personagem no futuro.

É aguardar.

Eddie

Atenção: Sabemos que muita gente já tem conhecimento do que ocorrerá com o Homem-Aranha. Porém, muita gente ainda não leu. Portanto, agradecemos que se mantenha o mistério e não se faça nenhum comentário com SPOILERS.

Dan Slott e os seus Vingadores

* Atenção! Informações inéditas no Brasil e EUA!!

Slott´s Avengers

Poucas horas atrás, anunciamos que o roteirista Dan Slott que ficou bastante conhecido por suas histórias da Mulher-Hulk, assumirá sozinho a revista Mighty Avengers logo após a saída de Bendis no número 20. Sendo um fã declarado dos Vingadores, Slott abriu um pouco o jogo sobre suas pretensões no comando do título.

As mudanças de roteiristas após a Invasão

* Atenção! Informações inéditas no Brasil e EUA!

Neste sábado, um evento menor em Baltimore reuniu os roteiristas Brian Michael Bendis, Dan Slott e os editores C.B. Cebulski e Tom Brevoort numa apresentação aberta ao público que revelou quem estará no comando dos próximos títulos dos Vingadores do Universo Marvel além de algumas novidades para 2009.

Marvel Dark Reign

Entre as principais novidades anunciadas está a revelação do novo roteirista de Mighty Avengers após a saída de Bendis e ele é Dan Slott. Dan assumirá o título a partir da edição 21 e imediatamente estará deixando Avengers: The Initiative nas mãos de Christos Cage. Dan inclusive brincou dizendo que os fãs terão uma presença maior do Treinador, em virtude da predileção de Cage pelo personagem.

Assim, ficam confirmados quatro títulos de vingadores nesse novo Universo Marvel, já que Bendis assumirá tanto o New Avengers quanto o recém-anunciado Dark Avengers, com Deodato nos desenhos. Na edição 47 de New Avengers, Bendis revelou estar trazendo o foco mais uma vez para Luke Cage e Jessica Jones, que contará com os desenhos de Billy Tan e Michael Gaydos.

Já sobre a outra Jéssica, Bendis fez mistério. Anunciou que somente em março de 2009 estreiará Spider-Woman: Agent of the SWORD, com roteiros dele e desenhos de Alex Maleev. O destino de Jessica Drew só será revelado em Secret Invasion #08.

Ao ser questionado sobre a estrutura de como os Tie-ins da Invasão Secreta foram contados em relação a saga principal, Bendis comentou que esse era o tipo de narrativa diferente do que aconteceu com Dinastia M, por exemplo. É uma história de suspense e que o recurso de contar fatos em flashback foi uma opção que ele investiu e acredita que funcionou.

O final de Invasão Secreta levará a muitas explicações sobre o novo status quo, chamado Dark Reign. Lembrando que não se tratará de um evento, mas sim de uma consequência direta de como estará o novo mundo após a saga, Bendis desenhou com poucas palavras o que podemos esperar:

"A SHIELD está uma bagunça! A Stark-Tech também está totalmente bagunçada! Tudo isso se desaparecerá para que algo tome seu lugar".

Evil Illuminati

E mesmo não sendo claro, Bendis acabou revelando que os "Evil Illuminati" terão algo haver com isso tudo. E para quem não sabe exatamente do que estamos falando, eis abaixo a imagem que acabou vazando na internet sobre esse estranho grupo de vilões.

Slott fez pequenos anúncios sobre a revista do Homem-Aranha (que permanecerá ainda bem longe de Mary Jane) e dos Vingadores. Uma minissérie do Skrull Kill Krew estará prevista para breve, contando com o Homem-3D nela. E a identidade da Mutante Zero finalmente será revelada na edição 20 de Initiative.

Outras novidades foram sobre o futuro do Dr. Estranho que recentemente sumiu das páginas dos Vingadores e deve retornar em breve para explicar seu repentino sumiço e seu novo status como Mago Supremo. O mesmo vale para Wanda Maximoff e a Jóia do Infinito do Espaço que têm atual destino ignorado.

Coveiro

sábado, 27 de setembro de 2008

A arte de Web of Shadows

A arte de Web of Shadows

No dias 21 de outubro, os fãs do cabeça de teia podem correr para as lojas de games dos EUA pois a Activision marcou para essa data o lançamento do jogo "Spider-Man: Web of Shadows". Além dojogo que está sendo anunciado como uma inovação em multiplataforma, uma novidade estará disponível com exclusividade para os utilitários de Playstation 3 e Xbox.

A arte de Web of Shadows

Qualquer um que têm uma dessas duas plataformas e quiser adquirir seu jogo pela Best Buy, terá uma edição do livro "The Art of Spider-Man: Web of Shadows", cheios de ilustrações e informações sobre o advento gráfico que esse jogo gerou. A capa do livro é justamente essa logo acima, que pode servir como papel de parede pra seu desktop. Basta clicar no site da Marvel e baixar o tamanho que quiser.

Coveiro

Miss Marvel: Entre mortos e feridos, salvaram-se todos

Muita coisa aconteceu desde que Miss Marvel começou sua Operação Trovoada. Carol tem que lidar com muitas reviravoltas: desde a explosão da bomba de DNA e a revelação de que por trás dela e de um plano muito maior se encontrava um antigo inimigo, Madoc, até sua vida amorosa. Mas a vida sempre continua e a vingadora tem que se adaptar. Vamos aos acontecimentos.

Photobucket


Carol descobre que a operação contra a IMA não parece tão “simples” como imaginava depois de uma agradável visita de Maria Hill ao seu minitransportador. Ela quer deixar Danvers a par dos fatos e passar a responsabilidade do que está acontecendo nas células da IMA para a heroína, já que ela está tão por dentro do assunto e conseguiu diversos “favores” do diretor Stark, inclusive com a insinuação de que ela teria ganho “mais do que parece”, se é que me entendem (foi cruel da parte de Hill, mas foi divertido).

Ao que parece várias células da IMA estão em desordem e existe uma disputa de grupos pela liderança ou uma divisão, no caso de Sean Madigan (que se revela, mais tarde, filho de Modoc), que quer que se criem células independentes e mais eficientes (em terrorismo, etc...). Outra peça chave é Mônica Rappaccini, cientista suprema da IMA que quer a liderança da organização inteira pra si. Tudo isso, pois além do grupo terrorista já estar se afundando na própria divisão e burocracia, seu atual líder, Modoc, está morrendo. O mecanismo que transformou o técnico da IMA, um homem comum e dispensável, George Tarleton em um Mecanorganismo Operacional Destinado à Ocisão e Carnificina está o adoecendo. Seu organismo humano não está aceitando a parte mecânica, o cérebro aumentado e seus órgãos comprimidos e luta contra seu próprio corpo. Para ele, a bomba de DNA G-TAC (que rearranja a estrutura genética) pode ser uma cura. E seu filho, em anonimato, finge o ajudar, quando na verdade quer matá-lo e dividir a IMA. Além disso, ele revela que sabe do esquadrão de Danvers, pois tem um agente duplo na Operação Trovoada.

Photobucket

Bom, tuuudo isto é revelado aos poucos e Carol não sabe de nada em princípio. Ela tem que lidar com todas essas revelações, que não vem assim fácil como as coloquei, mas em meio de luta e muita confusão (não, não é um filme da sessão da tarde... mas poderia ser). Além de lidar com isto, ela tem que lidar com sua insegurança, a pressão de Hill e seu recém formado grupo... além das gracinhas inconvenientes de Magnum, que tem a vingadora como seu alvo atual.

Por falar nisso, fazendo um parênteses, Danvers estava saindo com William Wagner, que ela conheceu fora do campo de batalha e espera uma “relação mais saudável”. Finalmente ela acredita que tem algo bom acontecendo, o que não explica o fato de sonhar que dormia ao lado de Simon... Mas, sua relações públicas, Sarah Day, descobre algo sobre o rapaz (que não ficamos sabendo), mas que parece ser um segredo muito sério, já que ele se deu ao trabalho de fazer diversas alterações físicas e mudar de identidade. Ao que parece, ele só queria uma nova vida, mas Day o ameaça e diz que guarda seu segredo se sair da vida de Carol, pois esse envolvimento pode prejudicar sua imagem (com uma RP dessas, quem precisa de inimigo?). William sede e ao fim da saga, vemos seu término com Miss Marvel.

Photobucket

Voltando à IMA... Em meio a uma batalha que envolve todos os citados acima e mais um pouco, Madoc controla a mente de Magnum o fazendo desejar matar a protagonista. Ele a persegue e ela percebe que ele luta contra o que faz. Quando ele consegue dizer “violência só alimenta o processo”, ela sabe bem o que tem que fazer: beijá-lo.

Espertinho ou não, funciona e ele volta ao “normal”, mas não sem um momento desconfortante (depois do certo “clima”) e fotos de celulares que apareceram logo na mídia. Mas não há tempo pra isso, pois a luta insana continua. Nesse meio tempo em que os vingadores estavam “distraídos”, os agentes têm de lidar sozinhos com tudo. Agente Sun revela-se mais do que parecia ao absorver um impacto de uma queda de muitos andares e ainda dar conta de um animal-comedor-de-gente (coisas da IMA) sozinho. Agente Locke acaba proferindo uma força Psi (recurso da SHIELD) para não morrer, que é quase o que acontece, e termina hospitalizada, e não mais com sua função como psíquica na SHIELD.

Photobucket

Em meio a isso, Sean estava com as mãos na bomba G-TAC quando Mônica tenta detê-lo, mas ele consegue se teleportar com Modoc a tempo, graças ao agente duplo na trovoada que desbloqueia por alguns segundos o bloqueio de teleporte que estava ativo. Mônica fica em poder da SHIELD e oferece ajuda, revelando todo plano de Sean que, na verdade, pretende matar Modoc com a bomba e dividir a IMA. Sua proposta é “me deixem com a liderança da IMA e ajudo... o que preferem lutar, contra uma IMA ou várias?”. O que chega até a ser engraçado.

De qualquer forma, Madoc já está com a bomba “embutida” prestes a detonar em plena cidade e Carol abosrve toda energia que pode levando ele pra longe e jogando-o no espaço. Tudo parece muito normal e “tals”, mas enquanto ela absorve a energia algo muito estranho acontece. A ação da bomba sobre ela a transforma em uma “super miss marvel”, bombada e azul, de olhos vermelhos...e pior, que tem outras vozes falando com ela. As vozes dizem que tem que reverter o processo para salvá-la, pois dependem dela para sobreviver. E ela aparentemente as escuta, o que assusta as vozes que não achavam que Danvers poderia ouvi-las. Ela apenas cai, neste estado, nos braços de Simon (falando coisas estranhas) que a leva para uma base para atendimento, mas ao chegar lá ela já está de volta ao normal. Esse mistério de “cura” já havia acontecido na luta contra Flagelus um tempo atrás.

Photobucket


Ao fim, descobre-se que o agente duplo era, obviamente, o agente Baines, que tem um funeral com toda pompa e nada revelado, já que um problema financeiro depois que seu pai morreu de câncer o levou a isso. Modoc sumiu após ser jogado no espaço pela vingadora, como é previsto pra todo super vilão que deve ter seu paradeiro misterioso para um futuro reaparecimento. Operação Trovoada continua apesar das perdas e Sean conseguiu o que queria ao dividir a IMA, mesmo que tenha sido morto por Mônica (livre) logo em seguida. Ela, que, aliás, controla um quarto da organização e tenta reconstruir uma IMA unificada. O corpo do filho de Modoc é levado por agentes da unidade de pesquisa de reanimação da organização terrorista e usam seu corpo como fizeram com seu pai um tempo atrás, surgindo Dementor.

A saga termina com um novo vilão, uma velha IMA, mistérios sobre o que acontece com Carol, mas a mesma mulher de sempre: indecisa, duvidosa de suas capacidades e do que acontecerá no futuro e com medo de cometer um deslize aparentemente tão esperado. Miss Marvel ainda tem muito que lutar seja contra vilões, organizações, ou contra quem quer vê-la cair... Mas, principalmente, contra si mesma.

Photobucket

Cammy

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Novos X-Men: Forjados em Fogo


New X-Men #40

Os Novos X-Men vivenciaram mais uma fase de sua "visita" ao limbo. Anole desenvolveu um braço superforte no lugar do membro arrancado, e Pedreira, mais uma vez, reconstituiu-se, agora com rochas místicas da dimensão infernal. Dessa maneira, os dois foram capazes de impedir que Illyana usasse o espírito da Fada, como Belasco fez com a pobre Rasputin quando era apenas uma criança. Mas o processo foi o suficiente para se produzir uma adaga espiritual, única arma capaz de enfrentar o demônio, arrancando uma parte da alma da mutante galesa. Torturando outros membros do jovem grupo de mutantes, Belasco literalmente brinca com a “sem alma” X-23, destruindo e reconstituindo seu corpo. Pela alma de Illyana, ele promete trazer a Terra ao Limbo. Na Terra, Faísca e Satânico, com ajuda de uma enfraquecida Amanda Sefton e da UNI, conseguem levar o Sentinela Megaton até o limbo, em missão de resgate. Isso tudo em X–Men 80. Na edição 81 chegamos à última parte do aparente retorno de Magia ao universo mutante.

O esforço de Illyana, cuja alma está perdida junto com sua espada espiritual, e por isso foi rejeitada por Belasco, para treinar Fada em seu encanto de teleporte só é interrompido pelas reclamações hilárias de Pedreira, rapidamente defenestrado por Anole e Olhos Vendados. Às portas do castelo do demônio, Faísca e Satânico deixam Megaton e partem para salvar seus amigos. Ainda furioso, Belasco é surpreendido pelos dois, mas logo os derruba, demonstrando seu imenso poder. A ira de Nori se apazigua, quando percebe que David não está morto.

Novos X-Men

Finalmente, o grupo formado por Anole, Fada, Olhos Vendados, Nezhno, Lobinho, Estopim, Loa, Pedreira e Illyana, que se cobre com sua carapaça, chega. A irritação de Belasco parece aumentar ao vislumbrar aquele ser sem alma, cuja forma lembra o objeto de sua ambição. O ímpeto dela em atacar o demônio só não parece maior que o de Santo, o que é rapidamente respondido com um ataque liderado por Sym. A batalha se reinicia.

Novos X-Men

Em meio à luta, Illyana insiste que precisa terminar o processo de criação da espada espiritual, sacrificando a alma da Fada. Quando Belasco está prestes assassinar o que sobrou de Illyana, X-23, ao invés de combatê-lo com força bruta, decide liberar as irmãs Stepford, que o atacam em seu ponto fraco: sua mente. E elas desvendam o que aconteceu.

Novos X-Men

Belasco sempre raptou crianças e usou suas almas para se satisfazer. Mas com Illyana foi diferente. Quando perdeu o controle sobre seu espírito, o demônio sentiu uma dor imensa, pois ele amava a menina. Após ver a “ilusão” criada pela Feiticeira Escarlate durante a Dinastia M, tentou recuperar seu amor, mas tudo que conseguiu foi recriar uma casca vazia, que agora o combatia. Mas sua força demoníaca acaba por livrá-lo do domínio das trigêmeas, fazendo com que aquela luta parecesse definitivamente perdida, com a aparente união ente o Limbo e a Terra se iniciando.

Novos X-Men

Lex, o piloto do Sentinela Megaton, tenta acordar Amanda Sefton, para que busque uma forma de impedir o processo, que é sentido pelo Dr. Estranho, o mago supremo da dimensão terrena. Em um último esforço, os jovens mutantes se lançam contra Belasco, enquanto Illyana diz a Fada que ela é a alma mais pura que desceu ao limbo, e somente usando isso seria possível vencer. Megan aceita, crava a adaga nas costas do demônio, e, em posse de uma jóia sangrenta, a desalmada Illyana se torna a última visão de Belasco, enquanto é destruído sem piedade.

Novos X-Men

Tornando-se a senhora do Limbo, Magia cobiça o restante da alma da Fada, para assim ter cinco jóias sangrentas e um imenso poder. Quando recusa o nome Illyana, preferindo Filha das Trevas, ouve a voz de Colossus, que chegara momentos antes da derrota de Belasco, com outros X-Men. “Floquinho de Neve”, exclamou em tom de dúvida o mutante russo, lembrando o apelido pelo qual tratava sua irmã mais nova.

Novos X-Men

Algo de Illyana permanece naquele corpo, já que ela reage instantaneamente a esse estímulo. Irritada por saber que não é inteiramente sua irmã, expulsa a todos (inclusive a Fada, cuja fração da alma permanece perdida), mandando-os de volta à Terra, trancando o limbo, e lamentando não ter conseguido encarar seu irmão.

Novos X-Men

De volta ao Instituto Xavier, as coisas ficaram, pelo menos fisicamente, como se nada tivesse acontecido. Mas a experiência ficou. Anole mantém seu braço supercrescido, Pedreira continua composto por rochas do limbo, os membros da última geração de mutantes se tornam cada vez mais próximos uns dos outros, e Fada sente o vazio em sua alma. Em meio a esse clima pesado, Pedreira demonstra que há mais sob aquela rocha do que uma aparente estupidez, trazendo a notícia que convenceu Ciclope a integrar Victor e Megan à formação oficial dos Novos X-Men.

Novos X-Men

No limbo, com seu novo servo Sym, Illyana reina e planeja uma forma de recuperar sua alma.

Novos X-Men

Mais uma vez os Novos X-Men passam por uma prova de fogo, sobrevivendo e amadurecendo no processo de uma forma muito semelhante ao que aconteceu anos atrás com os Novos Mutantes. As histórias desse grupo se estabelecem como das mais interessantes dos títulos X, e preparam caminho para uma nova fase tanto dos X-Men quanto dos próprios jovens mutantes cuja luta por sobrevivência temos acompanhado desde a dizimação.


« Jøåø »

Surpreendentes X-men: Capas Variantes


Surpreendentes X-men

A conclusão da passagem da dupla Joss Whedon e John Cassaday por Surpreendetes X-Men está próxima do fim. A edição do mês que vem trará a conclusão do arco final, contido originalmente numa edição com mais páginas. Para os leitores que se tornaram fãs da série, e já estão com saudades, resolvemos publicar aqui as seis capas variantes assinadas por Cassaday das edições 19 a 24. Divirtam-se!

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Surpreendentes X-men: Capas Variantes

Espero que não seja tarde demais, mas fica aqui a sugestão para que o pessoal da Panini não deixe de publicar essas capas na ultima edição da dupla em X-Men Extra 82, em Outubro.

Coveiro