quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Longe de Casa quase teve cena continuando a descoberta da Tia May sobre o Homem-Aranha

Graças aos maciços eventos de Vingadores: Ultimato, as direções tomadas para o filme do Homem-Aranha seguiram um caminho bem diferente. Quem fala sobre isso é Chris McKenna, um dos roteiristas do filme Homem-Aranha: Longe de Casa, que contou que originalmente o filme começaria logo após a descoberta de que Peter era o Homem-Aranha por parte de sua tia May, pegando o gancho final de 'De volta ao lar'



McKenna diz que a cena ocorreria já no meio de uma conversa com Peter tentando se explicar. May ficaria na denfensiva. "Ela ficaria, tipo, 'Do que você está falando? As pessoas estão atirando em você!' e ele diria 'Eu posso desviar' contou Chris McKenna à Backstory Magazine. “E ela diria 'Você pode desviar disso ?!' e na cena, em que eles estão conversando num telhado, May está tentando atirar nele com uma das pistolas de paintball do Peter, e ele acaba desviando e fazendo todas aquelas suas coisas acrobáticas. Então ele diz 'Não se preocupe, sou forte'. Ela pergunta 'Quão forte?', E então eles vão para um canteiro de obras, e ele está levantando tratores e guindastes e outras coisas".

Se essa cena te parece familiar, saiba que não é o único a achar isso. McKenna acrescentou que "Fico feliz por não termos feito essa sequência por várias razões, particularmente porque acho que no Shazam! há toda uma sequência onde eles fazem exatamente a mesma coisa!" Daí, com tudo que tivemos de Vingadores: Ultimato, eis que o diretor Jon Watts aperfeiçoou a ideia de começar o filme com uma transmissão de notícias produzida pela Midtown School, que recapitula as consequências do Ultimato após uma breve sequência de abertura onde Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Maria Hill (Cobie Smulders) encontra o novo super-herói Mysterio (Jake Gyllenhaal) no México.


“Uma das coisas divertidas dos filmes do Homem-Aranha é que ele é um super-herói que está no nível mais pé no chão, e muitas vezes ele está lidando com coisas mais reais do mundo, em oposição a coisas maiores e mais épicas” acrescentou o co-escritor Erik Sommers na matéria da revista. “Acho que todos da equipe de criação viram isso como uma oportunidade de mostrar alguns exemplos divertidos do efeito que o estalo - ou o Blip, se quiser chamar assim - teria na vida cotidiana, especialmente no ensino médio. Então passamos muito tempo falando sobre as implicações do estalo, especialmente para essas crianças. E então começamos a criar todos os tipos de pegadas e piadas e tudo, e isso começou a ser divertido. Depois veio a adição de Brad, que era apenas uma criança antes do estalo, mas agora é cinco anos mais velho e está na aula com eles. Começou a ser realmente divertido ”.

Homem-Aranha: Longe de Casa estreou na semana passada no Brasil e tem no elenco Tom Holland (Peter Parker), Jacob Batalon (Ned), Zendaya (MJ), Tony Revolori (Flash), Angourie Rice (Betty), Marisa Tomei (Tia May), Jake Gyllenhall (Mysterio), Numan Acar (Dmitri), Martin Starr (Mr. Harrington), J.B. Smoove (Mr.Bell), Remy Hii (Brad Davis), Samuel L. Jackson (Nick Fury) e Cobie Smulders (Maria Hill), dentre outros. A direção do filme é de novo por conta de Jon Watts.

Coveiro

comments powered by Disqus