segunda-feira, 28 de junho de 2021

Caminho do X: Ressaca do Hellfire Gala e os problemas da Primeira Lei de Krakoa

 Na primeira edição de Way of X, enquanto que refletia sobre a necessidade de recriar uma religião para o povo de Krakoa, o mutante Kurt Wagner, também conhecido como Noturno, acabou se deparando com uma questão sobrenatural que era associada por todos como sendo um tipo de bicho-papão ou fantasma chamado 'Patchwork Man' ou 'Homem Colcha de Retalhos'. A busca do mutante azul por uma resposta o levou a se deparar com a psique ressurgida do Legião, o filho de Xavier conhecido como David Haller.

A edição 2 de Way of X retrata como foi esse encontro, com Legião pertubando a mente de Kurt, mas afastando qualquer relação dele com o tal  'Homem Colcha de Retalhos'. Em troca de ajudar Noturno com esse mistério, Legião o convocou para a missão de resgatar o que restou do corpo físico de Haller numa instalação da Orquídea secreta na Arábia Saudita antes que seus poderes perdessem o controle de novo e desconfigurassem essa realidade. Kurt invadiu o lugar com a ajuda de Fada e o Dr Nemesis. Quando a mente fragmentada de Legião começou a atingir todos, Kurt não viu outra alternativa senão matar o cérebro mantido vivo de David e cessar aquela loucura mística. A cena chama atenção pelo detalhe do Kurt desistir de pedir o perdão pelo assassinato já que não fazia sentido uma vez que Haller seria trazido de volta.


Em Krakoa, a ressureição de David Haller parece ter causado uma tensão grande em todos presentes. Os mais corajosos se aproximaram para o grande momento, mas Charles Xavier pareceu hesitar em restaurar o backup mental do filho por achar que seria um risco ao bem da ilha. Legião era muito instável, disse o Professor X. Contudo, David Haller não precisou do pai para sua mente voltar no mesmo corpo. Era tão mais poderoso que sua forma astral sozinha sobreviveu a morte e ela mesmo ocupou aquela nova forma.

David tentou acalmar o pai dizendo que levaria um tempo para suas "outras vozes" ficarem altas e baguçarem ele de novo. Contudo, disse que não confiava nem em Xavier e nem em Magneto. Não participaria da festa do Hellfire Gala e ressaltou que só confiava em Kurt, somente o alemão parecia estar ciente de que havia algo de muito errado nas sombras da ilha. Ao se afastarem dali, Legião cumpriu o prometido e falou quem era o 'Patchwork Man'. É o Massacre! Sim, o próprio. E Legião não quer que a notícia se espalhe, especialmente para Xavier ou Magneto, até entender melhor o que essa volta desse ser significa.

Já na edição #3 de Way of X, acompanhamos no início um Noturno muito bebado circulando pela Hellfire. Vemos alguns flashes de memória de Kurt em momentos chaves da festa e que podem ser vistos em outras revistas ligadas. No dia seguinte, ele tem uma baita ressaca e precisa de um Krakokafé criado pelo Dr Nemesis para aliviar a dor de cabeça. Mas engana-se quem acha que a festança acabou. Com a nova Arakko em Marte, tivemos o que seria uma Pós-Pós-Festa mais agitado. E festa significa azaração, que significa...mais da primeira lei de Krakoa... Façam mais mutantes.

Curiosamente, contrastando com essa lei, Kurt acaba se deparando com a mutante Stacy X vendendo contraceptivos para os jovens no lado da festa. Kurt a questiona sobre porque fazer isso e não abertamente deixá-los... fazer mais mutantes. Pra explicar melhor, Stacy leva Kurt até um local da ilha chamado Bower e revela que além de ter seus poderes de volta, ela efetivamente os usa para formar casais. Bower é considerado por ela como sendo um espaço seguro para mutantes inseguros e solitários encontrarem alguém e fazerem uma conexão, Stacy usa seus poderes para ampliar suas atrações e desejos inerentes para que eles possam fazer uma conexão com alguém da maneira que se sentirem confortáveis. 


Quando Noturno compara com a um bordel, Stacy se ofende e revela que o Bower também é efetivamente um orfanato Krakoano, com a jovem hospedando todos os bebês mutantes abandonados que foram deixados na ilha. É isso mesmo! Noturno liberou a primeira lei, mas pouco se preocupou em assegurar que os novos mutantes fossem de fato criados por seus pais. Por isso, até Krakoa definir um sistema de adoção oficial, ela continuaria ofertando anticoncepcional por aí sim.

Agora, vamos abrir um interlúdio aqui para falar de outro acontecimento na ilha protagonizado pelo Legião. Quando fada conta para ele que as mutantes Loa e Mercúrio tinham dificuldade de se 'conectar' fisicamente devido a natureza de seus poderes, David Haller se oferece para dar uma ajudinha psíquica e fazê-las se integrar... digamos assim... astralmente. Tudo parecia bem até que no ápice daquela conexão das duas surgiu mais uma vez o vil  'Homem Colcha de Retalhos'. As meninas fugiram assustadas e fada então deu um sermão em David por querer ajudar Loa e Mercúrio apenas para usá-las como isca.

De volta ao Bower, Stacy X explica a Noturno que a procriação será inevitável em Krakoa, mas o que a ilha precisa é que todos abracem a empatia e a conexão. Como exemplo,  ela revela que a nova mutante Lost tem ajudado Stacy a cuidar dos jovens órfãos. Kurt lembra dela no ritual de Súplicio que ela morreu para ressuscitar depois com poderes e refletiu que até agora eles não sabem que a machucou tanto no passado. Essa cena termina com a Lost perdendo o controle de seus poderes mais uma vez por conta culpa de um desajeitado Fabian Cortez e mais uma vez temos um vislumbre do Massacre aparecendo. Legião aparece com reforços, mas a entidade mais uma vez escapa.

 Ao encontrar mais tarde o Noturno e seus aliados no bar Lagoa Verde, Stacy X fala com eles sobre a importância das conexões mais do que procriações. Fada complementa o pensamento dizendo que essas conexões não podem ser forçadas e abruptas, meio que indiretamente cutucando o Legião pelo que ele fez com Loa e Mercúrio. E meio que exemplificando aquelas falas, o Dr Nemesis acaba criando coragem no final dessa edição para convidar a Cristal para dançar. Era algo que ele já vinha tentando fazer já fazia algumas edições.

Embora suas visões pessoais possam ser diferentes, Noturno tem lutado com as mesmas questões colocadas por Stacy X ultimamente e pode ter encontrado nela alguém que pode realmente ajudá-lo a realizar esses ideais. O lugar chamado 'Bower' pode se tornar uma parte crucial da religião mutante que Kurt está tentando decifrar. Já sabemos que o trabalho de Si Spurrier e Bob Quinn será limitado a poucas edições, mas não quer dizer que seja muito marcante. Já está sendo.

Coveiro

comments powered by Disqus