sábado, 13 de fevereiro de 2021

Nova promoart e uma entrevista com o elenco e shorunner de Falcão e o Soldado Invernal

Após o poster e último trailer de Falcão e Soldado Invernal, o site Entertainment Weekly foi logo atrás do elenco e do showrunner Malcolm Spellman pra ter uma conversa e tirar o máximo possível da série antes do seu lançamento em 19 de Março. A conversa bem divertida, veio acompanhada de uma nova promoart do seriado que você vê a seguir:



Seguir os passos do Capitão América é uma tarefa pesada - literalmente. Quando o Steve Rogers de Chris Evans se aposentou no final de Vingadores: Ultimato de 2019, ele deixou seu escudo estrelado para Sam Wilson, interpretado por Anthony Mackie. "Eu não percebi o quão pesado era", Anthony Mackie admitiu com uma risada na conversa. "Um peso de 5 kg pendurado em seu braço não é a coisa mais fácil de lidar."

O legado do Capitão América paira sobre o próximo seriado live action da Marvel, que tem Sam e Bucky como protagonistas. Sebastian Stan, que vive o Soldado Invernal de novo, sobre a relação da dupla, que passará juntos uma série de seis episódios numa épica aventura de super-heróis cheia de ação, misturado a uma comédia estranha disse que "Há um tipo de vaivém de um casal estranho. Tipo, 'Eu realmente não gosto de você, mas posso precisar de você.'"

Sam e Bucky têm sido aliados relutantes desde Capitão América: Guerra Civil de 2016, quando mantiveram essa richa apesar de estar do mesmo lado da batala com Rogers como seu capitão. Ambos são veteranos endurecidos pela batalha tentando deixar Steve orgulhoso, mas eles têm o que o escritor Malcolm Spellman chama de "uma dinâmica de fogo e gelo". “Há uma verdadeira química aí”, disse sobre Mackie e Stan, que costumam improvisar insultos no set. "Imagine começar a escrever a primeira parcela de uma série sobre policiais, sabendo exatamente qual é o ritmo e o sabor dos dois personagens antes mesmo de começar."

Sem revelar muito sobre a série, o showrruner fala sobre escrever uma série sobre a possibilidade de Sam de fato se tornar o novo Capitão América. "A ideia de se um homem negro poderia ou não se tornar o Capitão América parecia um grande momento e uma grande oportunidade" disse. Ao mesmo tempo, há uma justificativa pra série não ter sequer dado chance de Bucky se tornar um capitão como foi um dia nos quadrinhos, já que Bucky ainda tem muito o que se acostumar em ser um homem fora do seu tempo. "Como esse cara funcionava em 2021, nos tempos de hoje?" Stan explica. "E há partes cômicas: como ele lida com a tecnologia? Esse cara está pedindo Postmates em casa?"

Sobre o ritmo do seriado que não vai perder a veia cômica que se pode aproveitar com a união dessa dupla improvável, Anthony Mackie diz que parte do clima ainda é tenso. “Não perdemos aquele sentimento de segurança e espionagem”, disse Mackie. "Ainda parece que você está em um romance de Philip K. Dick [ou] um filme de Tom Clancy. Mas, ao mesmo tempo, somos Sebastian e eu, e somos idiotas, então você consegue mais de nós sendo nós mesmos."

Na série, teremos a volta do Falcão (Anthony Mackie), Soldado Invernal (Sebastian Stan), Sharon Carter (Emily VanCamp) e Zemo (Daniel Bruhl). Fora eles, foi confirmado a chegada de John Walker, o Agente Americano (Wyatt Russell) e a jovem Karli Morgenthau (Erin Kellyman), uma versão feminina do Apátrida no UCM. Outros atores confirmados foram Carl Lumbly, Adepero Oduye, Clé Bennet, Noah Mills, Julie Zhan, Desmond Chiam, Georges St-Pierre,  Danny Ramirez e Miki Ishikawa em papéis não anunciados. Falcão e Soldado Invernal voltou agora as gravações e será dirigida por Kari Skogland com roteiro de Derek Kolstad, Michael Kastelein e Malcolm Spellman. 

Coveiro

comments powered by Disqus